Beleza Cabelos

Velaterapia: descubra os benefícios do “banho de vela” para o cabelo

Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Já imaginou usar a chama de uma vela acesa para queimar o cabelo? Pois é! Pode até parecer loucura, eu concordo, mas muitas vaidosas estão apostando nesse procedimento um tanto inusitado para acabar com as pontas duplas e deixar o cabelo ainda mais saudável e bonito.

Trata-se da famosa velaterapia, ou “banho de vela”, que você vai conhecer melhor no nosso artigo de hoje. A técnica, que já foi febre entre as mulheres nos anos 80, voltou com tudo e promete ficar para valer entre os tratamentos capilares mais usados atualmente, já que pode ajudar a nos livrar das incômodas pontas duplas dos fios, além de reestruturar cabelos fracos e porosos, tudo isso sem precisar mexer no comprimento das nossas madeixas.

O resultado é um cabelo com crescimento forte e mais encorpado, como você nunca viu antes. Quer saber mais sobre a velaterapia e como ela funciona? Então, continue de olho nos próximos parágrafos que eu te conto!

O que é a velaterapia? Para que serve?

A velaterapia é um tratamento capilar que aposta na queima de fios quebradiços e com pontas duplas com a chama de uma vela acesa.

Embora a técnica pareça “assustadora” a princípio, o fato é que ela é altamente eficiente, capaz de eliminar pontas danificadas e oferecendo um resultado a longo prazo, diferente das hidratações tradicionais, que têm um efeito de “maquiagem”, já que resolvem o problema apenas na hora, saindo depois de lavar.

Na prática, a velaterapia, que deve ser aplicada, de preferência, por um profissional de beleza habilitado, é feita passando a chama da vela, em velocidade rápida, em mechas de cabelo médias e contorcidas, “queimando” apenas as pontas duplas que ficam expostas ao contorcer os fios.

O procedimento vai ajudar a remover as partes ruins do cabelo, o que abre um espaço para o crescimento do cabelo saudável. A vela desobstrui o fio, deixando ele pronto para absorver melhor as vitaminas e os nutrientes.

Além disso, essa técnica também já prepara as cutículas dos fios para receber os nutrientes que vêm por último, ajudando a manter o cabelo super hidratado. Em suma, a velaterapia funciona com três processos que dão resultado certeiro: vela, “corte bordado” (para saber melhor o que é, clique no link para ler outro artigo aqui no blog) e banho de vitaminas.

Simples, né?! Mas, acredite, é super eficiente! Inclusive, várias celebridades já aderiram ao tratamento capilar e, é claro, tornaram-se fãs de carteirinha da velaterapia. Afinal, não é para menos, pois a técnica serve tanto para quem está precisando de resultados imediatos quanto para as mulheres que apenas desejam ter cabelos mais grossos e fortes nas pontas, em um período maior de tempo.

A velaterapia é feita em três horas, dependendo da quantidade de cabelo, e pode ser feita a cada três ou quatro meses.

Quem deve fazer?

A velaterapia é recomendada normalmente para cabelos muito ressecados ou porosos, com pontas duplas, mechas finas e dificuldade para crescer. No entanto, por não se tratar de um procedimento tão comum, o mais indicado é que a pessoa procure um salão e peça para o cabeleireiro fazer uma avaliação. Somente depois do diagnóstico de um profissional é possível saber se realmente há necessidade do procedimento em cada cabelo.

Como fazer?

Depois de conhecer todos esses benefícios da velaterapia para o cabelo, aposto que você ficou curiosa para saber como ela é feita passo a passo, estou certa? Pois bem! A primeira coisa que você precisa saber é que o procedimento só deve ser feito por um profissional de beleza habilitado, como já falamos anteriormente.

Afinal, se você tentar fazer sozinha em casa, pode acabar “queimando” o cabelo, de forma bastante agressiva e perigosa. Por isso, nada de tentar alguma besteira que possa prejudicar a sua saúde e das suas madeixas por aí, ok?!

Todo o processo leva cerca de três horas para ser feito e é realizado no cabelo seco, antes de ser lavado. Veja como fazer a seguir:

Passo 1: Primeiro, o cabelo é dividido em mechas de tamanho médio, que são torcidas posteriormente para que as pontas duplas se sobressaiam (fiquem evidentes).

Passo 2: Em seguida, a vela é acesa e aproximada em uma das mechas torcidas, sendo passada ao longo de todo os fios para remover as pontas duplas que não são alcançadas pela tesoura durante o corte. Neste momento, as pontas duplas serão queimadas e a fibra de queratina selará (fechará) cada um dos fios que entraram em contato com o calor da chama, cauterizando as pontas.

Passo 3: Depois de terminar o processo em todas as mechas usando a vela, agora é hora de usar a tesoura para fazer o “corte bordado”. Com as pontas duplas agora mais visíveis, o cabeleireiro deverá cortar uma a uma, deixando as escamas abertas para receber a máscara com nutrientes que é aplicada no final.

Passo 4: Por último, com o cabelo preparado e com as escamas abertas para receber o tratamento de nutrição, é realizada uma esfoliação capilar com shampoo e máscara naturais para hidratar profundamente os fios. Prontinho! Está feita a sua velaterapia!

Quanto custa a velaterapia?

Por ter resultados eficientes, imediatos e a longo prazo, o valor de uma sessão de velaterapia varia entre R$ 300,00 e R$ 500,00, o que vai depender do salão de beleza que você for fazer. A frequência a ser utilizada para as sessões geralmente é de três em três meses, que é o tempo que novas pontas duplas devem voltar a aparecer.

É claro que o preço não é tão barato, mas dependendo do estado de danificação do seu cabelo, vale muito a pena. A mudança de antes e depois do tratamento é realmente incrível!

Além disso, apesar de parecer simples (apenas queimar o cabelo com uma vela), essa técnica é bem minuciosa e deve ser feita com bastante cuidado e conhecimento para não ter qualquer erro que possa prejudicar a saúde das nossas madeixas. Por isso, prefira sempre pagar um valor alto a um profissional habilitado do que arriscar a sua saúde e do seu cabelo, ok?

Gostou do artigo? Já fez ou teria coragem de fazer a velaterapia no seu cabelo? Então, deixe um comentário aqui embaixo contando para a gente…

Até a próxima!

/* ]]> */