Decoração

Porcelanato líquido deixa o piso mais liso, bonito e fácil de limpar

Porcelanato líquido
Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

O aspecto final brilhante do porcelanato líquido lembra o porcelanato ‘real’. Mas o primeiro nada mais é do que um tipo de piso monolítico feito com resina. Um revestimento cada vez mais comum, com aparência homogênea, sem rejuntes. Vamos entender mais as diferenças!

O termo adequado seria piso monolítico de resina, piso de resina ou também piso de resina autonivelante. São três definições mais corretas porque o piso é, de fato, de resina, monolítico, autonivelante e líquido. Porcelanato não é…

Porcelanato líquido piso

Porcelanato é um revestimento cerâmico, mas as pessoas acabam usando o termo porcelanato liquido por causa do alto brilho e das juntas mínimas de dilatação, causando a percepção visual de piso único.

E o porcelanato líquido (vou chamar assim para facilitar a compreensão) não é uma novidade. Há muito tempo, os pisos de resina são utilizados por diversas indústrias (cosmética, farmacêutica, alimentícia), além de hospitais e garagens, para suprir a necessidade de pisos fortes e sem juntas que favoreçam o acúmulo de sujeira.

Acontece que os fabricantes perceberam a oportunidade de mercado e passaram a estimular o uso do piso de resina nos lares.

Atualmente, existem mais opções de revestimento monolítico para uso residencial, e também mais mão de obra especializada, com custos acessíveis. Algo difícil até poucos anos atrás, quando o serviço era caro e executado apenas por grandes empresas.

Entenda melhor o que é o porcelanato líquido e suas vantagens

As resinas cobrem o piso de uma forma homogênea. São elas que estão associadas ao termo “porcelanato líquido”. Um material que tem como vantagens ainda o fato de não gerar entulhos de obra, a facilidade de limpar no dia a dia e de permitir cobrir cerâmicas ou pedra.

O brilho do chamado porcelanato líquido chega a ser espelhado, fazendo do acabamento um dos mais queridinhos do momento, embora de porcelanato mesmo ele nada tenha – mas é líquido. O visual lisinho e radiante é obtido graças a basicamente dois tipos de resina: epóxi e poliuretano.

A resina de poliuretano requer uma aplicação diferente, na qual o local deve estar completamente nivelado. Além disso, pode ser utilizada tanto nas áreas internas quanto na externas e sobre outros pisos. Mas ela dispõe de menos opções de cores e não oferece a versão transparente. A aplicação é feita com rolo, como se você estivesse pintando o chão.

O piso de resina epóxi pode ser tanto em tons sólidos (branco, azul, vermelho, preto, marrom, amarelo, verde etc.) quanto transparente. Isso mesmo! Ele permite aplicação sobre outros pisos e até por cima de adesivos.

Se você quiser imprimir um adesivo de qualidade altíssima, aplicá-lo no chão e cobrir o trabalho com resina autonivelante, você pode! Uma ótima ideia para conseguir estampar o que quiser no seu ambiente, criando um visual personalizado e bonito.

Outra forma de utilizar a resina transparente é aplicá-la sobre objetos como granulados de pedra ou adicionar glitter, permitindo obter efeitos de texturas diferenciadas, um piso fashion e muito mais.

O piso monolítico é interessante porque possibilita inúmeros acabamentos, especialmente quando nas mãos de aplicadores mais experientes, que misturam cores de resina e conseguem pisos artísticos marmorizados cheios de formatos abstratos.

Há quem use a resina em adesivos 3D com a técnica trompe l’oeil. Esta técnica artística explora bastante a perspectiva, fazendo com que o espaço pareça continuar. Um recurso já utilizado pelos povos gregos antigos que ganhou fama no período barroco e está voltando com tudo.

Agora que você já sabe mais sobre o porcelanato líquido, pode aproveitar o material de forma mais eficaz, explorando toda sua potencialidade, praticidade e beleza. Mesmo não sendo verdadeiramente porcelanato, certamente não deixa de ter suas qualidades.

Sucesso!

Até a próxima…

/* ]]> */