Sexo

Como fazer sexo oral em uma mulher? 5 dicas quentes para levá-la à loucura!

Como fazer sexo oral em mulher
Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Fazer sexo oral em uma mulher de uma forma excitante e prazerosa é um desafio para muitos homens.

A região vaginal é cheia de mistérios e nuances e precisa ser estimulada de forma quente, macia e úmida, façanha que só se alcança com um bom sexo oral.

Seja para guiar seu parceiro na hora de fazer o sexo oral, ou até para aprender como fazer de forma prazerosa no caso de relações homo afetivas, separamos neste post 5 dicas infalíveis para você. Confira a seguir!

1. Não tenha pressa

Em primeiro lugar, é preciso saber que quando o assunto é sexo oral, a pressa é inimiga da excitação.

Façamos uma analogia: se fossemos fornos, os homens seriam forno a gás enquanto as mulheres seriam forno a lenha. Isso significa que elas precisam de mais tempo e dos estímulos certos para alcançar a excitação.

Portanto, nada de pressa ou afobação. Antes de chegar ao alvo principal – o clitóris – é importante caprichar nas preliminares. Beijos longos e quentes na boca e no corpo, toque nos seios e lambidas nas principais zonas de prazer são ótimos para aquecer qualquer mulher.

Para saber se os estímulos estão funcionando, vale passar a mão por dentro da calcinha dela para verificar se já existem sinais de lubrificação. Só parta para o sexo oral quando a mulher estiver bem “aquecida” e lubrificada.

2. Explore toda a área genital

Apesar do clitóris ser o principal órgão do prazer feminino, vale lembrar que a área genital possui outras regiões que se estimuladas corretamente podem proporcionar sensações incríveis para a mulher.

Portanto, ao fazer sexo oral em uma mulher explore toda a extensão vaginal. Utilize a língua e os lábios para estimular toda a vulva, com suavidade. Explore a virilha, os grandes e pequenos lábios, o monte de Vênus e finalmente o clitóris.

Uma dica: preste atenção nas reações dela enquanto acaricia cada área e vá medindo o tesão, avançando conforme a excitação aumenta. Deixe para tocar o clitóris quando ela já estiver subindo pelas paredes!

3. Dê atenção especial ao clitóris

Como já dissemos acima, o clitóris é a cereja do bolo do prazer feminino.

Dono de cerca de oito mil terminações nervosas, ele é a parte mais sensível do corpo da mulher e sua única função é proporcionar prazer.

No entanto, justamente por ser muito sensível, esse órgão exige uma estimulação suave, quente e úmida e não deve ser acariciado antes da mulher estar excitada e lubrificada, pois ir direto ao clitóris pode causar uma sensação aflitiva de desconforto.

A dica é usar a boca e a língua de forma macia, sem enrijecer os músculos. É fato que conforme a mulher vai ficando excitada, existe a tendência de acelerar o estímulo, deixando, consequentemente, a língua mais dura.

Porém, para ela, o estímulo mais suave e macio é mais excitante, então, se ela está curtindo o ritmo, não mude, continue com os movimentos mais leves.

4. Acerte nos movimentos

Movimentos muito repetitivos ao fazer sexo oral em uma mulher podem tornar a ação bem monótona. É importante alternar os movimentos, mas sempre observando as reações dela.

Alterne lambidas, com beijos e chupadas em toda a extensão vaginal. Mas cuidado, faça tudo delicadamente, não aplique força ou pressão.

Para o clitóris, dois movimentos costumam ser a chave do sucesso: movimentos circulares ao redor do pequeno órgão, mantendo a língua bem relaxada; e movimentos desenhando um número oito com a língua sobre o clitóris.

5. Entre no ritmo do prazer

É comum que conforme a excitação aumenta, os movimentos se tornem mais intensos e rápidos.

Isso pode funcionar bem na penetração, mas nem sempre para o sexo oral. Muitas vezes, uma estimulação com a língua mais suave, molhada e lenta pode fornecer mais prazer à mulher.

Experimente diversos movimentos em diferentes velocidades e observe o que a agrada mais. Quando acertar, mantenha o ritmo e caminhe em direção a uma sutil crescente. Apenas lembre que movimentos e velocidades frenéticas e insanas não são boas ideias para o sexo oral.

Por fim, a principal dica é observação. Quem sabe fazer sexo oral em uma mulher com excelência tem como principal característica ser um bom observador e saber medir a excitação dela através das suas reações. Portanto, a receita de um bom sexo oral é calma, movimentação, ritmo, paciência e observação, além de muito treino e vontade de levar uma mulher ao ápice do prazer.

Você tem mais alguma dica quente sobre sexo oral em mulheres para compartilhar com a gente? Posta nos comentários!

/* ]]> */