Casa Decoração

Casas rústicas: conceitos, dicas e novas visões

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Rústico é algo “referente ao campo ou à vida no campo; campestre”. Também pode ser um “objeto simples, feito sem preocupações de acabamento, aprimoramento; tosco”.

Mas as definições do Aulete são pontos de partida, não representam tudo o que as casas rústicas, por exemplo, podem ter. Na verdade, projetos assim são capazes de passar bem longe de certos conceitos originais, sem perder a essência, é claro.

É quando a palavra ‘tosca’ fica pesada demais para uma casa rústica que é, ao mesmo tempo, confortável e tecnológica; aconchegante e moderna. Quem disse que não dá para unir elementos tão diferentes? E tem muito mais nos próximos parágrafos… Não saia daí!

Uma casa de campo já tem no nome uma espécie de DNA campestre, mas pode ter todo o conforto que uma residência urbana dispõe quando o assunto é conectividade, eletrônicos, automatização, e por aí vai…

A vibe rústica está presente em cores terrosas, nos móveis que definem os ambientes e deixam tudo mais acolhedor. Para completar o clima, painéis de madeira de demolição e paredes com terracal na área social, além de suíte revestida com papel de parede de palha de seda.

Ou seja, tem como mixar criatividade, elegância e um certo ar de despretensão ao montar uma casa rústica nos dias atuais. O design está aí para isso! O importante é fazer os espaços ‘conversarem’ entre si, ter formas, materiais e cores com homogeneidade.

Até então, nada muito diferente dos demais projetos, sejam eles rústicos ou não, concorda? Porém, no caso de uma residência com uma pegada campestre, a conexão parece mais importante, uma vez que uma casa com essa proposta tem um toque extra de descanso e tranquilidade.

Quando o rústico é estilo de vida

slide2

Para algumas pessoas, adotar um estilo de vida mais simples, desapegado, é sinônimo de qualidade.

E casas rústicas podem ser pensadas especialmente neste sentido, em uma visão de mundo que não precisa ser desconectada totalmente de outras realidades, mas é capaz de proporcionar satisfação, tranquilidade, sustentabilidade e bem-estar.

Madeiras de área de manejo são perfeitas para compor casas rústicas. De preferência se elas tiverem algo do tipo sala com amplos painéis de vidro deslizantes que deixam uma bela paisagem à vista.

É um conceito que inclui muitas vezes colocar as mãos na terra, consumir alimentos produzidos nela, pegar leite no curral, entre outras tarefas.

Nele, há o resgate de valores antigos sem deixar de lado recursos como altas tecnologias.

Com a internet, dá muito bem para trabalhar em uma casa rústica, com tudo o que tem direito.

O cenário tanto serve para criar filhos de uma forma mais natural quanto para ter um negócio focado em produtos orgânicos.

estilo-country

No entanto, se este não é o seu projeto pessoal, não quer dizer que não possa aproveitar elementos deste universo para ter um dia a dia mais harmonioso, como se estivesse em um local que fosse um verdadeiro abraço.

Vigas no teto, cesto de flores, quadros pintados à mão, madeira, muita madeira… casa rústica praticamente não existe sem ela.

Na cozinha, colheres de pau, panelas do tempo da vovó, itens expostos como decoração – para ficar mais fácil de usar. A ordem é colocar tudo para fora dos armários. Ah! Mesmo que o ambiente seja em inox, umas boas paredes de pedra quebram o tom metálico e reforçam a proposta rústica.

No quarto, parede crua, teto de madeira (olha ela aí outra vez), mesinhas de cabeceira e luminárias. Simples assim. Casa rústica e cheia de estilo, sim! Na fazenda, na cidade, no campo, no sapê, no apê ou onde você preferir…

Inspire-se! Até o próximo post!
Veja também:

/* ]]> */