Saúde Terapias

Acupuntura dói? Saiba tudo sobre a terapia chinesa que usa a inserção de agulhas no corpo

Acupuntura dói

Apesar de ser uma terapia muito conhecida da medicina tradicional chinesa e bem difundida no Brasil, muitas pessoas têm certa resistência à acupuntura, mesmo cientes dos seus benefícios no tratamento de diversas condições de saúde.

Mas qual o motivo dessa resistência? Bem, a resposta é simples. A acupuntura é realizada por meio da inserção de agulhas em pontos específicos do corpo.

Veja também: O que é auriculoterapia chinesa? Conheça a técnica que trabalha pontos específicos da orelha

E como se é de esperar, algumas pessoas se sentem aflitas e tensas só de pensar nas agulhas, pois acabam associando-as a dor ou a uma sensação desagradável.

Mas será que a acupuntura dói mesmo? Leia este post e descubra tudo sobre o assunto!

O que é a acupuntura e como as agulhas são aplicadas?

A acupuntura é uma terapia da tradicional medicina chinesa, desenvolvida há mais de 2 mil anos, que tem sido utilizada desde então para o tratamento e alívio de diversas doenças.

É um método natural de cura e equilíbrio mental que utiliza a inserção de agulhas sobre pontos meridionais do corpo, visando uma solução para os mais diversos tipos de dores, estresse e problemas emocionais.



As agulhas utilizadas neste método são especiais, específicas para este tipo de tratamento. Elas são feitas de aço cirúrgico inoxidável e tem a espessura de um fio de cabelo.

As agulhas são inseridas uma a uma, cuidadosamente pelo terapeuta, em pontos específicos pré-definidos por ele, de acordo com o problema a ser tratado. O paciente fica parado com as agulhas no corpo por aproximadamente 30 minutos e ao fim da sessão, o terapeuta as retira.

A acupuntura dói ou traz riscos à saúde?

Falar sobre dor é sempre complicado, pois a sua percepção de intensidade é muito pessoal e varia de acordo com cada indivíduo.

De forma geral, é normal sentir uma rápida e leve picada na pele quando o terapeuta insere as agulhas nos pontos de acupuntura. Alguns pacientes também relatam que sentem uma espécie de choque elétrico que dura alguns segundos após a inserção da agulha. A sensação pode ser local ou irradiada no trajeto do meridiano.

Quem relata que a acupuntura dói, geramente são pessoas que se sentem intimidadas pelas agulhas e acabam ficando tensas no momento da aplicação. Ou seja, a dor e o desconforto são decorrentes da tensão e do medo e não da inserção das agulhas em si.

A acupuntura é um método seguro e que não traz riscos à saúde. Casos de problemas com as agulhas, como perfuração dos órgãos, manchas roxas sobre a pele, danos nos nervos, desmaios, hemorragia e espasmos musculares são muito raros.

Quais os efeitos colaterais e por que eles ocorrem?

Se por um lado, a acupuntura não dói e nem traz danos à saúde, por outro, seus efeitos colaterais podem causar transtornos significativos.

Mas no caso da acupuntura, os efeitos colaterais são um sinal de que o tratamento está funcionando.

Eles surgem por causa do desbloqueio da energia Qi, que é a energia vital dos seres vivos. Na medicina chinesa, a energia Qi tem função reguladora no organismo e deve fluir livremente pelo corpo. Se por algum motivo essa energia não estiver fluindo como deveria, nós adoecemos.

A acupuntura desbloqueia o fluxo da energia Qi para que o corpo se reequilibre sozinho, no entanto, esse desbloqueio causa alguns efeitos colaterais que podem se iniciar logo após a sessão de acupuntura, e permanecer por pelo menos 48 horas. Os efeitos colaterais mais comuns são:

  • Alteração do sono;
  • Fadiga;
  • Alteração da urina;
  • Alteração do funcionamento intestinal;
  • Alteração do apetite;
  • Mudança de humor ou estado emocional;
  • Tontura;
  • Náusea;
  • Sudorese.

Por fim, podemos afirmar que a acupuntura não dói para pessoas que conseguem relaxar e se sentir confortáveis com o uso das agulhas. No entanto, se você ficar tenso durante toda a sessão, pode sentir uma leve dor.

Mas vale ressaltar que mesmo pacientes que afirmam que a acupuntura dói por se sentirem tensos com a utilização das agulhas, se dizem satisfeitos com os resultados pós-tratamento.

Mas se para você a inserção das agulhas é algo impensável, não tem problema! Você ainda pode recorrer a diversas outras terapias que não utilizam agulhas, como a moxa e as ventosas, por exemplo.

Qual a sua relação com as agulhas da acupuntura? Você faria uma sessão? Compartilhe!

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Juliana Mitsuda

/* ]]> */