Flores

Narcisos: beleza rústica para enfeitar seu ambiente

Narcissus L. ou narciso é uma planta com flores que variam entre o amarelo e o branco e cujo nome foi dado em função de um personagem mitológico. Conheça esta e outras curiosidades sobre a planta a partir de agora!

Este gênero botânico pertence à família Amaryllidaceae, sendo originária do Mediterrâneo e do continente asiático, mais precisamente da Ásia central e China continental.

Atualmente, os narcisos possuem cultivares ornamentais em várias partes do mundo, como Brasil, Argentina, Estados Unidos e Canadá.

Narciso, segundo a mitologia grega, foi um herói do território de Téspias, Beócia, muito conhecido por sua beleza e orgulho.

Existem várias versões a respeito do mito, que sobreviveram à passagem do tempo. Sem falar nas lendas populares que trazem o Narciso como tema principal.

O mais famoso é o mito greco-romano citado no livro III das Metamorfoses de Ovídio. Ele serviu de inspiração para a psicologia criar o conceito de narcisismo.

Diz-se que Narciso era filho do deus-rio Cefiso e da ninfa Liríope. E que, ao nascer, um adivinho chamado Tirésias profetizou que ele teria vida longa, mas com uma condição: que nunca contemplasse a própria figura.

Uma versão do mito relata que Narciso tinha uma irmã gêmea – e que este acabou apaixonado por ela. O problema foi que ela morreu, fazendo o irmão ser consumido pelo desgosto. O que teria levado Narciso a procurar seu próprio reflexo na água em busca de alento.

Resultado: no local em que o belo herói se encontrava, restou somente uma flor, o narciso.

A origem do mito de Narciso é muito antiga e passou a ser compartilhada no decorrer dos séculos, ganhando novas interpretações. É o caso, por exemplo, de povos como os zulus, para os quais o reflexo do personagem principal representa a alma, que seria roubada por bestas da água.

De volta para o universo botânico, narcisos florescem no começo da primavera e são achados com frequência em solos úmidos, próximos às lagoas.

É uma espécie autossuficiente, geralmente com seis pétalas brancas e um funil no meio contendo estames e estigma. Seu caule é inclinado antes da flor, pendendo de um jeito em que ela fique virada para baixo, em vez de para cima como muitas outras.

Porém, é praticamente impossível falar da planta sem remeter à mitologia. Até esta inclinação de eixo é explicada por ela. Uma das justificativas é que Narciso teria contemplado tanto sua imagem que chegou a curvar bastante seu corpo, quase debruçado sobre o rio.

Então, seu corpo virou flor, que existiria apenas para demonstrar a beleza do guerreiro. E que ficaria praticamente na mesma posição que Narciso ficou enquanto humano, ou seja, inclinada, em vez de reta e firme.

Narcisos: conheça suas características e cultivo

Os narcisos são grandes e belas espécies bulbosas, que produzem flores de inúmeros formatos e combinações de cores.

É um tipo vigoroso e rústico de planta, com folhas lineares verdes que começam a despontar no final do mês de abril.

O narciso é uma flor recomendada para corte e arranjos, além de plantio de jardins ou vasos.

Basta ter narcisos plantados sem muito planejamento ou projeto rígido, para ter uma certa naturalidade campestre nas composições.

Seu cultivo não pede cuidados muito específicos. O bulbo do narciso pode ser plantado em qualquer período do ano, em lugar definitivo ou, ainda, quando ele começar a brotar espontaneamente, de preferência. Algo que é percebido geralmente perto do frio invernal.

O bom também é que os narcisos crescem bem em variados tipos de solo, exceto os que estão encharcados demais, pois o bulbo pode apodrecer. Luz indireta abundante é a dica para manter estas flores sempre lindas.

Espero que tenha gostado do post de hoje e aprendido um pouco mais sobre os narcisos e suas histórias.

Até a próxima!

/* ]]> */