Emagrecimento Nutrição Saúde

Calcule o IMC e saiba se está no seu peso ideal

Insira seu peso e sua altura para calcular seu IMC:

Digite sua altura com um ponto, por exemplo, 1.65.


Está pensando em começar uma dieta ou academia? Subiu na balança e ficou na dúvida se está dentro do peso ideal para você? O IMC (Índice de Massa Corporal) é a melhor maneira de avaliar a sua condição física antes de iniciar qualquer treino ou plano alimentar.

O cálculo leva em conta o seu peso em relação à idade e altura (PESO ÷ ALTURA x ALTURA) e, desta forma, indica se você está dentro, acima ou abaixo do peso certo. Não gosta de fórmulas matemáticas? Não se preocupe!

Você também pode calcular o seu IMC utilizando a nossa calculadora online acima! Basta inserir os seus dados e avaliar o resultado logo abaixo.

Como avaliar o resultado?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estabeleceu uma tabela de classificação do IMC, na qual você pode identificar a situação do seu peso de acordo com o resultado gerado na nossa calculadora online acima. Confira:

(COLOCAR TABELA DE CLASSIFICAÇÃO DO IMC)

Agora que você já sabe o seu resultado e classificação, fique atenta! Caso esteja fora do peso ideal, a dica é mudar a alimentação e praticar exercícios físicos, de preferência, com acompanhamento de um nutricionista e um educador físico, para conseguir atingir o mais indicado para você, de acordo com a sua altura e idade.

Importante!

  • Se você está abaixo do peso ideal, a recomendação é aumentar o consumo de alimentos ricos em nutrientes para que o corpo tenha o necessário para se proteger de doenças, como as mencionadas na tabela acima.
  • Se você está acima do peso ideal, o mais indicado é reduzir o consumo de alimentos calóricos e praticar atividades físicas para conseguir eliminar os estoques de gordura corporal, que aumenta significativamente o risco de doenças cardíacas e outras mencionadas na tabela anterior.

Quem não deve calcular o IMC?

Mesmo eficiente, o cálculo do IMC pode não funcionar adequadamente para alguns grupos de pessoas, o que chamamos de limitações do IMC.

Portanto, se você se encaixa em algum deles, como vamos mostrar abaixo, recomenda-se que você recorra a outros meios de diagnóstico para verificar se está realmente acima ou abaixo do peso ideal, como é o caso da medição da prega de gordura, por exemplo, bastante utilizada em academias e consultórios de nutrição para avaliar a condição física de cada pessoa.

Veja quais são eles:

  • Atletas ou pessoas muito musculosas: Isso porque não leva em consideração o peso dos músculos, que pode deixar o IMC alto, mesmo a pessoa não sendo gorda. Neste caso, a medida do pescoço é uma opção.
  • Grávidas: Isso porque não leva em consideração o crescimento do bebê.
  • Idosos: Isso porque não leva em consideração a redução natural dos músculos a partir dos 60 anos de idade.
  • Crianças e adolescentes (6 a 15 anos): Apesar de a fórmula para calcular o IMC ser a mesma para adultos, os valores de referência para avaliar os resultados são diferentes. Por isso, os cientistas criaram um IMC especialmente para crianças e adolescentes, chamado de IMC por Idade.
  • Diferenças raciais e étnicas também podem influenciar no cálculo do IMC. Por exemplo, descendentes asiáticos podem ser considerados acima do peso com um IMC de apenas 25.
  • Pessoas com desnutrição, ascite, edemas e pacientes acamados também não devem calcular o IMC.

Afinal, por que calcular o IMC?

O Índice de Massa Corporal (IMC) é uma medida internacional criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para identificar se uma pessoa está dentro ou não do seu peso ideal, de acordo com a altura e idade. O cálculo é utilizado pela maioria dos nutricionistas e educadores físicos como uma ferramenta primária para identificar problemas de peso em seus pacientes/alunos.

No entanto, para quem acha que calcular o IMC é ideal apenas para manter a boa forma física, a verdade é que o índice também serve para rastrear e avaliar o grau de risco de doenças, especialmente aquelas relacionadas às taxas de sobrepeso, como como é o caso de varizes, infarto e AVC, por exemplo, ou desnutrição, como infertilidade, bulimia nervosa ou ansiedade.

Sendo assim, é de extrema importância estar dentro do peso ideal, já que este está intimamente ligado ao seu estado de saúde, ajudando a prevenir doenças cardiovasculares e aumentar a qualidade de vida como um todo.

E você aí? Já calculou o seu IMC hoje? Aproveite a nossa calculadora online para conferir se você está dentro ou fora do peso ideal para você.

Cuide-se e até a próxima!

/* ]]> */