Chás Nutrição Plantas Medicinais Saúde

Conheça os benefícios da semente de funcho para a saúde

As plantas medicinais estão caindo no gosto popular e tomando de vez o lugar de muitos produtos industrializados e remédios na medicina, culinária, perfumaria e até na cosmetologia.

Afinal, elas são empregadas desde os tempos mais remotos para curar e tratar o nosso corpo, graças às suas vitaminas e minerais presentes em sua composição, servindo como alternativas naturais e sem efeitos colaterais para cuidar da saúde e evitar os riscos causados por certos produtos e medicamentos.

Dentre as espécies mais conhecidas e utilizadas popularmente está a semente de funcho, assunto do nosso artigo de hoje. Como o nome já diz, ela é derivada de uma planta chamada funcho, mais conhecida como anis ou erva doce, originária do Mediterrâneo, mesmo sendo cultivada em diversas regiões de climas temperado ou subtropical.

A semente de funcho costuma ser bastante utilizada não só na culinária, mas também para perfumar e aromatizar diversos produtos, principalmente de uso cosmético. Na cozinha, pode ser utilizada a sua infusão, capaz de prevenir ou tratar diversos males ao organismo, devido às suas propriedades vermífugas, calmantes, antiespasmódicas, digestivas, depurativas, entre tantas outras.

Quer saber quais são os benefícios da semente de funcho e como usá-la para obter os efeitos desejados no corpo? Então, continue lendo esse post até o final e conheça tudo sobre esse poderoso alimento.

Quais são os benefícios da semente de funcho?

A semente de funcho é um alimento poderoso e benéfico à saúde, rico em nutrientes essenciais, como vitaminas A, B e C, glúcidos, água, fibras, sódio, potássio, ferro, cálcio, cobre e zinco, que são capazes de oferecer efeitos antiespasmódicos, relaxantes, estimulantes, vermífugos, antirreumáticos, depurativos, laxantes, expectorantes e digestivos ao corpo.

Por este motivo, ela é bastante usada para combater problemas como azia, má digestão, gases, dores abdominais, prisão de ventre, diarreias, entre outros, melhorando o funcionando do organismo como um todo.

Além disso, por possuir um sabor e aroma únicos e agradáveis, a semente de funcho também é muito usada para perfumar e aromatizar cosméticos, sendo comum encontrarmos cremes hidratantes para a pele, desodorantes, sabonetes e até produtos capilares com a essência da planta.

Ainda, por favorecer uma melhor digestão, a semente de funcho também previne o mau hálito provocado por problemas estomacais. Para as mamães, esse poderoso alimento também pode servir para estimular a produção de leite materno, além de acalmar e tratar cólicas em seus bebês através das suas propriedades calmantes e digestivas transferidas durante a amamentação aos pequenos.

Pessoas com doenças respiratórias podem ser beneficiar da semente de funcho para ajudar a reduzir o catarro na garganta, tosse crônica e até aliviar as crises de bronquite e asma, graças às suas propriedades expectorantes.

Para quem sofre de insônia ou ansiedade, as sementes de funcho podem ajudar a acalmar a mente e o corpo, aliviando os sintomas do problema e melhorando as noites de sono.

Além disso, a mulherada que está em busca de eliminar aqueles incômodos inchaços causados pela retenção líquida, podem aproveitar os efeitos diuréticos da planta para perder a barriga saliente e diminuir alguns quilinhos na balança.

As vaidosas de plantão também podem ficar felizes, pois a semente de funcho também pode ser utilizada para alcançar uma pele impecável e cabelo saudável, graças aos seus antioxidantes e propriedades antissépticas, que previnem o envelhecimento precoce e combatem as espinhas.

Nos cabelos, as sementes podem tratar coceiras e inchaços no couro cabeludo, combater a caspa e outras seborreias, além de prevenir a queda e quebra dos fios.

Como usar?

A melhor forma de usar a semente de funcho é apostando no seu chá ou infusão ou até mesmo mastigando-as. Veja, a seguir, a receita do chá de semente de funcho e como tomá-lo no seu dia a dia para obter os seus benefícios:

Receita do chá de semente de funcho

Ingredientes:

  • 3 colheres (sopa) de funcho;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo:

O primeiro passo para preparar o seu chá é colocar a água para ferver em uma panela ao fogo brando e, assim que ela levantar fervura, acrescentar as sementes secas da planta. Agora, desligue o fogo e tampe a panela, deixando a bebida descansar por cerca de cinco minutinhos. Beba em seguida, ainda quente.

O chá de semente de funcho pode ser tomado três vezes ao dia. Se o chá for feito para bebês ou crianças, você pode adoçar a bebida com um pouco de mel e, neste caso, diminuir a quantidade de erva indicada nesta receita.

Mastigando as sementes

No caso das pessoas que desejam se livrar do mau hálito causado por problemas estomacais, a dica é mastigar bem as sementes de funcho sempre após cada refeição.

No cabelo e na pele

Você também pode usar as sementes de funcho para cuidar da saúde e beleza da pele e dos cabelos. Para isso, basta preparar uma infusão ou chá, tal como nós ensinamos anteriormente, e aplicar diretamente sobre a pele com a ajuda de bolas de algodão. No caso dos cabelos, pode utilizar a bebida para um último enxágue após o banho, depois de ter lavado e acondicionado os seus fios devidamente.

Contraindicações e efeitos colaterais

Por ser um alimento natural, a semente de funcho não possui nenhum efeito colateral se utilizada de forma correta. No entanto, o seu uso excessivo pode causar alguma toxidade no organismo e, portanto, não deve ser consumida durante a gravidez, sob o risco de provocar abortos.

Além disso, o seu uso abusivo também pode causar problemas no trato digestivo. Portanto, se você já possui algum problema de saúde neste sentido, converse com o seu médico antes de iniciar qualquer tratamento com a semente de funcho.

/* ]]> */