Beleza Cabelos

Óleo de cenoura para o cabelo: veja os benefícios e como fazer em casa

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

A cenoura é considerada um dos alimentos com maior número de benefícios à saúde e, portanto, não poderia ficar de fora quando o assunto é cuidar dos cabelos. Rica em vitamina A e E, todos os produtos derivados da verdura passaram ser bastante úteis não só para manter o corpo e bem-estar em dia, como também ajudar nos cuidados diários com as madeixas. É o caso do óleo de cenoura, que você vai conhecer melhor no nosso artigo de hoje…

O óleo de cenoura ou óleo de semente de cenoura, como também é conhecido, tem ganhado lugar nas penteadeiras das vaidosas por ajudar na restauração, nutrição, fortalecimento e crescimento dos fios. Isso porque, além das vitaminas A e E, o produto também possui excelentes quantidades de betacarotenos, nutrientes que podem acelerar a circulação de sangue no couro cabeludo e, com isso, promover um melhor crescimento do cabelo.

Sendo assim, ele é considerado uma alternativa natural para deixar os cabelos mais bonitos, saudáveis, brilhantes e macios como nenhum outro. Se você está com dificuldades para fazer o seu cabelo crescer ou percebeu que ele anda mais danificado e sem vida nos últimos tempos, pode recorrer ao óleo de cenoura para recuperar a sua fibra capilar, melhorar a saúde do couro cabeludo, tornar os fios mais fortes e, ainda, acelerar o seu crescimento.

Quer saber mais sobre o óleo de cenoura, quais são os seus benefícios, como usar e como fazer o seu em casa? Então, continue de olho nos próximos parágrafos desse artigo e conheça tudo sobre esse poderoso e nutritivo produto para o cabelo!

Quais são os benefícios do óleo de cenoura?

O óleo de cenoura é um excelente produto natural para cuidar do cabelo por conter boas quantidades de vitamina A, E e betacarotenos, que são nutrientes essenciais para manter os fios fortes, saudáveis e bonitos, além de acelerar o seu crescimento e evitar pontas duplas.

Além disso, o produto também contém cálcio, ferro, magnésio, cobre, iodo e zinco, minerais que podem ajudar a deixar as madeixas sempre nutridas. Portanto, ao utilizá-lo diariamente na rotina de cuidados com as madeixas, você pode:

  • Proteger os cabelos dos danos dos raios solares, poluição e vento;
  • Melhora a circulação sanguínea no couro cabeludo;
  • Evita doenças no couro cabeludo, como é o caso da caspa;
  • Promove o crescimento acelerado dos fios;
  • Fortalece os fios, tornando-os mais resistentes à queda;
  • Combate pontas duplas e fios quebradiços;
  • Deixa os cabelos mais saudáveis, macios e brilhosos.

Como usar?

O óleo de cenoura pode ser utilizado de diversas maneiras para cuidar dos cabelos, dependendo do seu objetivo e de qual problema quer tratar nos seus fios. Veja, a seguir, cinco formas infalíveis de usar o produto:

1ª forma: Umectação

Divida o cabelo em mechas e aplique o óleo de cenoura em toda a extensão dos fios, aos poucos, até sentir que eles “sugaram” totalmente o óleo. Em seguida, deixe o produto agir por algumas horas e lave o cabelo normalmente depois.

Se for o caso, você pode aquecer o óleo em banho-maria antes da aplicação. Dizem por aí que o seu aquecimento até potencializa os efeitos do produto.

2ª forma: Reparador de pontas

Outra maneira de usar o óleo de cenoura é como reparador de pontas, principalmente no caso de quem usa muitos aparelhos quentes para modelar o cabelo, como é o caso do secador, chapinha e babyliss. Basta aplicar algumas gotinhas do óleo nas pontas dos fios diariamente para evitar problemas como, por exemplo, o aparecimento de pontas duplas.

3ª forma: Para o crescimento capilar

Se o seu cabelo não sai do lugar e você sofre com as dificuldades para ele crescer, uma ótima maneira de ajudar é aplicando o óleo de cenoura diretamente no couro cabeludo. Para isso, basta aquecê-lo em banho-maria e aplicar na raiz capilar, massageando com as pontas dos dedos e em movimentos leves.

Além de fazer os fios crescerem mais rapidamente, ainda poderá torná-los mais fortes à queda e à quebra. A dica é aplicar o produto a cada quatro dias e dormir com ele no cabelo. Lave as madeixas no dia seguinte e pronto!

4ª forma: Nutrição

Para deixar os seus cabelos mais nutridos e saudáveis, o óleo de cenoura pode ser usado também no processo de nutrição capilar. Neste caso, basta despejar algumas gotas do óleo na sua máscara de nutrição para potencializar os resultados da mesma. O resultado será de cabelos mais macios, saudáveis e fortes por mais tempo.

5ª forma: Para evitar o ressecamento do shampoo

Geralmente, os shampoos tendem a deixar os nossos cabelos mais ressecados ao fim da lavagem, principalmente aqueles que contêm muita parafina e sulfato. Para resolver o problema, você pode adicionar algumas gotinhas de óleo de cenoura ao seu shampoo, o que o ajudará a ficar mais hidratante e não ressecar tanto os fios.

Como fazer óleo de cenoura caseiro? Veja passo a passo

O óleo de cenoura não é tão fácil de ser encontrado se comparado a outros tipos de óleos capilares e, quando isso acontece, você costuma pagar um preço bem mais “salgado” por ele, o que pode afastá-la dos benefícios que o produto pode trazer ao seu cabelo se não estiver tão preparada financeiramente para o susto.

Por isso, muitas mulheres tendem a aderir ao famoso e econômico “Do-it -yourself” (ou “Faça você mesma”, em português) para preparar o seu próprio óleo de cenoura caseiro e economizar um dinheirinho extra ao fim do mês. Por isso, nos próximos parágrafos desse post, você vai aprender como fazer óleo de cenoura em casa, sem gastar muito tempo ou dinheiro para isso. Vem comigo!

Ingredientes:

  • 2 cenouras raladas;
  • Azeite de oliva.

Como fazer:

Passo 1: Em uma panela, coloque as cenouras raladas  e jogue o azeite de oliva por cima até cobrir bem as cenouras.

Passo 2: Em seguida, leve a panela ao fogo e espere até que as cenouras raladas refoguem bem, o que deverá deixá-las macias e o azeite na cor laranjada.

Passo 3: Feito isso, desligue o fogo e deixe a cenoura repousando por, pelo menos, 24 horas.

Passo 4: No dia seguinte, basta coar o óleo e guardá-lo em um recipiente tampado. Use-o quando precisar!

/* ]]> */