Emagrecimento Nutrição

Saiba quais são os benefícios do adoçante stévia para a saúde

Com a busca por uma alimentação mais saudável ficando cada vez mais consciente nos últimos tempos, alguns alimentos têm se destacado por oferecer inúmeros benefícios à saúde e, com isso, passando a servir como substitutos de outros que possuem efeitos negativos ao corpo e à mente.

Dentre eles está o adoçante stévia, que você vai conhecer um pouco mais no nosso artigo de hoje. Adotado cada vez mais por pessoas que querem acabar com o consumo excessivo do açúcar na alimentação e prevenir o desenvolvimento de doenças, como a diabetes, este incrível alimento tem sido inserido na dieta de muita gente, inclusive no caso de quem quer perder peso.

Isso porque, além de conter propriedades medicinais e ser rico em nutrientes essenciais ao bom funcionamento do organismo, o adoçante stévia não possui calorias e é capaz de adoçar 300 vezes mais que o açúcar, mas sem oferecer os mesmos riscos à saúde que este último.

Portanto, ele é altamente recomendado por especialistas à pessoas diabéticas ou que estão lutando contra a balança para emagrecer e conquistar o corpo dos sonhos.

Quer saber mais sobre o adoçante stévia e quais são os benefícios que ele pode trazer ao seu corpo? Então, continue lendo esse post até o final e descubra tudo isso e muito mais!

O que é o adoçante stévia?

Também conhecido como capim doce e açúcar verde, o adoçante stévia nada mais é do que um tipo de açúcar extraído de uma planta chamada Stevia Reubadiana, descoberta em meados de 1905 pelo botânico suíço Moisés Santiago de Bertoni e oriunda principalmente da América do Sul.

Inclusive, várias pesquisas indicam que já existem mais de 200 espécies desta planta somente na América do Sul, sendo que o consumo é datado há vários anos pelos nossos ancestrais indígenas, que a utilizavam para fins medicinais e, também, na culinária doméstica para adoçar bebidas e alimentos, o que fez com que ela fosse chamada carinhosamente de “flor de mel” ou “erva de mel”.

O seu gosto peculiarmente adocicado se dá por conta de duas substâncias naturais presentes na composição da planta Stévia, a estevioside e o reubadiosídeo. Enquanto a primeira é responsável por fornecer um sabor mais amargo, a segunda oferece um gosto mais agradável, sendo a mistura dessas duas no paladar que resulta em um adoçante delicioso.

Além de adoçar muito mais que o açúcar tradicional que nós temos normalmente na cozinha – podendo adoçar até 300 vezes mais – o adoçante stévia também é excelente para manter a saúde e bom funcionamento do organismo em dia, uma vez que possui propriedades hipotensivas, hipoglicêmicas, adoçantes, digestivas, diuréticas, tônicas, antifúngicas e antibacterianas.

No decorrer desse artigo, você vai conhecer quais são os principais benefícios que o adoçante stévia pode oferecer à sua saúde e como você pode inseri-lo na sua alimentação diária para obter todos os efeitos desejados.

Benefícios

Agora que você já sabe o que é o adoçante stévia e como se deu a sua descoberta, chegou a hora de você conhecer quais são os seus principais benefícios à saúde. Confira abaixo os principais deles:

Controla os níveis de açúcar no sangue

Ao contrário do açúcar tradicional, o adoçante stévia pode ser um grande aliado de pessoas diabéticas ou que estejam passando por uma dieta de emagrecimento. Isso porque, por não conter as mesmas propriedades que o açúcar comum, ele não aumenta os níveis de açúcar na circulação sanguínea.

Não engorda

Como você já leu no decorrer desse artigo, o adoçante stévia não possui calorias e, por isso, é altamente recomendado para pessoas que desejam emagrecer. O motivo por ele ser mais leve que o açúcar comum é que ele é extraído de uma planta e não da cana, como o açúcar doméstico comum nas nossas cozinhas.

Previne a retenção líquida

Graças aos seus efeitos diuréticos, o adoçante stévia também ajuda a prevenir e combater a retenção líquida e os “inchaços” que ela causa na barriga. Por isso, mais uma vez, este alimento é altamente recomendado para quem quer emagrecer.

Controla a pressão arterial

Essa é uma boa notícia para quem sofre de hipertensão. Isso porque o adoçante stévia possui propriedades medicinais e pode ajudar a proteger a saúde do coração, controlando a pressão arterial e a frequência dos batimentos cardíacos.

Melhora a digestão

Você já sentiu um pequeno desconforto ou dores na barriga após comer algum doce? Pois bem! A boa notícia é que, com o adoçante stévia, você não passará mais por esses problemas, já que não causa nenhum efeito parecido com esse durante a digestão.

Ao contrário disso, as propriedades presentes na stévia ajudam a prevenir dores no estômago e facilitam a digestão, sem causar qualquer incômodo.

Como usar o adoçante stévia?

Depois de conhecer todos os benefícios da stévia para a saúde, você deve estar se perguntando como utilizá-la para aproveitar os seus efeitos no corpo. Mas, por incrível que pareça, o seu uso é tão fácil quanto o do açúcar comum.

Você pode usá-lo para adoçar bebidas e qualquer tipo de receita doce, como pães, cereais, sorvetes, iogurtes, ou fabricação de outros produtos, como refrigerantes sucos artificiais.

No entanto, vale lembrar que, como qualquer outro, o consumo da stévia deve ser regrado, pois o excesso pode causar nenhum problema à saúde. A dosagem recomendada é de 4 mg/kg por dia

Stévia faz mal?

Essa é uma dúvida muito comum de muitas pessoas, que por terem visto na TV ou em algum outro tipo de mídia, têm receio de tomar o adoçante stévia por ter medo de fazer mal à saúde. Porém, a resposta para essa pergunta é bem simples: depende.

Como assim? Calma, que eu te explico! A verdade é que, quando consumido em sua forma natural, o extrato de stévia não pode causar nenhum malefício à saúde ou efeito colateral.

No entanto, as suas versões industrializadas, que retiram a parte mais amarga da planta e deixam apenas a parte mais doce – o reubadiosídeo – e, além disso, passam por um longo processo de industrialização e, por isso, possuem uma grande quantidade de conservantes e perdem boa parte das suas propriedades benéficas à saúde.

Com isso, ele fica até 300 vezes mais doce que o açúcar comum, o que faz com que o seu consumo exagerado faça bem mal à saúde. Isso porque, por ser doce, quando consumimos a stévia, o organismo se prepara para recebê-lo como se fosse um açúcar, o que faz com que seja liberada a glicose na corrente sanguínea.

Porém, como o organismo não recebe a glicose, pelo fato de o adoçante stévia não ter essa substância em sua composição, ele passa a usar outras fontes de glicose para conseguir produzir energia para o corpo, causando um sério desequilíbrio.

Por isso, a dica é sempre que procurar um adoçante stévia consultar o rótulo do produto antes de comprar. Lembre-se: quanto mais artificial, menos benéfico o adoçante será para a saúde e mais efeitos negativos parecidos com o do açúcar comum ele poderá trazer. Fique atenta!

/* ]]> */