Frutas Nutrição

Cranberry: conheça os seus benefícios para a saúde

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

De tempos em tempos, é comum surgirem alimentos que se tornam heróis da saúde e beleza. É claro que alguns acabam caindo no esquecimento com o tempo, mas outros são estudados pela ciência, têm os seus benefícios comprovados, e passam a fazer parte do cardápio diário de muitas pessoas, especialmente aquelas mais preocupadas com o bem-estar do corpo.

Na categoria frutas, por exemplo, as que fazem parte do grupo de berries (como é o caso da goji berry, blue berry e golden berry, que você já conheceu anteriormente aqui no blog), uma delas têm chamado a atenção no Brasil ultimamente por conta dos inúmeros efeitos positivos que ela oferece à saúde: a cranberry.

Oiginária da América do Norte, a frutinha vermelha, conhecida entre nós brasileiros como oxicoco, é bastante usada na prevenção de doenças do trato urinário. Isso porque ela é rica em propriedades funcionais e terapêuticas, que podem ajudar a inibir a aderência de bactérias nas vias urinárias.

No entanto, como ela contém uma grande quantidade de nutrientes essenciais ao bom funcionamento do corpo, dentre eles, vitaminas do complexo B (B1, B2, B3 e B6), vitamina C, vitamina E, vitamina K, além de minerais como magnésio, potássio, cálcio, ferro, sódio, fósforo e zinco, a cranberry também pode trazer outros benefícios à saúde, inclusive tratar e prevenir diversos tipos de doenças e, devido às fibras que ela oferece, ainda ajuda a emagrecer.

Quer saber quais são os benefícios da cranberry? Então, continue de olho nos próximos parágrafos desse artigo e descubra como consumir a fruta, quais são os efeitos colaterais e contraindicações e onde encontrá-la. Vem comigo!

Benefícios

1 – Melhora a saúde cardiovascular

Devido à alta concentração de flavonoides presentes na frutinha vermelha, ela é capaz de oferecer propriedades antioxidantes poderosas à nossa saúde cardiovascular. Ao consumi-la de forma regular na alimentação, você pode reduzir o risco de doenças no coração, dentre elas, a aterosclerose.

2 – Previne o câncer

A cranberry é rica em substâncias chamadas proantocianidinas e flavonoides, que são consideradas capazes de inibir o crescimento de células cancerosas. Portanto, ao inseri-la no seu cardápio diário, você pode prevenir o câncer e diminuir a mortalidade pela doença.

Além disso, o suco da frutinha vermelha contém componentes anti-cancerígenos que interferem com o crescimento de células de câncer, especialmente aqueles associados ao câncer do cólon e da próstata.

3 – Previne infecções respiratórias

Vários estudos já comprovaram que a cranberry ajuda a inibir certas estirpes da gripe Haemophilus, a principal causadora de infecções respiratórias, especialmente em crianças. Sendo assim, ao incluí-la no seu cardápio e dos seus filhos, é possível prevenir doenças respiratórias.

4 – Combate infecções do trato urinário

Esse é o benefício mais conhecido da cranberry. Mais uma vez, devido à presença das proantocianidinas em sua composição, o consumo da fruta vermelha também pode ajudar a bloquear infecções no trato urinário.

Isso porque essas substâncias impedem que bactérias chamadas de “E.coli” grudem nas paredes do útero e da bexiga. Portanto, tomar apenas um copo de suco de cranberry por dia pode ser útil para prevenir ou tratar infecções no trato urinário.

5 – Ajuda a emagrecer

Excelente fonte em antioxidantes, que ajudam de forma eficiente no funcionamento correto do metabolismo e do sistema digestivo, a cranberry pode ajudar para que você perca peso mais rápido. Além disso, por ser rica em fibras, a fruta também pode aumentar a sensação de saciedade após as refeições, fazendo com que se sinta menos fome ao longo do dia e, portanto, para que se coma menos.

Por isso, se você estava procurando um alimento para te ajudar a dar um fim naqueles incômodos quilinhos a mais na balança, pode apostar na famosa frutinha vermelha, a oxicoco, para complementar a sua dieta.

6 – Melhora a saúde bucal

Novamente por conta das proantocianidinas presentes na cranberry, o consumo da fruta pode ajudar também a melhorar a saúde bucal, já que essas substâncias impedem que as bactérias se liguem aos nossos dentes, como comprovou uma pesquisa do Departamento de Odontologia da Universidade de Rochester Medical Center.

De acordo com os pesquisadores, a fruta vermelha também pode ser benéfica na prevenção de doenças na gengiva, como é o caso da gengivite.

7 – Previne pedras nos rins

Os ácidos presentes na composição da cranberry também são úteis na prevenção da formação de pedras nos rins. Por isso, a fruta pode ser a sua grande aliada no combate ao problema, junto à toma adequada de água durante o dia.

Confira outros benefícios da cranberry para a saúde:

  • Ajuda a reduzir os níveis de colesterol no sangue;
  • Previne a gastrite e úlcera, já que impede a fixação de certas bactérias na mucosa estomacal;
  • Melhora a nossa saúde mental;
  • Retarda o envelhecimento celular.

Como consumir cranberry?

A frutinha vermelha pode ser encontrada nas seguintes formas: cranberry em cápsulas, calda, suco, fruta fresca e fruta seca (desidratada). Portanto, você pode escolher a versão que mais lhe interessa ou incluí-las todas no seu cardápio para variar o consumo, desde que a ingestão não ultrapasse a quantidade diária recomendada de 480 ml.

Onde encontrar?

Aqui no Brasil é mais difícil encontrar a cranberry em sua forma in natura, sendo o seu suco a versão mais facilmente encontrada em supermercados e feiras. No entanto, as suas cápsulas também podem ser compradas em sites de produtos naturais na internet e fazem tão bem quanto a própria fruta. Vale a pena dar uma pesquisada!

As versões congeladas e secas também podem ser encontradas em território nacional, principalmente em lojas de produtos naturais e feiras orgânicas.

Contraindicações

O consumo de cranberry é seguro para a maior parte das pessoas, desde que a ingestão diária recomendada, que é de 480 ml. Gestantes e mulheres que estejam amamentando não devem consumir a cranberry e nem suplementos à base da fruta, pois não há informações de que eles são seguros para este público, já que ainda não existem estudos que comprovem sua segurança no uso e na quantidade.

Além disso, por conter quantidades significativas de ácido salicílico, tal como acontece com a aspirina, o cosumo da cranberry também deve ser evitado por pessoas alérgicas a esse medicamento. E não custa nada lembrar que os sucos da fruta que possuem adição de açúcar também não são recomendados para pacientes diabéticos. Estes devem consumir apenas a fruta em sua versão in natura.

Outra contraindicação importante é que, já que a cranberry é rica em oxalato, o seu consumo pode aumentar em até 43% as quantidades dessa substância na urina. O resultado é da piora ou desenvolvimento de pedras nos rins, já que o problema é causado justamente pela combinação de oxalato com cálcio. Por isso, se você tem histórico da doença, o consumo máximo recomendado do suco de cranberry deve ser prescrito por um médico.

Efeitos Colaterais

Consumir exageradamente a fruta ou beber muito o seu suco pode causar dor de estômago e diarreia leve. Então, a dica é ficar sempre atenta à quantidade diária recomendada, que é de 480 ml, ok?

Interações medicamentosas

O consumo da cranberry pode prolongar o tempo de permanência da Varfarina no organismo, um medicamento utilizado para retardar a coagulação sanguínea. Por isso, se faz uso contínuo desse remédio e pretende ingerir a frutinha vermelha, é importante saber que a combinação pode aumentar o risco de hematomas e sangramentos.

Além disso, a fruta também reduz a velocidade com que o fígado metaboliza alguns outros medicamentos. Portanto, ao consumi-la durante algum tratamento com medicação que é alterada por esse órgão pode aumentar tanto os efeitos esperados, mas também os efeitos colaterais de cada remédio.

/* ]]> */