Beleza Cabelos

Mousse capilar: saiba para que serve e como usar

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Dentre os mais diversos tipos de finalizadores de cabelo, a mousse ganhou destaque no universo beauté por ajudar a fixar penteados, conferindo mais volume e brilhos aos fios. A espuminha branca também é ideal para deixar as madeixas com um aspecto de recém-lavado e, o melhor, sem deixar a textura “dura”, como acontecem com os géis ou pomadas.

Dentre as formas de uso desse poderoso produto, podemos destacar a sua capacidade de conferir mais volume e movimento aos fios, definir cachos ou ondas com o babyliss, dar brilho, evitar o frizz, modelar e firmar penteados e dar “textura” aos fios. É claro que tudo vai depender do tipo de mousse escolhido e o efeito que você deseja dar às suas madeixas.

E por falar em madeixas, esse finalizador pode ser aplicado em qualquer tipo de cabelo, desde lisos até crespos, longos ou curtos, finos ou grossos, não importa. Para obter resultados satisfatórios com o produto, basta verificar na fórmula quais são os componentes para escolher a mousse ideal para o seu tipo capilar.

Quais são os tipos de mousse?

Os tipos de mousse variam conforme o grau de fixação, que pode ser leve, média ou forte. Os produtos de fixação leve são ricos em componentes hidratantes e costumam deixar os fios mais maleáveis. Já as mousses de média fixação são os mais versáteis, já que podem não só modelar o cabelo como também dar forma aos fios.

Já os de fixação forte costumam deixar as nossas madeixas mais “durinhas” e, portanto, são grandes aliados quando o assunto é fixar penteados, especialmente os mais elaborados.

Partindo para outra categoria, as mousses de volume são mais recomendadas para cabelos ralos e finos, uma vez que oferecem mais textura aos fios, enquanto as mousses de modelar são ideais para modelar as madeixas ou “domar” os cachos.

Como usar?

As formas de uso das mousses capilares vão variar muito de acordo com o efeito que você deseja dar ao seu cabelo. Como o produto pode ter várias funções na hora de finalizar os fios, o ideal é que você escolha a ocasião para a qual vai utilizá-lo:

Para ganhar volume

Se a sua ideia é usar a mousse para dar um pouco mais de volume aos seus fios, especialmente se forem muito finos ou ralos, a dica é aplicar o produto nos fios úmidos, espalhando-o na raiz e do comprimento até as pontas.

Para isso, abaixe a cabeça e “jogue” o cabelo para trás e para frente, enquanto joga o jato quente do secador em todo ele. Depois, levante a cabeça e volte a secar os fios normalmente.

Quer ainda mais volume? Basta pegar um pente de cabo fino e levantar a raiz enquanto seca as madeixas. É tiro e queda!

Para diminuir o volume

Enquanto algumas mulheres com pouco cabelo sonham com um volumão, outras querem é acabar com ele. Para isso, a mousse também pode ser uma grande aliada…

Depois de pentear os fios, aplique o produto por cima e espere secar naturalmente. A quantidade exata vai variar conforme o volume natural e tamanho das suas madeixas e, ainda, do efeito que você quer dar à elas.

No caso de cabelos pouco volumosos e mais curtinhos, por exemplo, a quantidade ideal é a equivalente a um limão. A mesma quantidade pode ser aplicada no caso de quem quer dar mais textura e combater o frizz.

Para criar ondas ou definir cachos

Mulheres de cabelos ondulados e cacheados também podem aproveitar o efeito que a mousse deixa nos fios. Para criar ondas e definir os cachos, o truque é aplicar o produto no comprimento dos fios e ir amassando as pontas para “dar forma”, levando-as até a cabeça. Usar um difusor também pode ajudar bastante!

Gostou do artigo? Viu como não segredo nenhum para usar a mousse no cabelo? Então, compartilhe com as suas amigas que ainda não sabem…

Até a próxima!

/* ]]> */