Infográficos Plantas Medicinais Saúde

Babosa (Aloe Vera): conheça 20 benefícios para a saúde

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Como muita gente já sabe, boa parte das plantas encontradas na natureza é de grande utilidade para a saúde e beleza humana, graças às suas propriedades medicinais e naturais, com a presença de nutrientes e vitaminas que podem tratar e prevenir diversos males que ameaçam o nosso corpo.

Dentre elas está a Babosa – ou Aloe Vera, seu nome científico – que é utilizada há milhares de anos por nossos antepassados para curar e prevenir os males à saúde do homem. Segundo registros históricos da planta, ela já é usada há mais de 5.500 anos como planta medicinal, conforme mostram papiros egípcios datados de 3.500 anos antes de Cristo.

Infográfico Babosa

Ainda, há indícios de que ela já era utilizada anos atrás até mesmo por outras civilizações – árabe, grega, romana, asiática, africana, egípcia, dentre outras – também com fins cosméticos e medicinais. Outra curiosidade interessante é que a Aloe Vera também é citada em diversas passagens bíblicas e, por este motivo, virou base de estudos científicos em várias partes do mundo.

De acordo com as pesquisas já atualizadas, ela pode trazer diversos benefícios à saúde, bem como à beleza, cuidando da pele, cabelos e tratando inúmeras doenças, como infecções e até mesmo o câncer.

Saiba mais sobre a Babosa e seus benefícios para a saúde humana lendo esse artigo até o final.

babosa

O que é a Babosa (Aloe Vera)?

A Babosa, também conhecida como Caraguatá, Erva Babosa, Babosa de Botica, Babosa de Jardim ou Aloe Vera – o segundo nome mais conhecido – é uma planta conhecida por suas propriedades medicinais e cosméticas, que servem para tratar vários tipos de doenças e, ainda, cuidar da beleza da pele e cabelos.

Ela é muito conhecida por seus efeitos calmantes, cicatrizantes e anti-inflamatórios, anestésico, anti-térmico, dentre outros, que podem ser muito úteis para a saúde humana, atuando na prevenção e tratamento de várias enfermidades.

A Babosa pode ser utilizada a partir do seu gel – ou baba, como as pessoas preferem chamar – e em forma de suco. O modo como você vai usá-la vai depender do tipo de tratamento que vai iniciar e qual o seu objetivo.

A planta, além de agir contra os males que atingem o nosso corpo, também é uma forte aliada da beleza. Ela é reconhecida por hidratar a pele e cabelos, sendo, de acordo com as lendas, o segredo da beleza de Cleópatra, a rainha do Antigo Egito.

babosa-1

Para que serve a Babosa (Aloe Vera)?

Como dissemos acima, o uso da Babosa está associado à uma série de finalidades, sejam elas medicinais ou cosméticas. Há uma diversidade de estudos que indicam as suas propriedades para tratar e prevenir doenças, além de embelezar e dar saúde à pele e aos cabelos.

Abaixo, você vai conferir os principais usos da Babosa e quais os benefícios que ela traz para o corpo humano:

1 – Babosa hidrata a pele

Essa é uma das principais funções da planta. A Babosa pode prevenir ou tratar diversos malefícios que acometem a nossa pele, isso por causa do seu efeito acelerador e regenerativo das células da derma. Ela atua como um hidratante natural ao deixar a pele mais bonita e prevenir o envelhecimento.

babosa-para-pele

2 – Babosa trata a acne

A Aloe Vera é muito utilizada para acalmar e acelerar a cura de uma grande diversidade de problemas de pele, como acne, erupções cutâneas, feridas, cortes e arranhões, picadas de insetos e hera venenosa.

3 – Babosa trata queimaduras

Ainda dentro dos benefícios da planta para a pele, a Babosa pode tratar, prevenir e curar queimaduras solares. Por este motivo, ela é encontrada como ingrediente principal nos principais cremes e loções para tratar queimaduras, inclusive em protetores solares, já que ela também ajuda no combate aos efeitos dos raios UV.

4 – Babosa reduz a celulite

É mais um dos benefícios da Babosa no que diz respeito ao âmbito dermatológico. Aliada a uma dieta firme e exercícios físicos, a planta pode ajudar a reduzir os furinhos indesejados na pele.

5 – Babosa melhora a saúde digestiva

Devido à presença dos ácidos graxos encontrados na planta, há uma redução do inchaço e irritação no estômago, intestino delgado e cólon. Ainda, as suas propriedades anti-ácidas auxiliam e previnem a indigestão e seus nutrientes compensam deficiências nutricionais do corpo.

Além disso, a Babosa pode aumentar a produção de linfócitos T e melhorar a imunidade do organismo, ajudando-o na capacidade de combater infecções.

6 – Babosa alivia prisão de ventre

A Aloe Vera pode ajudar na prisão de ventre ou constipações intestinais, graças às suas propriedades laxantes. A ação se deve ao látex encontrado no gel da planta, que é conhecido por colocar o intestino em movimento.

Neste caso, a planta serve como um purgante e induz a diarreia. Desta forma, ela ajuda a aliviar o trânsito intestinal e evitar a prisão de ventre.

babosa-para-prisao-de-ventre

7 – Babosa alivia problemas bucais

A polpa da Babosa é um excelente ativo medicinal e permite aliviar feridas, como aftas, gengivite e estomatites.

8 – Babosa protege os cabelos

Assim como na nossa pele, a Babosa atua na proteção dos cabelos, na forma de um protetor solar, cuidando do couro cabeludo contra os raios UV, ou os protegendo contra os danos cotidianos como o clima seco, o vento, a chuva, a secura, a oleosidade, tornando os cabelos mais brilhantes e sedosos.

babosa-para-cabelos

9 – Babosa contra a queda de cabelo

Dentro dos benefícios para o cabelo, a Babosa é amplamente utilizada contra a queda dos fios. O seu uso pode reduzir e até evitar a queda, graças ao seu poder de fortalecimento da raiz capilar.

10 – Babosa ajuda a eliminar caspas

Ainda falando dos benefícios da planta para os nossos cabelos, a Aloe Vera ajuda a eliminar as caspas e outras seborréias que atingem o couro cabeludo. Para isso, é preciso lavar os cabelos com o gel (baba) da Babosa ou investir em produtos que contenham a planta dentre seus ingredientes.

11 – Babosa como relaxante para o corpo

A babosa tem propriedades anestesiantes que relaxam os músculos da cabeça. Por isso, é muito utilizada na hora de lavar os cabelos. Ao levar a Babosa aos cabelos, é só massageá-los, assim como o couro cabeludo, para obter um efeito desestressante.

12 – Babosa emagrece

Devido às suas propriedades depurativas, a Babosa pode ajudar na perda de peso, mas apenas se estiver aliada a uma dieta balanceada e à prática de exercícios físicos. Em geral, é utilizado o suco da planta para este fim. Misturado ao limão, pode trazer efeitos ainda mais benéficos, graças à alta concentração de substâncias antioxidantes.

Woman measuring waist

Woman measuring waist

13 – Babosa trata câncer de pele

Apesar de não haver estudos científicos que comprovem o uso da Babosa para este fim, há relatos de que a planta já mostrou efeitos positivos relacionados à cura do câncer de pele. Algumas pesquisas mostram a presença de propriedades anti-cancerígenas na Aloe Vera.

14 – Babosa baixa a febre

A Aloe Vera possui efeito antitérmico, nos casos de febre quando é ministrada uma compressa.

15 – Babosa combate dores musculares

A Babosa tem função anestésica, quando a compressa é submetida a dores musculares, anti-inflamatória e cicatrizante, sendo somente administrada a compressa no local da enfermidade. Ela pode aliviar também dores ósseas, enxaqueca, artrite e reumatismo.

16 – Babosa trata gripes e resfriados

Devido às suas propriedades antibióticas, a Babosa pode tratar gripes, resfriados, rinite, bronquite e asma.

17 – Babosa como energético para o corpo

A planta possui propriedades energéticas e é capaz de diminuir o estresse, a depressão, a anemia, além de controlar a diabetes e evitar problemas de má memória.

18 – Babosa aumenta o apetite sexual

Por ser uma fonte rica de energia, a Babosa também pode aumentar o apetite sexual.

babosa-para-apetite-sexual

19 – Babosa controla o colesterol

Devido à sua função ativadora da circulação sanguínea, a Aloe Vera remove o excesso de gordura das artérias e ajuda a controlar os níveis de colesterol.

20 – Babosa contra pedras nos rins

Graças à sua ação desintoxicante, a planta elimina as toxinas e ativa as funções dos rins e fígado.

Como usar a Babosa (Aloe Vera)?

O uso da planta pode ser feito de várias formas, seja através do seu gel (baba), suco, pó ou em produtos fabricados com a presença da planta. O modo como você vai ingerir a Babosa vai depender da sua finalidade, conforme os benefícios que nós mostramos anteriormente nesse artigo.

O gel – ou baba, como dizem por aí – é extraído da folha da Aloe Vera e é comumente para tratar doenças da pele, como acnes e queimaduras. Neste último caso, também são bem utilizados os cremes feitos a partir da Aloe Vera.

O suco é mais usado em casos de problemas digestivos ou para emagrecer, por exemplo, no qual a ingestão oral proporciona melhor efeito ao ir diretamente para o sangue.

Enfim, são várias as formas que você pode escolher para desfrutar dos benefícios da Babosa. Para saber como utilizar, tenha em mente qual o seu objetivo e o que quer tratar ou prevenir.

Aqui nesse artigo, você vai conhecer separadamente as propriedades do suco e do gel da Babosa. Veja:

Gel (baba) da Babosa

gel-da-babosa

O gel pode ser usado em forma de compressa ou aplicado diretamente na enfermidade. Conheça as suas propriedades e seus usos:

  • Antitérmica: geralmente, são utilizadas compressas feitas com o gel para ajudar a baixar a febre.
  • Anestésica: a compressa feita com o gel pode aliviar as dores musculares e ósseas, reumatismo e enxaqueca.
  • Anti-inflamatória: o gel pode combater inflamações, agindo como a cortisona no organismo, mas sem os efeitos colaterais da substância.
  • Cicatrizante: o gel extraído da folha dessa planta penetra nas três camadas da pele, facilitando a cicatrização de queimaduras e esfolados.

Receita

Ingredientes:

  • 1 folha de Babosa (Aloe Vera)
  • 1 copo de água

Como preparar:

Abra a folha, retire o gel e misture no liquidificador na proporção de 1 colher de gel para 1 copo de água. Agora, é só aplicar na região a ser tratada.

Suco da Babosa

suco-da-babosa

O suco da Babosa (Aloe Vera) é mais utilizado em casos em que é preciso combater males internos. Veja as suas principais propriedades e os seus usos:

  • Antibiótico: o suco combate gripes, resfriados, rinite, bronquite e asma.
  • Digestivo: o suco da Aloe Vera auxilia na digestão, evita azia e gases.
  • Energético: o suco serve para revigorar o apetite sexual, combater o estresse, a depressão, a anemia, e controlar o diabetes e a má memória.
  • Ativador da circulação sanguínea: utilize o suco para remover o excesso de gordura das artérias.
  • Desintoxicante: elimina as toxinas e ativa as funções dos rins e fígado.

Receita

Ingredientes:

  • 2 folhas de Babosa (cortadas e sem os espinhos)
  • 1 litro de água
  • 1 colher de mel
  • 1 maçã (ou suco de limão, no caso de quem quer emagrecer)

Como preparar:

Abra duas folhas da Babosa – tem que ser do gênero Barbadensis Miller, que é a indicada para consumo humano – e retire sua polpa.

Misture no liquidificador, adoçado com mel e 1 maçã, na proporção de 100g da polpa para 1 litro de água. Beber várias vezes durante o dia.

Efeitos colaterais da Babosa (Aloe Vera)

Mesmo sendo extremamente benéfica para a saúde, a Babosa deve ser ingerida de forma moderada, sempre observando os efeitos dela na pele, cabelos ou outro sintoma que você possa vir a sentir com o uso da planta.

De um modo geral, os efeitos colaterais da Aloe Vera no corpo incluem dor abdominal, diarreia, inflamação dos rins, ressecamento da pele, desmaio, hipotensão e nefrite.

Por isso, evite usá-la em excesso e procure um médico se sentir algum destes sintomas ou outro efeito negativo relacionado ao consumo da planta.

Contraindicações da Babosa (Aloe Vera)

Não há contraindicações quanto ao uso externo da Babosa. Porém, é importante ficar atenta ao utilizá-la de modo interno.

A Aloe Vera é contraindicada para crianças, grávidas e durante a amamentação, assim como em pacientes com inflamações no útero ou ovários, hemorroidas, fissuras anais, pedras na bexiga, varizes, apendicite, prostatite, cistite, desinterias e nefrite.

Onde comprar Babosa (Aloe Vera)?

A Babosa pode ser encontrada em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação e algumas feiras livres e mercados. Ainda, você consegue comprar a Aloe Vera pela internet, nas lojas virtuais de produtos naturais.

No entanto, se você tiver tempo, espaço e disponibilidade para cuidar de um jardim, saiba que você pode plantá-la em casa e usufruir de suas propriedades.

Perguntas frequentes

– A Babosa aborta?

Sim. Por isso, o consumo da planta não é indicado para gestantes, como nós mostramos acima. A Aloe Vera possui propriedades que podem interferir na gravidez e causar parto prematuro.

– Babosa afina o cabelo?

Não. Na verdade, acontece o contrário. A Babosa é muito utilizada para engrossar os fios e fortalecer o cabelo.

– Babosa ajuda no crescimento do cabelo?

Sim. Por ser muito eficaz no fortalecimento dos fios, ela pode ajudar os seus cabelos a crescerem com saúde. Inclusive, existem várias receitas próprias para o uso da Babosa no crescimento das madeixas.

– Babosa serve para reduzir estrias?

Sim. Devido às seus nutrientes, como lignina, saponinas, minerais como cálcio, potássio, magnésio, zinco, cromo, cobre, ferro e manganês; betacaroteno (pró-vitamina A), vitaminas do complexo B, vitaminas C e E, colina e ácido fólico, a Babosa é um ótimo remédio caseiro para eliminar ou amenizar as estrias.

– Babosa alisa o cabelo?

Sim. A planta tem alto poder hidratante. Ao ser utilizada, a Aloe Vera fecha as escamas do cabelo, deixando mais lisos e maleáveis.

– Babosa serve para curar hemorroidas?

Sim. Graças às suas propriedades cicatrizantes, calmantes e reparadoras, a planta pode aliviar as dores e até curar o problema com hemorroidas.

A Aloe Vera ajuda a aliviar a coceira, o ardor e inflamação e, ainda, fechar as feridas e cicatrizá-las de forma mais rápida. Além disso, ela regenera os tecidos da pele danificados, auxiliando na sua recuperação.

10 comentários

Comentar

/* ]]> */