Horóscopo Sexo

Mapa sexual: descubra o que a astrologia pode dizer sobre sua sexualidade

Mapa sexual

Você sabia que com base na data, hora e local do seu nascimento, a astrologia é capaz realizar uma análise dos seus comportamentos, emoções e desejos sexuais?

Trata-se do mapa sexual, uma interessante ferramenta astrológica e que pode lhe ajudar a viver sua sexualidade de forma mais plena.

Você já conhece o seu? Se não, leia este post e entenda o que é o mapa sexual, como ele funciona e como pode lhe proporcionar uma vida sexual mais prazerosa!

O que é o mapa sexual?

O mapa sexual é uma análise astrológica que analisa as principais características sexuais de uma pessoa, de acordo com a posição dos astros e das casas de relacionamento no exato momento de seu nascimento.

Com base na sua data, local e hora de nascimento, ele analisa seus desejos conscientes, inconscientes e ocultos, apresentando seu universo de emoções, fantasias, vícios, excitações, intuições, medos e paixões. Mostra ainda as suas máscaras sexuais, o que lhe proporciona prazer e o que você procura nos seus relacionamentos.

Qual o conteúdo de um mapa sexual?

Cada astrólogo tem a sua forma de interpretar e traçar um mapa sexual, mas de uma forma geral, todos eles são estruturados de forma similar e dividem-se em perfil básico, lado masculino e feminino, atração, sedução, prazer e fantasias.

Veja a seguir o conteúdo de um mapa sexual de forma mais detalhada.

Perfil básico

É uma descrição da sua personalidade sexual baseada somente nos signos dos dois planetas que centralizam a dinâmica da sexualidade: Marte e Vênus.

Lado masculino

O lado masculino representa a ação e é regido por Marte e pelo Sol.

Marte revela os instintos sexuais e o desejo espontâneo e não elaborado, que vem da paixão e do entusiasmo. É a libido, com toda a sua energia bruta, que surge instantaneamente por meio de estímulos aos sentidos, como provocações, toques, cheiros, etc.

Por outro lado, o Sol define nossos desejos conscientes, como nossas aspirações e potencial de realização, indicando o tipo de pessoa que nos atrai e como investimos em nossos objetos de desejo.

Lado feminino

Representa a emoção através de Vênus, Lilith e da Lua.

Vênus fala sobre o encontro com o outro, definindo o que cada pessoa considera belo, interessante e atraente. Mostra nosso potencial de sedução, nossas expectativas e idealização sobre os romances e sobre tudo o que nos proporciona prazer.

A Lua por sua vez revela os nossos vínculos inconscientes, aqueles aspectos emocionais mais intuitivos e instintivos, como apego e outras fragilidades. Indica também o grau de entrega, paixão e simbiose no sexo.

Lilith – também conhecida como Lua Negra – traz os aspectos ocultos dos nossos desejos, assim como pontos de frustração e castração dessas vontades.

Atração e Sedução

Esses aspectos são representados pela Casa 1 e 7, que falam sobre o que projetamos no mundo e nos nossos parceiros.

A Casa 1, ascendente, é analisada junto com o seu eixo complementar, a Casa 7, descendente.

A análise desse eixo forma o campo das projeções, dos aspectos que admiramos e buscamos nas outras pessoas. Esse eixo fala também das admirações advindas das posições sociais ocupadas por cada um.

O campo das projeções é muito importante para a sexualidade, já que são fundamentais no exercício da sedução.

Prazer e fantasias

Esses aspectos são representados pela análise das Casas 5 e 8.

A Casa 5 fala sobre o que nos satisfaz. Revela o prazer, a alegria, as idealizações e fantasias que alimentam a nossa alma e faz com que nos sintamos satisfeitos e plenos. Essa casa também aborda jogos emocionais e mecanismos de flerte.

Já a Casa 8 está relacionada a apegos emocionais, práticas, instintos, desejos e fantasias envolvidos na sexualidade. Também fala das perversões, compulsões, relações de dependência e submissão, da qualidade e profundidade dos vínculos.

A Casa 8 também trata da natureza do ato sexual em si e das posições sexuais que mais se encaixam com o seu perfil de acordo com a posição de Marte na sua mandala astrológica.

Porque fazer o seu mapa sexual?

Como pudemos ver acima, o mapa sexual fornece informações importantes e pode ser usado como um guia para vivenciar a sexualidade de forma mais prazerosa e plena.

Veja alguns motivos para você fazer o seu mapa sexual:

  • Conhecer melhor os seus reais desejos sexuais;
  • Descobrir como você prefere viver sua sexualidade;
  • Conhecer o que motiva seus desejos ocultos;
  • Entender melhor suas reações emocionais;
  • Compreender suas idealizações amorosas e sexuais;
  • Descobrir ambientes, situações, fantasias e posições que lhe dão mais prazer;
  • Identificar o seu jeito de sentir, seduzir e se relacionar com seus parceiros;
  • Aprender a usar as suas qualidades de forma assertiva no amor e no sexo.

O mapa sexual, assim como o mapa astral, não muda com o tempo e é um conhecimento para todas as fases da vida. O que pode mudar é a sua forma de interpretá-lo, conforme suas experiências amorosas e sexuais. Por isso, fazer seu mapa sexual é um investimento na sua sexualidade. Uma vez traçado, você sempre poderá consultá-lo e aprender algo novo.

Você já sabia que a astrologia podia dizer tanto sobre a sua sexualidade? Poste sua opinião nos comentários!

/* ]]> */