Beleza Cabelos

Como reduzir o frizz dos cabelos? Confira dicas infalíveis

Toda mulher sabe que não há nada mais incômodo que olhar no espelho e ver aqueles “fiozinhos” de cabelo arrepiados, que ficam em pé na cabeça e que aparecem sempre nas horas mais indevidas, não é mesmo? O chamado frizz é um dos maiores motivos de reclamações da mulherada quando se fala em cuidar das madeixas. Afinal, o que é o frizz? Por que ele aparece nos nossos cabelos?

A explicação para essas perguntas é bem científica. O frizz nada mais é do que um resultado da carga elétrica presente nos fios capilares, que se acumula e faz eles se repelirem mutuamente. Especialistas dizem que os motivos para o acúmulo dessa eletricidade estática nos cabelos podem ser muitos, como a fricção do pente nos cabelos, por exemplo.

Outra razão para a aparência frizzada nos cabelos é o ressecamento. Os fios secos se atraem pela umidade do ar e, por isso, ficam arrepiados e apontando para o céu. Os erros mais comuns cometidos pelas mulheres e que acarretam em fios com frizz são o excesso de chapinha, secador, produtos químicos, banho quente, entre outros.

Sim… É mesmo uma situação muito chata! Mas, será que há solução para acabar com o frizz? Se as suas madeixas sofrem com o problema, continue lendo esse artigo até o final e confira algumas dicas para reduzir o frizz nos cabelos. Vamos lá?

Como acabar com o frizz?

cabelo-com-frizz

Infelizmente, não há como acabar de vez com o frizz nos cabelos. Isso porque, como você leu acima, os fios arrepiados aparecem por conta de uma carga elétrica natural deles, o que não pode ser revertido por nenhum profissional ou pela própria dona da madeixa.

Ou, ainda, o surgimento do aspecto arrepiado no cabelo pode estar relacionado também ao crescimento de novos fios, que, como ainda não ganharam comprimento, ficam ali, em mais evidência que os outros.

Por estes motivos, não existe nenhuma solução definitiva para acabar com o frizz nos cabelos. O que você pode fazer é recorrer a alguns produtos e cuidados especiais que podem tratar e reduzir o problema, como vamos mostrar mais à frente, mas nunca acabar com ele.

Sabendo disso, fique atenta às marcas de cosméticos que prometem acabar com o frizz. Elas não devem ganhar a sua confiança depois do que você leu nesse artigo, ok? Fique atenta!

O que causa o frizz?

frizz

Como falamos no começo desse post, existem alguns fatores que contribuem para o surgimento de fios arrepiados nas madeixas. A maioria deles são erros comuns cometidos pela maioria das mulheres ao manusear os cabelos e que podem começar a ser evitados para reduzir o aspecto frizzado dos fios.

Confira abaixo quais são eles:

Lavar o cabelo com água quente

Fazer a lavagem dos cabelos com água em alta temperatura pode abrir as cutículas fios e fazer com que eles fiquem bastante ressecados. Ao entrar em contato com as mãos, pente ou toalha, eles ficam arrepiados, gerando o efeito frizzado que tanto nos incomoda.

Usar chapinha e secador em excesso

Esses aparelhos, apesar de ser a salvação para domar os cabelos quando estão muito rebeldes, podem ser muito prejudiciais aos fios, deixando-os com as cutículas abertas e bastante ressecados, já que consomem toda a hidratação (água) deles.

Veja também

É extremamente importante que os fios tenham água, pois é ela quem neutraliza as cargas elétricas presentes neles. Se retirada, o cabelo fica seco e, portanto, arrepiado, causando o frizz.

Pentear os cabelos secos

Pentear as madeixas quando elas não estão molhadas pode causar frizz devido ao atrito do pente com fios. Esse atrito fornece uma carga elétrica mais alta ao cabelo, que acaba se arrepiando.

Usar pentes de plástico ou escovas com cerdas de nylon

Ao pentear os cabelos com escovas com cerdas de nylon ou pentes de plástico, você automaticamente estará transmitindo mais cargas elétricas aos seus fios, devido às suas características moleculares, fazendo com que eles se arrepiem e dêem o aspecto frizzado aos seus cabelos.

Abuso de produtos químicos

Usar excessivamente químicas nos cabelos, como escova progressiva, alisamento, tintura, entre outros, pode causar o efeito frizz dos fios. Isso porque os cabelos quimicamente tratados costumam ficar mais porosos, já que perdem a água e as proteínas presentes neles.

O resultado é de fios mais ressecados, que, quando em atrito com as mãos, pentes ou toalhas, quebram facilmente, ocasionando o frizz.

Esfregar a toalha nos cabelos

Esse é um erro comum que a maior parte das mulheres comete. Nunca se deve esfregar a toalha nos cabelos, pois o atrito pode causar frizz nos cabelos.

Clima

Alguns fatores naturais também contribuem para o aparecimento do frizz, como as mudanças climáticas. Quando a umidade do ar aumenta, é normal os fios ficarem mais elétricos e, portanto, se arrepiarem com mais facilidade.

Como não há como lutar contra os fatores climáticos, a dica é tentar amenizar o problema com algumas dicas que vamos te mostrar a seguir. Confira!

Dicas para reduzir o frizz

como-acabar-com-frizz-nos-cabelos

Hidrate o cabelo semanalmente

Como dissemos acima, os cabelos precisam de água para neutralizar a carga elétrica presente neles e, também, evitar o ressecamento, que são fatores que contribuem para o aumento do frizz.

Por isso, a recomendação dos especialistas é fazer hidratação semanalmente com máscaras de tratamento para devolver a água que os fios perderam durante a semana e, portanto, reduzir o aspecto frizzado dos cabelos.

Evite chapinha e secador em excesso

Use os aparelhos com menos frequência e, se for impossível ficar sem utilizá-los, faça isso de maneira correta, como ensinamos no decorrer desse artigo.

Deixe o secador a, pelo menos, 30 centímetros de distância da cabeça, posicione o bico na diagonal, seque os cabelos de cima para baixo (da raiz até as pontas) e não se esqueça aplicar um protetor térmico e retirar o excesso de água das madeixas antes de começar a escová-las.

Isso fará com que as escamas dos fios fiquem fechadas, sem causar o efeito arrepiado.

Nutra o cabelo semanalmente

Abuse dos óleos vegetais na hora de fazer a nutrição dos cabelos. Eles são essenciais para devolver a água e nutrientes de que os cabelos precisam. Utilize-os toda semana para evitar o efeito frizzado nas suas madeixas.

Lave os cabelos com água fria

Como falamos anteriormente, a água fria pode ser uma boa ideia para reduzir o frizz, uma vez que ela ajuda a fechar as cutículas dos fios e, portanto, deixá-los com textura mais uniforme e, ainda, menos ressecados, o que evita a quebra e surgimento dos “fiozinhos” arrepiados.

Use shampoos sem sulfato

Devido à presença dessa substância em sua fórmula, os shampoos usados para lavar os cabelos podem deixar os fios muito ressecados e, portanto, com efeito frizzado. Por isso, a dica é investir em shampoos que não contenham sulfato em sua composição para reduzir o frizz nos cabelos.

Nunca se esqueça de usar o condicionador

Enquanto os shampoos têm a função de abrir as cutículas dos cabelos, os condicionadores servem para fechá-las. Se você deixar de usar esses últimos, o resultado pode ser de maior ressecamento e frizz nos cabelos.

Vinagre de maçã pode ser o seu aliado

O vinagre de maçã ajuda a selar as cutículas dos fios, diminuindo o frizz e deixando o cabelo com aspecto mais brilhoso. A dica é diluir 1 colher (sopa) de vinagre de maçã orgânico em um copo de água e, depois que você lavado com shampoo, passado o condicionador e enxaguado os cabelos, aplique essa mistura nos fios e não enxágue.

Opte por fronhas de cetim

Esse tecido pode ser um grande aliado no combate ao frizz nos seus cabelos. Você pode colocar uma fronha de cetim no seu travesseiro ou enrolar o tecido na cabeça por um tempo. Você vai ver que o efeito frizzado some de forma incrível!

Seque os cabelos corretamente

Esfregar a toalha nos cabelos pode aumentar o frizz nos seus cabelos. Por isso, apenas posicione os cabelos sobre ela e verá que é o suficiente para o tecido absorver todo o excesso de água deles.

Ainda, a dica é optar por toalhas com tecidos naturais, como os de algodão. Isso porque os tecidos sintéticos, como o poliéster, podem aumentar o atrito com os cabelos e causar ainda mais frizz.

Use pente de madeira ou escova com cerdas naturais

A dica é investir em pentes de madeira e escovas com cerdas naturais para pentear as madeixas, que ajudam a evitar o frizz, uma vez que estes materiais não permitem que a energia estática deles seja passada para os fios.

Penteie os cabelos molhados

É importante sempre pentear os fios quando ainda estiverem molhados, pois a água, além de fazer com que o pente deslize mais facilmente pelo comprimento das madeixas, também pode provocar menos atrito, neutralizando as cargas elétricas dos fios e deixando-os em seu devido lugar.

Comentar