Nutrição

Vitamina D: Benefícios e onde é encontrada

Vitamina D: Benefícios para a saúde
Siga nosso dia-a-dia no insta! Clique aqui para acessar nosso perfil.

Uma das principais funções da vitamina D, é a de facilitar a absorção do cálcio no organismo, sendo importante para o bom desenvolvimento dos ossos e dos dentes.

Como se não bastasse, ela também pode ser útil na prevenção de doenças como diabetes e obesidade, ajudando ainda a regular o metabolismo ósseo e agindo como hormônio para manter a quantidade de cálcio e fósforo adequada no sangue.

Nas próximas linhas, vamos falar de maneira um pouco mais aprofundada sobre os benefícios e disponibilidade da vitamina D nos alimentos.

Saiba para que serve e onde encontrar a Vitamina D

Conforme já adiantamos, a vitamina D atua em diferentes partes do organismo. A lista de benefícios inclui:

  • Aumentar a absorção de cálcio e fósforo no intestino;
  • Trazer o fortalecimento para dentes e ossos os deixando mais saudáveis;
  • Agir na prevenção de doenças como esclerose múltipla, diabetes, obesidade e hipertensão;
  • Aumentar a produção de músculos;
  • Ajudar no equilíbrio do organismo;
  • Agir no fortalecimento do sistema imunológico.
  • Melhorar na saúde cardiovascular.
  • Auxiliar no emagrecimento;
  • Auxiliar no crescimento;
  • Diminuir a acne;
  • Auxiliar na hipertrofia;
  • Melhorar a fertilidade; e
  • Atuar também na prevenção de alguns tipos de câncer como o de mama, reto e cólon.

Além de tudo isso, a vitamina D pode ter papel importante no combate ao envelhecimento precoce, sendo, portanto, um elemento indispensável na dieta diária de qualquer pessoa.

Como obter a vitamina D

De modo geral, os benefícios da vitamina D podem ser obtidos tanto com o consumo de determinados alimentos, quanto por meio da exposição solar, que estimula a produção da vitamina na pele.

Vitamina D e seus benefícios

Em se tratando da exposição solar, ela precisa ocorrer diariamente no início da manhã (antes das 10h) e/ou no fim da tarde (após as 16h), quando os raios do sol já não exercem efeito nocivo sobre a pele.

Pessoas que possuem a pele clara devem se expor ao sol por apenas quinze minutos diariamente, enquanto pessoas de pele negra podem lançar mão da exposição por cerca de 1 hora.

Agora, cabe ressaltar que, para garantir ao organismo o recebimento da quantidade necessária de vitamina D, é importante também o consumo de alimentos que possuem a substância. Entre as principais opções estão óleo de fígado de bacalhau, frutos do mar, leite e seus derivados, gema de ovo, sardinha enlatada, arenque fresco, fígado de galinha e salmão.

Consequências da falta de vitamina D

De acordo com especialistas, a deficiência de vitamina D no organismo, pode demandar reposição por meio de suplemento natural, encontrado em fórmula de cápsulas ou em gotas. Esse tipo de produto, no entanto, só deve ser ingerido/administrado mediante recomendação médica.

A quantidade é definida pelo próprio profissional da saúde, que por sua vez, leva em consideração o grau de deficiência de cada paciente e a dose necessária ao tratamento.

Os principais sintomas da deficiência da vitamina D no organismo são:

  • Queda do cálcio e fósforo no sangue;
  • Fraqueza e dor muscular;
  • Osteoporose em idosos;
  • Osteomalácea; e
  • Enfraquecimento dos ossos.

Comentar

/* ]]> */