Beleza Cabelos

Escova definitiva: saiba como ficar com os cabelos lisos de uma vez

Ter cabelos encaracolados é uma tendência que está super em alta e bem valorizada atualmente. No entanto, apesar de lindos e autênticos, eles merecem uma atenção um pouco mais especial que os cabelos lisos para que os caracóis não percam a definição e fiquem ressecados por conta da falta de cuidados necessários. Neste sentido, é preciso separar um tempo na agenda, somado a uma boa dose de paciência, para deixá-los impecáveis.

É por este motivo que muitas mulheres, por conta da correria do dia a dia, têm recorrido a alisamentos químicos que alinhem as suas madeixas, mas sem causar muitos danos aos fios. Antigamente, isso era quase impossível, uma vez que os produtos causavam um desgaste na fibra capilar e davam um aspecto todo artificial ao cabelo.

Hoje, com toda a tecnologia que vem se expandindo no mercado de cosméticos capilares, é possível ter uma maior segurança quanto à saúde dos cabelos e uma maior variedade de produtos e procedimentos que visem o alisamento químico perfeito dos fios, que podem continuar saudáveis e bem hidratados após as aplicações.

Inclusive, também já é uma realidade para nós mulheres encontrar alisamentos químicos que deixam os cabelos lisos para sempre, eliminando de uma vez por todas aquelas chatas e preguiçosas manutenções diárias com a chapinha. Para quem conhece, eu estou falando da queridinha e famosa escova definitiva, que é o assunto do nosso artigo de hoje.

Também conhecida como alisamento definitivo, escova permanente, alisamento japonês ou escova japonesa, o procedimento visa mudar a estrutura dos fios capilares a fim de fazer com eles se mantenham lisos para toda a vida, realizando o sonho de muita gente por aí.

Quer saber mais sobre ela? Então, continue lendo esse artigo até o final e aprenda a fazer a escova definitiva e conheça os cuidados que você deve ter para manter os seus cabelos sempre lisos e sedosos!

O que é a escova definitiva?

escova-definitiva-como-fazer

A escova definitiva nada mais é que um alisamento químico que altera a estrutura dos fios para que eles fiquem lisos permanentemente onde o produto for aplicado. Para conseguir esse efeito, estão presentes na fórmula da escova definitiva substâncias alisadores à base de tioglicolato de amônia, guanidina ou hidróxidos, que são compostos considerados “químicas limpas” por especialistas, uma vez que podem alisar sem causar danos às madeixas, como acontece com produtos que contêm formol em sua composição.

Não é à toa que apenas essas químicas são liberadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a adição em procedimentos capilares. Quando em contato com os cabelos, a escova definitiva age na cadeia de proteínas das moléculas dos fios, facilitando para que eles sejam modelados conforme o gosto da pessoa que está fazendo o processo.

O resultado é de fios lisos e brilhosos por toda a vida, sem frizz ou aspecto ressecado! No entanto, como nem tudo são flores, é claro que a escova definitiva não o poder de alterar os seus genes e fazer com que o cabelo fique liso dentro do bulbo capilar.

Portanto, à medida em que forem crescendo, os fios vão aparecer na raiz com a sua forma natural, seja cacheado ou crespo, o que pedirá retoques esporádicos do produto quando forem tomando a atenção em cima da cabeça.

Escova definitiva VS Escova progressiva: qual é a diferença?

Muitas pessoas confundem esses dois tipos de alisamento capilar e, inclusive, até pensam que uma é uma subversão da outra. Mas, trata-se apenas de um ledo engano, uma vez que uma não tem nada a ver com a outra! Sabe por quê?

Enquanto a escova definitiva, como você já leu no decorrer desse artigo, alisa o cabelo de forma permanente, ou seja, para sempre, o alisamento obtido com a escova progressiva vai se desfazendo à medida que lavamos as madeixas. Ou seja, um processo dura para sempre e outro não.

Com isso, é válido dizer que a escova definitiva não é a mesma coisa que escova progressiva e, portanto, os dois procedimentos devem ser usados conforme o objetivo da mulher. Se quiser um alisamento temporário, a recomendação é optar pela escova progressiva. Já no caso de quem quer se livrar definitivamente do volume dos caracóis, uma ótima opção é fazer a escova definitiva.

Leia também:

Quanto tempo ela dura?

Beautiful Brunette Girl. Healthy Long Brown Hair

A escova definitiva é permanente e para toda a vida. No entanto, como os seus cabelos não vão parar de crescer, devem ser feitos alguns retoques na raiz para evitar o “contraste” entre a raiz cacheada e o comprimento liso. Portanto, levando em consideração que o cabelo cresce cerca de 1 centímetro por mês, se o seu fio for muito crespo, o retoque deverá ser feito a cada 3 meses.

Já as mulheres que têm a raiz mais ondulada ou lisa poderão optar por realizar os retoques a cada 6 meses. A dica principal é avaliar bem como é o seu cabelo. Sabendo como ele é, você saberá melhor do que ninguém qual é o momento ideal para retocá-lo!

Quem pode fazer?

A princípio, se o seu cabelo for virgem, você pode fazer a escova definitiva quando quiser. No entanto, quem tem químicas nos fios deve estar atenta aos ingredientes que estão na fórmula do produto, que podem não ser compatíveis com os que foram aplicados anteriormente nos seus fios, além de cuidar para que os cabelos estejam saudáveis para realizar o procedimento. Veja:

Tioglicolato

É a substância alisadora mais utilizada para fazer a escova definitiva. Isso porque ela costuma ser compatível com praticamente todos os tipos de químicas, incluindo tintura e descoloração. Para isso, basta apenas que as madeixas estejam saudáveis, ok?

Guanidina

Esta substância, que já falamos aqui no blog, não é recomendada para cabelos tingidos com produtos à base de amônia ou fios com luzes, pois o seu efeito pode torná-los ressecados e provocar a sua quebra.

Hidróxidos

O mais utilizado entre os hidróxidos para fazer a escova definitiva é o sódio. Neste caso, esse composto não é indicado para cabelos descoloridos, mesmo se já estiverem tingidos. Do mesmo modo, o contrário também pode fazer mal às madeixas, ou seja, se você fizer a escova definitiva, também não poderá descolori-lo depois.

Ou seja, o produto só pode ser aplicado em cabelos que nunca foram descoloridos. Quanto aos tingidos, não tem nenhum problema.

Escova progressiva tem formol?

Não! Como você pode perceber nos parágrafos anteriores, a escova definitiva só deve conter entre os seus ingredientes uma das 3 substâncias que mencionamos acima. Cada uma delas tem a função de alisar o cabelo, mas, como a ação é diferente do formol, não agridem os cabelos e são totalmente liberadas pela Anvisa.

Como fazer – passo a passo

escova-definitiva-como-fazer

Agora que você já sabe como funciona a escova definitiva e que os seus cabelos devem estar saudáveis para realizar o procedimento, agora você vai aprender como fazê-la em casa e obter os mesmos resultados do salão de beleza! Para isso, você deverá ter em mãos o produto necessário, conforme mostramos anteriormente. Vamos lá?

Passo 1: Lave bem os cabelos com um shampoo anti-resíduos (de preferência,com pH alcalino, acima de 7) e seque-os com uma toalha. O produto servirá para abrir as cutículas dos fios para facilitar a penetração dos ingredientes.

Passo 2: Em seguida, divida os cabelos em mechas finas e comece a aplicação do produto com a ajuda de um pincel, a partir de 1 dedo de distância da raiz.

Passo 3: Aguarde por pelo menos 20 minutos até o produto agir na raiz e mais 20 minutos até agir no comprimento. Ao todo, você deverá esperar 40 minutos.

Passo 4: Enxágue os cabelos em água fria ou morna e, depois de retirar o excesso de água e dividi-los novamente em mechas, comece a escová-los com um secador.

Passo 5: Depois de escovar todo o cabelo, separe novas mechas e comece a passar a chapinha, modelando da maneira que deseja que o seu cabelo fique (para sempre).

Passo 6: Aplique o neutralizante nos fios e deixe-o agir por cerca de 10 a 15 minutos. O produto ajudará a compor um filme impermeável em volta do fio, fazendo com que o alisamento dure por um longo tempo.

Passo 7: Para finalizar, lave o cabelo novamente com um shampoo e um condicionador que você use comumente e, em seguida, escove e chape os fios mais uma vez. Pronto!

Cuidados necessários após a aplicação

escova-definitiva-cuidados

Para manter os seus cabelos com escova definitiva sempre bonitos, brilhosos e macios, é preciso manter os cuidados que vamos mostrar a seguir para que o liso perdure por mais tempo e sem causar danos aos fios. Dentre eles estão:

  • Fazer hidratação capilar semanal com produtos específicos para cabelos quimicamente tratados;
  • Evitar o uso de shampoos anti-resíduos ou de limpeza profunda, uma vez que eles podem remover a química dos fios;
  • Evitar usar elásticos, presilhas ou quaisquer acessórios de prender o cabelo nos primeiros meses, pois eles podem marcar os seus fios lisos definitivamente;
  • Fazer um corte bacana após a aplicação, uma vez que os fios podem ficar esticados nas pontas e com tamanhos aleatórios;
  • Se for o caso, pinte os cabelos após 15 dias (de acordo com as químicas compatíveis, como mostramos anteriormente), já que a escova definitiva pode clarear um pouco os fios;
  • Fique atenta na hora de dormir nos primeiros dias! Qualquer posição inadequada pode amassar os cabelos e deixá-los marcados para sempre;
  • Espere 3 dias após a aplicação da escova definitiva para fazer a lavagem dos cabelos. Se estiver em períodos chuvosos, nunca saia de casa sem um guarda-chuva.

A escova definitiva ideal para cada tipo de cabelo

escova-definitiva-quem-pode-fazer

Pode parecer estranho à primeira vista, mas do mesmo jeito que a escova definitiva pode ser usada para alisar as madeixas para sempre, ela também pode ser usada para fazer cachos e ondulações permanentes. Tudo vai depender do que a mulher quer e qual substância ela utilizar para chegar ao resultado. Confira, a seguir:

Para cabelo liso

Quem tem cabelos lisos naturalmente, certamente vai querer deixá-los ainda mais lisos com a escova definitiva. Da mesma forma, você também pode criar cachos ou ondas com o produto. Para qualquer um desses objetivos, a escova definitiva ideal é a que contém tioglicolato.

Para cabelo ondulado

No caso de quem tem as famosas ondinhas nos cabelos, que aparecem mais ou menos a partir de 15 centímetros do comprimento, ou somente nas pontas ou, ainda, na metade do cabelo para baixo, a escova definitiva ideal é a que possui em sua fórmula o tioglicolato.

Para cabelo frisado

A mulherada com cabelo frisado, ou seja, com bastante volume por conta das várias ondas curtinhas e pouco definidas, também pode usar o tioglicolato para fazer a sua escova definitiva e dar adeus às madeixas armadas!

Para cabelo anelado

É aquele tipo de cabelo que possui cachos mais sutis que os propriamente cacheados e que nunca começam da raiz. Neste caso, como os fios costumam ser mais oleosos, a recomendação é fazer a escova definitiva com tioglicolato.

Para cabelo cacheado

No caso de quem tem cabelos encaracolados, os cachos são bem mais definidos, fechados e começam de cima da cabeça. Como esse tipo de fio tende a ser mais ressecado, a substância ideal para fazer a escova definitiva é a guanidina.

Para cabelo crespo ou afro

Esses tipos de cabelo possuem pouquíssimos cachos e são pouco definidos. Por este motivo, são ainda mais ressecados e armados que o cacheado, uma vez que possui oleosidade zero. Por isso, o tipo de escova definitiva mais recomendado é aquele à base de hidróxido.

Me arrependi de fazer a escova definitiva… E agora?

Isso acontece com muita gente! Por isso, antes de fazer o procedimento, é preciso estar certa de que não quer mais cachos ou ondulações nos cabelos, tendo em vista que a escova definitiva é para a vida toda. Mas, se você mudou de opinião e quer se livrar da química nos fios, espere entre 4 e 8 meses até usar outro tipo de alisamento.

Se quiser deixar o cabelo natural novamente, vá usando o secador e a chapinha na parte natural enquanto a parte com a escova definitiva vai crescendo. Depois de algum tempo, dependendo do comprimento dos seus fios, você poderá cortá-la, fazendo o chamado corte químico.

Onde comprar?

Você pode comprar os produtos para fazer a sua escova definitiva em qualquer loja de cosméticos do país. Há, inclusive, lojas virtuais que vendem variadas versões do produto, dependendo da substância que você quer usar para realizar o procedimento nas madeixas.

Preço

Por ser um procedimento eficaz e para a vida toda, o preço da escova definitiva tende a ser um pouco salgado! Em média, o valor varia entre R$ 600 e R$ 1.200 para quem vai fazer pela primeira vez, no cabelo todo, e em torno de R$ 250 e R$ 500 para quem quer fazer apenas os retoques.

Os preços vão variar de acordo com as marcas e qualidade dos produtos, bem como da mão de obra cobrada pelo profissional no salão de beleza (no caso de quem não vai fazer o processo em casa).

/* ]]> */