Casamento

Superstições de casamento: 10 crenças que toda noiva deve saber!

Superstições de casamento
Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Casar de branco, jogar arroz nos noivos e usar um acessório azul são alguns exemplos das muitas superstições de casamento que existem mundo afora.

São pequenos gestos e comportamentos que podem ser simbólicos, dar sorte ou até evitar o azar e o mau olhado no casamento.

É difícil saber a origem de todas essas superstições e tradições, mas o fato é que elas tornam o casamento mais interessante e que quase todas as pessoas as seguem, afinal, ninguém quer trazer mau agouro para si e para quem se ama, certo?

Se você é supersticiosa e vai casar, esse post é pra você! Veja a seguir as 10 principais superstições de casamento e garanta a boa sorte neste momento tão especial! Confira!

1. Vestido de noiva

Muitas superstições envolvem o vestido de noiva, objeto de desejo de muitas mulheres!

Por exemplo, tradicionalmente, o vestido de noiva deve ser branco, pois a cor representa a pureza e a virtude da mulher. Mas quem começou essa tradição de vestidos brancos no ocidente foi a Rainha Victoria, em 1840. Antes disso, as noivas simplesmente usavam o seu melhor vestido, não importando a cor.

Outra superstição envolvendo o vestido de noiva é que se as mulheres solteiras prenderem seu nome na borda do vestido ou pisarem na pontinha da cauda da noiva, elas podem atrair um casamento.

Mas a superstição mais importante – e conhecida – é que o noivo nunca deve ver a noiva usando o vestido antes de entrar na igreja, afinal, dizem que pode dar azar.

2. Pega o buquê!

Além de ser um acessório lindo e que completa o visual da noiva, o buquê também é alvo de uma das mais antigas e clássicas superstições de casamento.

A cena é clássica. A uma determinada altura da festa de casamento, a mulherada se reúne e a noiva joga o buquê. A convidada que conseguir pegá-lo será a próxima a contrair o matrimônio.

Essa curiosa superstição surgiu na França no século 14.

3. Chuva de arroz

Outra cena clássica dos casamentos é a chuva de arroz.

O hábito de jogar arroz nos noivos na saída da cerimônia assegura a eles uma vida a dois longa, próspera, farta e fértil.

4. Algo velho, algo novo e algo emprestado

Os acessórios que a noiva usa durante a cerimônia também podem obedecer a uma antiga superstição de casamento, uma tradição norte-americana cheia de simbolismos.

Aconselha-se que a noiva utilize no grande dia algo velho, que representa sua ligação com o passado; algo novo representando o otimismo, a esperança e o futuro; e algo emprestado, que simboliza a felicidade e a partilha.

5. Algo de azul

De acordo com a mesma tradição norte-americana, a noiva deve também utilizar algo azul no dia do seu casamento, já que a cor simboliza a pureza, a fidelidade, a felicidade e o amor eterno.

6. Damas de honra e madrinhas

A presença das damas de honra e madrinhas é uma das superstições de casamento mais curiosas.

Elas existem desde a Antiguidade e um dos motivos conhecidos é que quando as noivas se casavam, naquela época, ainda eram crianças e precisavam de ajuda para se vestir.

Além disso, a tradição diz que as meninas que entram antes na igreja espantam e confundem os maus espíritos, impedindo-os de chegar perto da noiva. Afinal, como eles saberiam quem é a noiva certa, com outras mulheres vestidas de forma parecida?

Outra curiosidade é que ter uma dama que entra na frente jogando flores ou pétalas no chão atrai fertilidade para o casamento.

7. Alianças de casamento

Segundo a tradição, a aliança de casamento deve ser utilizada no quarto dedo da mão esquerda.

Essa tradição remonta a Roma Antiga, quando se acreditava que era neste dedo que passava uma veia (vena amoris) que estava diretamente ligada ao coração. Essa superstição é seguida até aos dias de hoje.

Além disso, há quem diga que as alianças devem ser lisas e de metal para garantir a continuidade e a fidelidade do casamento. A aliança, segundo a superstição, não deveria ter interferência porque ela significa o amor infinito, sem obstáculos.

8. Carregar a noiva no colo para dentro de casa

A superstição diz que a noiva não pode cair ou tropeçar logo na entrada da casa. Para evitar problemas, criou-se essa tradição, onde o noivo a carrega no colo para dentro da casa.

Além disso, acredita-se também que entrar pela porta com a noiva nos braços espanta os maus espíritos dos recém-casados.

9. Chuva e choro

Apesar da chuva não ser bem vista pelos convidados e noivos, pois pode – supostamente – estragar a festa, segundo a tradição, ela é sinal de fertilidade e limpeza para os recém-casados.

Um casal que tenha sua cerimônia interrompida por uma chuva torrencial terá um filho dentro de nove meses!

E se a noiva chorar durante a sua cerimônia de casamento, estará atraindo sorte, pois simboliza que ela derramou todas as lágrimas e não terá nenhuma para derramar durante a vida.

10. Bolo de casamento

O bolo de casamento também guarda as suas superstições.

Para um casamento feliz, os noivos devem cortar o bolo juntos e de baixo para cima, a fim de atrair sorte e prosperidade.

Além disso, aconselha-se que eles dividam o primeiro pedaço do bolo, para assegurar uma vida de partilha e união.

Certamente, as superstições de casamento tornam a cerimônia mais divertida e interessante tanto para os noivos como para os convidados. Além disso, são tradições que trazem sorte e felicidade – para quem assim acredita – e tornam o momento ainda mais especial.

Portanto, se você curte as tradições e superstições de casamento, seja feliz e incorpore todas elas em sua cerimônia. Afinal, se não fizer bem, mal não vai fazer!

Você conhece alguma outra tradição ou superstição de casamento? Posta nos comentários!

/* ]]> */