Infográficos Plantas Medicinais Saúde

Benefícios do barbatimão para a saúde: confira aqui os principais

Benefícios e usos

Benefícios do Barbatimão

Os nomes populares são: barbatimão, barbatimão-verdadeiro, barba-de-timan, casca-da-mocidade ou ubatima. Oficialmente, recebe a pomposa denominação de Stryphnodendron barbatimam Mart.

A planta pode ser usada na pele ou ingerida em forma de chá. Esta espécie nativa dos cerrados brasileiros possui inúmeras vantagens. É muito utilizada para tratar feridas, hemorragias, inchaço, hematomas na pele e queimaduras.

Veja também – Remédios caseiros para garganta inflamada

É comumente empregada por adeptos da medicina natural no combate à enfermidades como malária e diabetes; úlceras, feridas de HPV, corrimento vaginal, diarreia, pequenas hemorragias, hérnia, conjuntivite e gastrite.

As propriedades do barbatimão-verdadeiro incluem as ações: cicatrizante, antioxidante, antimicrobiana, anti-inflamatória, antibacteriana, tônica, anti-hipertensiva, analgésica, antiparasitária, desinfetante, diurética e coagulante.

A espécie é comum nas regiões Centro Oeste e Sudeste e é capaz de combater candidíase, dor de garganta, além de beneficiar a saúde bucal, especialmente na manutenção de gengivas e dentes higienizados e protegidos de microrganismos.

Estudos indicam que o extrato da casca do barbatimão é um aliado contra cárie e gengivite, uma vez que possui atividade antibacteriana.

A medicina popular demonstra que a planta possui bioativos indicados para combater e aliviar diversos males por meio do cozimento de sua casca e obtenção do chá de barbatimão.

É principalmente em sua casca que são encontrados os taninos, compostos fenólicos que protegem as plantas contra predadores, inclusive os organismos microscópicos.

As folhas do Stryphnodendron adstringens podem ser usadas em compressas para facilitar a cicatrização de cortes e lesões. Algo atribuído também aos taninos, que participam da ativação de miofibroblastos, células vitais no processo cicatricial.

Outra vantagem no consumo do barbatimão é a presença de flavonoides, ainda que em menores proporções. Lembrando que flavonoides possuem enorme poder antioxidante, ajudando a preservar as células (e seu DNA) em relação aos danos provocados pelos radicais livres.

Como o barbatimão pode promover o bem-estar

Quanto à candidíase, da qual falei rapidamente lá no começo, a planta é indicada para combater o problema por causa de sua ação antifúngica. Existem pesquisas que sugerem a inibição do crescimento do Candida albicans, o fungo causador da candidíase, com auxílio do barbatimão.

O que aconteceria em decorrência da ação dos taninos, que atacam especificamente a parede das células da levedura, prejudicando sua propagação no organismo.

Quantidade recomendada

Quanto devo consumir e como preparar o barbatimão? Para adultos, em geral, a recomendação é de, no máximo, três xícaras de chá de barbatimão por dia.

Como consumir?

A bebida é feita assim:

  1. Considere a medida de 2 colheres de sopa (20 gramas) da casca do barbatimão para cada litro de água filtrada;
  2. Limpe e seque as cascas previamente;
  3. Cozinhe a planta em fogo brando durante, aproximadamente, 10 minutos;
  4. Retire o recipiente do fogo e deixe a mistura repousar por 5 minutos;
  5. Coe e beba chá de barbatimão na temperatura que achar agradável.

Efeitos colaterais e contraindicações

Atenção! Como não há evidências sobre a segurança no consumo da planta, gestantes não devem ingerir o barbatimão, já que ele tem potencial efeito abortivo.

Além disso, as sementes e vagens do vegetal são capazes de provocar irritações graves nas mucosas do trato gastrointestinal, dependendo da concentração ingerida, em consequência de sua toxicidade.

Embora contenha nutrientes interessantes em alguns aspectos, o barbatimão em excesso pode provocar reações desagradáveis devido alguns de seus elementos. Os taninos, por exemplo, têm facilidade de junção com íons metálicos, afetando a absorção de ferro.

Por isso, o barbatimão é contraindicado para pessoas com problema neste sentido e deficiência no nutriente. É essencial contar com orientação profissional adequada antes de iniciar qualquer tipo de tratamento.

Uma curiosidade para encerrar: do barbatimão é extraída a madeira avermelhada resistente e de alta durabilidade. Já sua casca serve para produção de uma espécie de tintura vermelha empregada no curtimento do couro.

Não faltam motivos para gostar desta planta, ainda mais depois de saber dos benefícios do barbatimão para a saúde, não é mesmo?

Até a próxima!

Sobre o autor

Fatima