Artesanato

Artesanato é uma boa fonte de renda? Como ganhar dinheiro com artesanato

Para você ter uma ideia, a venda de trabalhos artesanais é responsável por nada mais nada menos que 2,5% do PIB brasileiro. Já tem gente que vive de artesanato, sim!

O mercado de artesanato é, em grande, parte alimentado pelo empreendedorismo das mulheres.

Ao adotar o trabalho manual como escolha profissional, elas podem realizar o sonho de ter o próprio negócio e de produzir em casa, perto da família e com qualidade de vida.

Muitas que começaram a fazer trabalhos manuais como terapia, hoje, estão lucrando bem.

Peças produzidas aqui, como matéria-prima totalmente nacional, enfeitam inclusive lares na Europa e em toda a América. É o artesanato recebendo o valor que merece!

Reciclar, extrair da natureza (com responsabilidade, claro) e usar a criatividade é a combinação perfeita para criar produtos bacanas, personalizados, exclusivos.

E o artesão faz isso tomando conta de todo o processo produtivo, sem grandes maquinários ou muita gente ao redor para ajudar. Em pleno século 21 e fazendo parte de uma era totalmente industrial.



Por meio de técnicas muitas vezes simples, é possível transformar materiais diversos em verdadeiras obras-primas extremamente vendáveis. Tudo por causa das características que só o artesanato pode proporcionar: sustentabilidade e originalidade.

Como ganhar dinheiro com artesanato

artesanato-fonte-de-renda

Etapa 1
Descobrir suas principais habilidades é o primeiro passo, mesmo que você tenha talento para vários tipos de trabalho. É preciso ser objetivo (a) em relação ao que realmente pode gerar lucro. Ou seja, opte por itens que sejam:

• Profissionais – as peças devem satisfazer uma necessidade ou desejo. Por exemplo: capa para celular, bibelôs para enfeitar a casa, utensílios diversos de uso diário para cozinha etc.

• Duráveis, isto é, precisam ser usados por um bom tempo sem rachar, quebrar, sofrer desgaste.

• Originais, interessantes e bonitos – podem ser mais complexos ou simples, tanto faz… o importante é que o artesanato seja bem-feito e traga um detalhe especial que chame a atenção do comprador; algo que faça daquele objeto uma peça única. Um design, cor ou assinatura pode dar o destaque.

Etapa 2
Tenha um plano, inclusive de marketing. Não dá para contar só com a sorte no mundo de hoje, altamente competitivo e sem fronteiras. Fique atento (a) aos pontos básicos capazes de impulsionar o seu pequeno negócio. São eles:

• Compra de materiais – você pode fazer isso facilmente? Lembre-se que no início haverá investimento na aquisição de matéria-prima. Para reduzir gastos, é possível reciclar, usar elementos naturais, comprar em quantidade ou pedir empréstimo a alguém da família.

• Faça um estoque de peças prontas – o sucesso do seu negócio depende também de um bom estoque para dar o pontapé inicial.

• Onde planeja vender – será em uma barraca na feira? Você negociará com o dono de uma loja no estilo “consignação” ou comercializará seu trabalho por conta própria no sistema porta a porta? A consignação, por exemplo, diminui lucros, mas poupa seu tempo.

E mais: como será o transporte das peças? Precisará de caixas, de um carro ou outro meio?

• A exposição dos produtos – às vezes, é necessário levar uma mesa; em outros casos, uma toalha no chão já serve. Cuidado com as despesas extras. Para cortar custos, peça uma mesa dobrável emprestada ou divida o aluguel de uma mesa com outro artesão (no caso da feira).

• Qual será a frequência de vendas? Mensal? Semanal? De vez em quando? É importante saber, pois isso influenciará o tamanho do estoque que você precisará ter sempre disponível (e não somente no começo, é bom lembrar).

Para ganhar dinheiro com artesanato é necessário assumir o trabalho com profissionalismo, planejamento. Um plano escrito é útil, assim como um discurso de venda.

Divulgação é essencial. Faça cartazes e cartões de visita. E não esqueça de reservar um tempo exclusivamente para fazer o artesanato, é claro, e diversificar o seu repertório de criações.

Sucesso! E até o próximo post!

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Fatima

/* ]]> */