Beleza Pele

Sabonete de enxofre: conheça seus benefícios e usos

O enxofre é conhecido como mineral de cura por causa de suas propriedades adstringentes, antibacterianas, desinfetantes e anti-inflamatórias.

É deste elemento de cheiro forte que é produzido o sabonete de enxofre, muito utilizado nos cuidados com a pele do rosto e também do corpo. Ele é eficaz na limpeza e no alívio de certas condições da epiderme.

Normalmente, o sabonete feito com enxofre é vendido nas farmácias e lojas de produtos naturais contendo 10% do mineral.

Benefícios

Veja a seguir por que o enxofre é o queridinho de muita gente na hora de deixar a cútis limpa e bonita:

• Favorece a circulação;
• Minimiza inflamações;
• Auxilia na desintoxicação dos tecidos;
• Estimula o processo natural de recuperação.

E vários destes benefícios são aproveitados no sabonete de enxofre, especialmente no tratamento da acne. O produto tem ação adstringente, absorve o excesso de óleo e ajuda a secar a pele com cravos e espinhas.

Além disso, ele proporciona uma esfoliação, auxiliando na retirada da camada de células mortas e, portanto, na renovação da cútis. Mais limpos e sem tanta gordura, os poros não ficam obstruídos e, com isso, a acne tende a ficar mais controlada.

É comum o sabonete de enxofre conter outras substâncias que ajudam a potencializar a absorção da oleosidade. São elas: o álcool isopropílico, ácido salicílico e peróxido de benzoíla, que são capazes ainda de eliminar bactérias que provocam inflamações.

Para que serve o sabonete de enxofre?

O alívio da rosácea é outro motivo para buscar o produto. Ainda que não existam pesquisas comprovando sua eficácia neste sentido, o sabão à base de enxofre está ligado ao alívio da inflamação e da coceira, sintomas típicos desta condição.

Porém, é importante consultar sempre um dermatologista, pois alguns sabonetes de enxofre têm outros elementos em sua formulação que podem causar irritação na pele com rosácea.

Há relatos de aproveitamento do sabonete no combate à dermatite seborreica, que é resultante da ação de um fungo. O enxofre é empregado neste caso para matar o microrganismo, graças às suas propriedades antifúngicas e antibacterianas.

E por falar em organismos microscópicos, a sarna é mais uma doença resultante da ação deles, levando à erupção cutânea e prurido. O sabonete de enxofre é tóxico para os ácaros que provocam este mal, aliviando a coceira.

Sua pele é oleosa? Em geral, o sabonete produzido com enxofre é um excelente adstringente natural. Lavar o rosto com ele é útil na recuperação do equilíbrio da epiderme que sofre com sebo descontrolado.

Além de entupir os poros, o óleo ainda deixa um aspecto de pele descuidada, cheia de impurezas, com um brilho excessivo e nada saudável.

Quem passa por episódios de eczema sabe o incômodo que o problema traz. Mas o sabonete de enxofre promove um efeito de secagem, alivia o inchaço e minimiza o desconforto na área afetada por esta doença de pele.

O produto pode ser empregado durante o banho como forma de prevenir as crises da infecção.

Efeitos colaterais e contraindicações

É claro que as informações disponíveis aqui são de caráter informativo e geral. Nenhuma delas
dispensa a ida ao médico e/ou tratamentos prescritos por ele.

Até porque, embora produtos como o sabonete de enxofre tragam inúmeras vantagens, eles também podem causar reações adversas.

As mais frequentes neste caso são inchaço, vermelhidão e prurido. A pele também pode descamar após alguns dias de uso do sabonete. São efeitos secundários leves, mas que não devem ser desconsiderados, especialmente se surgir dor.

Crianças e pessoas com alergia à aspirina não devem utilizar o sabonete de enxofre.
Outro lembrete essencial é que o produto deixa a epiderme sensível. O que requer mais cuidado com a rotina de aplicação de filtro solar e hidratante.

Cuide-se! Até o próximo post…

/* ]]> */