Maternidade

Shantala: aprenda técnica para alívio das dores do bebê

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Shantala pode ajudar a aliviar as dores e desconfortos do seu bebê. Como conecta mãe e bebê promovendo o vínculo entre eles, essa massagem, se feita regularmente, pode trazer mais segurança e tranquilidade para o bebê.

Veja neste artigo o que é a Shantala, quais seus benefícios e como fazer essa massagem de maneira fácil.

Veja também: O Guia Imperdível Sobre o Sono do Bebê!

O que é shantala?

A Shantala é uma massagem milenar de origem indiana. Frédérick Leboyer, obstetra francês conheceu essa massagem em uma viagem para a Índia quando, em meio à condições de vida precários, num cenário de miséria e abandono, uma mulher massageava seu bebê numa calçada pública.

O médico ficou interessado pela maneira como a mulher conseguia transformar o ambiente desolador em carinho e afeição quando tocava seu bebê.

O nome dessa mulher era Shantala e ela mostrou a Leboyer tudo que sabia sobre a arte de massagear os bebês, que é uma prática cotidiana da cultura de seu país.

Quando retornou à Europa, o obstetra introduziu essa técnica no ocidente com o nome da mulher que o ensinou seus princípios, porque na Índia não há um nome para esse hábito.

Fortalecendo o vínculo:

O objetivo maior da prática da Shantala é o fortalecimento do vínculo materno. A calma e o alívio dos desconfortos são algumas outras consequências dessa tradição de conexão através do toque.

Segundo Leboyer:

“Sim, os bebês tem necessidade de leite. Mas muito mais de serem amados e receberem carinho; serem levados, embalados, acariciados, pegos e massageados”.

Segundo essa abordagem, quando mais estreito for o laço entre a mãe e o bebê, mais eles estarão em sintonia, facilitando a comunicação entre eles.

Como os bebês demoram para aprender a falar, toda a maneira de melhorar a comunicação com o pequeno é muito bem-vinda, certo?

Aprenda a fazer a Shantala:

A prática da Shantala deve ser um ato de carinho, um momento de curtir seu bebê, acariciá-lo e conversar com ele de maneira mansa e amistosa.

Dicas para prática da Shantala:

  1. Use um óleo corporal próprio para o bebê, que seja adequado a sua pele delicada e tenha uma fragrância suave;
  2. Com um pouco de óleo nas mãos, esfregue uma palma à outra para aquecê-las, faça isso várias vezes durante a massagem;
  3. Sente-se de maneira confortável e deite seu bebê em suas pernas;
  4. Converse com ele enquanto se prepara para iniciar a massagem;
  5. Inicie a massagem pelos pés, subindo para as pernas, barriga e braços;
  6. Faça movimentos circulares e suaves, sempre conversando e mantendo contato visual com seu bebê;
  7. Massageie generosamente a barriga em movimentos circulares em sentido horário;
  8. Sinta o corpo de seu bebê, observe cada detalhe, respire fundo: esse é um momento de vocês.

Não existe certo e errado quando o objetivo é curtir seu bebê e estar num momento de amor e conexão com ele, adapte e crie também detalhes só de vocês nesse ritual de carinho!

Para saber mais sobre como fortalecer o vínculo materno e se comunicar melhor com seu bebê, veja este artigo!

 

 

/* ]]> */