Remédios Saúde

Laxante: O que é, indicações e onde comprar

Laxante indicações

Se você já precisou ir ao banheiro e sentiu dificuldades em evacuar, é possível que já tenha ouvido por aí o nome “laxante”, certo? E pois bem, de modo geral, os laxantes são medicamentos capazes justamente de estimular a evacuação.

Normalmente os laxantes são usados em caso de constipação ou obstipação, podendo ser recomendado pelo médico também quando o paciente precisa fazer exame retal ou de intestino.

A constipação é evidenciada pela ausência de evacuações, que pode causar complicações na saúde, tais como inchaço na barriga, prisão de ventre e dores intestinais. Já a obstipação é uma espécie de variação do problema, por assim dizer.

E vale dizer que, na maioria das vezes, a prisão de ventre ocorre quando as fezes estão ressecadas, o que exige do indivíduo um grande esforço na hora da evacuação, um problema que eventualmente se associa também ao desconforto e a cólica.

Agora, como muita gente tem curiosidade em conhecer um pouco mais sobre o laxante, apresentamos a seguir algumas informações importantes sobre o produto.

O que são os laxantes?

No mercado atual existem vários tipos de laxantes, mas boa parte possui combinações de ingredientes ativos criada para resultar em uma combinação de efeitos. E de modo geral, existem apenas duas formas de administrar o laxante, sendo elas a oral ou via supositório.

Dito isso, é importante esclarecer que, alguns tipos de laxantes incluem:

  • Os que agem na produção do volume das fezes, incluindo as fórmulas com fibras alimentares – esse tipo de laxante deve ser administrado com muita água;
  • Sufactantes – um tipo de laxante que age de forma que a gordura e a água possam penetrar nas fezes, para que elas tenham mais facilidade de se movimentar;
  • Laxantes lubrificantes e emolientes – um tipo de laxante que deixa as fezes mais escorregadia facilitando a evacuação; e
  • Laxantes salinos – um tipo de laxante faz com que a água seja atraída e retida no lúmen intestinal, tornando as fezes mais moles.

Casos em que o uso de laxante costuma ser indicado pelos médicos

Normalmente os médicos só fazem a prescrição de laxantes em casos isolados, como quando o paciente já está constipado há mais de sete dias, ou quando as fezes estão ressecadas o paciente precisa fazer muito esforço para evacuar. Só que mesmo nesses casos, a prescrição médica é indispensável.

Há um certo consenso de que, qualquer tipo de laxante só deve ser usado em casos de constipação crônica. Por isso, grande parte das pessoas que sofrem com prisão de ventre de leve a moderado não precisa tomar laxante. Especialistas afirmam ainda, que não é recomendável em hipótese alguma a automedicação com laxante.

Cuidados com o uso de laxantes

O laxante, além de ser usado para tratamento de prisão de ventre e no preparo do paciente para a realização de alguns exames, também é utilizado de forma abusiva por pessoas que sofrem com bulimia e anorexia, que por sua vez, buscam emagrecer a todo custo.

O fato, porém, é que o uso abusivo de laxante é algo muito sério, uma vez que pode causar problemas de saúde como a paralisia intestinal, pancreatite, síndrome do intestino irritável, entre outros problemas.

Onde comprar laxantes

O paciente pode encontrar o laxante facilmente em farmácias e drogarias. Em todo caso, recomenda-se a prescrição médica antes da aquisição.

Comentar

/* ]]> */