Receitas

Como fazer arroz branco: Aprenda preparar o melhor arroz da sua vida e deixá-lo soltinho

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Aqui no Tudo Ela nós já fizemos um post mostrando como fazer um ótimo arroz de forno. Agora é a hora do tradicional arroz branco. Confira nesse post as melhores dicas de como preparar um arroz soltinho e extremamente gosto. Veja abaixo o Passo a passo e várias dicas de preparo.

Como fazer Arroz Branco: passo a passo

Ingredientes

  • 1 xícara de arroz lavado
  • 2 xícaras de água fervente
  • 1 dente de alho amassado
  • 1/4 de cebola picada
  • Azeite o suficiente
  • Sal a gosto

Modo de Preparo

  1. Refogue o alho e a cebola no azeite
  2. Coloque o arroz e deixe fritar por cerca de 30 segundos
  3. Adicione a água fervente e o sal
  4. Abaixe o fogo e deixe cozinhar até a água ter quase secado
  5. Tampe a panela e aguarde cerca de 20 minutos antes de servir
  6. Se desejar fazer mais, é só seguir as proporções, principalmente da água

10 dicas especiais para deixar seu arroz soltinho

Quem é brasileiro de verdade sabe que não tem nada mais saboroso que um prato de arroz bem preparado. E se estiver acompanhado de um feijão, é a combinação perfeita! Por isso, saber cozinhar bem um dos protagonistas mais tradicionais da cozinha brasileira deve ser primordial para quem quer ficar craque na arte de agradar paladares.

No entanto, nem todo mundo acerta na mão na hora de preparar um arroz bem soltinho, que a maioria das pessoas adora. Qual será o segredo? Confira dicas infalíveis de fáceis provadas pelos maiores chefs de cozinha do mundo de como deixar o arroz soltinho!

Dica 1: Compre arroz com grãos alongados, inteiros e perolados

De acordo com os experts no assunto, comprar sempre arroz com grãos longos e íntegros é uma dica essencial para ter um arroz soltinho após o preparo, uma vez que grãos menores costumam quebrar durante o cozimento, o que pode deixar o ingrediente empapado. Além disso, é comprovado que o arroz de tom perolado também é mais fácil de ficar solto do que um de cor branca no fim da cocção.

Dica 2: Cozinhe duas porções de água para cada uma de arroz

Uma das dicas mais importantes para ter um arroz soltinho é equilibrar a quantidade de água usada no preparo com a de grãos. Os chefs de cozinha recomendam uma proporção de duas partes de água para cada uma de arroz, sempre levando em consideração que poderá haver perda de volume do líquido ao ser aquecido. Sendo assim, não se esqueça de deixar sempre um “chorinho” a mais de água.

Dica 3: Acerte no tamanho e material da panela

Ao escolher a caçarola ideal para cozinhar o seu arroz e deixá-lo soltinho, leve em conta que os grãos aumentam entre 50% a 60% do seu tamanho. Portanto, escolha uma panela que comporte bem o arroz mesmo depois que ele estiver cozido.

Ainda, não se esqueça que panelas de fundo grosso costumam segurar mais o calor e tendem a prolongar o processo de cozimento. Ou seja, mesmo que você tenha desligado o fogo, é possível que você queime o arroz se não tiver o cuidado e noção do tempo real de preparo.

Dica 4: Lavar ou não lavar o arroz?

É uma das maiores dúvidas na hora de preparar um arroz soltinho. Muitas pessoas lavam os grãos para retirar o excesso de amido (que deixa a água branca), responsável por deixá-los grudados após o preparo. No entanto, especialistas afirmam que a lavagem não é considerada necessária, uma vez que o segredo está na secagem do arroz.

Se você tiver o hábito de lavá-lo sempre, deixe-o secando antes de levá-lo à panela. Quanto mais sequinhos os grãos estiverem, mais eles ficaram soltos após o cozimento.

Dica 5: Use água quente ou fria

Não há uma regra quanto a usar quente ou fria no preparo do arroz para que ele fique soltinho. Afinal, a única coisa que essa decisão pode interferir é no tempo de preparo do alimento: com água quente ele ficará cozido mais rápido e com água fria ele demorará um pouco mais para ficar pronto.

No entanto, é preciso usar apenas uma única temperatura de água durante todo o preparo do arroz. Se você começou com água quente, jamais adicione água fria depois. Isso pode causar um choque térmico nos grãos, deixando-os grudados ao fim do cozimento.

Dica 6: Fique atento (a) na hora de refogar

Refogar é uma tarefa essencial para selar e lubrificar os grãos e, assim, deixá-los soltinhos. Por isso, é muito importante não exagerar na quantidade de óleo na hora de refolgá-lo. Apenas um “fiozinho” é o suficiente. Passando disso, você deixará o arroz encharcado e grudento no fim do cozimento.

Além disso, o alho, cebola e outros temperos que você gosta de usar devem ficam bem dourados antes da água e o arroz bem sequinho (quase transparente). Quando estiver dando aquelas “estaladinhas”, é hora de colocar água.

Dica 7: Escorrer a água ou esperar secar?

O método mais usado pelos brasileiros é a secagem total da água do arroz. Neste caso, ele é mais recomendado no caso de grãos de boa qualidade, que não correm o risco de despedaçar ao ficar muito tempo ao fogo. Quando os grãos são de qualidade duvidosa, a dica é escorrer a água depois que os grãos ficarem macios. Isso evitará que o arroz fique empapado.

Dica 8: Tire a tampa da panela no fim do preparo

O cozimento do arroz deve ser feito sempre com a panela fechada. A tampa da panela deve ser retirada apenas após o seu cozimento, quando os grãos já estiverem começando a secar. Ou seja, quando o arroz já estiver cozido, mas ainda restar um pouquinho de água entre os grãos.

Dica 9: Use um garfo para soltar os grãos

Depois de cozido, o arroz costuma ficar com bastante vapor entre os seus grãos. Por isso, é importante que você use um garfo para que eles se desprendam uns dos outros e, assim, deixe o seu arroz mais soltinho.

Dica 10: Envolva-o com um jornal

Para manter o arroz quentinho enquanto prepara os outros pratos, embrulhe a panela com um jornal já lido para que ele mantenha a temperatura e os grãos continuem soltos. Depois, quando for servir, mexa-o com um garfo novamente para tirar o excesso de vapor.

/* ]]> */