Maternidade Saúde

Vacina Pneumocócica 13-valente: saiba porque todos devem tomá-la

A vacina pneumocócica 13-valente é muito importante, pois protege contra pneumonias causadas por bactérias. A pneumonia é uma infecção nos pulmões que causa febre, tosse e dificuldade para respirar. 

Neste artigo, veja porque é imprescindível proteger sua família com a vacina pneumocócica, quais são as indicações e possíveis reações adversas.

Por que todos devem tomar a vacina pneumocócica 13-valente?

A pneumonia é a doença infecciosa responsável pela maioria das internações nos hospitais do SUS, segundo dados do Ministério da Saúde.

Por ser uma doença oportunista, ela pode se instalar no organismo por conta de sua fragilidade. Há vários fatores que podem aumentar os riscos de adquirir pneumonia:

  • mudanças bruscas de temperatura;
  • resfriados mal cuidados;
  • ar-condicionado: deixa o ar muito seco, tornando mais fácil a infecção;
  • álcool: o consumo exagerado pode debilitar o sistema imunológico;
  • fumo: direta ou indiretamente pode provocar a inflamação pulmonar.

Os principais sintomas da pneumonia são tosse, febre e dificuldade para respirar. São sintomas que podem ser confundidos com um resfriado comum e esse é o principal risco de não ser tratada adequadamente.

A vacina pneumocócica 13-valente:

A vacinação inda é a forma mais eficaz de evitar a pneumonia causada por bactérias. A seguir, veja mais detalhes sobre ela e informe-se.

Indicações:

Esta vacina pode ser recebida por bebês a partir dos 2 meses de idade. Crianças e adolescentes com até 17 anos incompletos. Adultos com mais de 50 anos também devem tomá-la.

Pessoas que são HIV positivo, ou que possuem câncer, doença renal, pessoas esplenectomizadas (pessoas que retiraram o baço cirurgicamente) e que possuem derivação ventrículo-peritoneal podem receber a vacina com prescrição médica.

Composição:

Polissacarídeos dos sorotipos de várias espécies de bactérias que causam pneumonia, conjugados a uma proteína diftérica. Também contém látex e alumínio.

Reações adversas:

Pode acontecer febre baixa, calor e inchaço no local, além da formação de nódulo sob a pele.

Pode ocorrer convulsões por febre alta, por isso, procure um médico que possa indicar um anti-térmico para usar, caso a febre seja mais forte do que o normal.

Contraindicações:

É contraindicada em caso de:

  • alergia aos componentes da fórmula, incluindo alergia ao látex e à proteína diftérica;
  • febre.

Vacinação em dia:

Quer saber como acompanhar as datas de vacinação da família para não deixar de se proteger? Veja este artigo com 5 aplicativos para acompanhar o calendário de vacinação.

/* ]]> */