Turismo

Dicas para evitar estresse e perda de tempo nos aeroportos

Ir a um aeroporto é sinônimo quase sempre de longas horas de espera e aborrecimento. Os motivos são vários, assim como as dicas para evitar estresse e perda de tempo. Veja como…

Check-in – basta um documento de identificação válido para fazer o check-in. Nos voos internacionais, é indispensável o passaporte, exceto nos países que formam o Mercosul.

Nos voos operados dentro do Brasil (domésticos), a regra geral é de encerramento do check-in 1 hora antes do voo. Para os internacionais, existe limite de 2 horas de antecedência.

Evite filas utilizando seu código localizador nos totens espalhados na grande maioria dos aeroportos para assegurar seu assento no avião.

No entanto, o melhor mesmo é fazer o check-in é pela internet. Uma comodidade que as principais empresas aéreas já disponibilizam com até 48 horas de antecedência do embarque.

Um aspecto importante para ganhar tempo no check-in é informar – com no mínimo três dias de antecedência do voo – à companhia aérea sobre passageiros com necessidades especiais.

Lembrando que são considerados neste grupo as gestantes, lactantes, pessoas portadoras de deficiência, idosos a partir de 60 anos e crianças desacompanhadas.

Bagagem de mão – itens eletrônicos de uso pessoal, dinheiro, joias, objetos frágeis e papéis negociáveis só podem ser transportados como bagagem de mão. Quanto aos animais de estimação, é importante checar com a empresa aérea que procedimentos ela adota para que eles possam embarcar com segurança e conforto.

Embarque – após o check-in, siga para o portão de embarque passando por duas etapas: achar a entrada do voo (doméstico ou internacional) e verificação no raio X.

Depois, basta confirmar o número do portão no seu bilhete e também nas telas espalhadas pelo setor atualizadas constantemente.

É bom ficar de olho, pois algumas mudanças podem acontecer. São elas: troca de portão de embarque; alteração no horário da partida; cancelamento ou atraso de voo; antecipação de decolagem.

Esta última não é muito comum, mas as companhias podem antecipar o voo, e nem sempre comunicam isso de maneira ideal. Algumas enviam mensagens por telefone ou e-mail apenas.

Já na hipótese de cancelamento do voo, é de responsabilidade da empresa de aviação cuidar dos procedimentos e possíveis problemas relativos ao passageiro, além de fornecer as informações e, dependendo do contexto, hospedagem e alimentação.

Então, para evitar estresse e perda de tempo nos aeroportos, preste atenção aos painéis eletrônicos!

Dentro do avião – localize seu assento, acomode a bagagem de mão no compartimento acima ou abaixo das poltronas e, ao sentar em seu local indicado, afivele o cinto de segurança.

Fechada a porta da aeronave, é hora de desligar o celular e esperar as instruções do comandante e dos comissários de bordo.

Não custa nada lembrar que fazer essa sequência o mais breve possível ajuda a manter os horários e a reduzir a ansiedade e o estresse – que geralmente ficam maiores desde a chegada ao aeroporto.

E como ao pousar você irá passar por outro, é bom destacar que até o avião estacionar o cinto deve permanecer afivelado. O que acaba acontecendo muitas vezes é uma pressa enorme por parte de alguns passageiros, que querem ficar de pé no corredor antes da hora.

Mas isso não auxilia em nada na agilidade do protocolo de aterrissagem. Ao contrário, acaba aumentando o risco de acidente enquanto o avião ainda está em movimento.

Restituição de bagagem – o caminho até a devolução das malas é indicado pelos funcionários da companhia aérea. Chegando às esteiras, aguarde sua mala e, caso ela não apareça, peça ajuda de alguém da empresa na qual voou.

Evite mais aborrecimentos e espera fornecendo a maior quantidade de informações, tais como detalhes de cor, tamanho, fita amarrada, etiqueta de identificação, etc.

Conclusão…

Trabalho, estudo, passeio, evento, assuntos familiares, enfim, cada um tem seu motivo (ou motivos) para frequentar um aeroporto. Ninguém merece ter dor de cabeça com demora e outros desconfortos. Mas é possível evitar ou amenizar alguns problemas com medidas simples.

Aproveite as dicas e tenha uma ótima viagem!

Até breve…

/* ]]> */