Emagrecimento Nutrição

Conheça 14 benefícios do mel para a saúde

Quem nunca ficou com água na boca ao ver um mel bem dourado e brilhante banhando um bolo ou torta, não é verdade? Além de ser muito usado para adoçar receitas, o alimento também é um alimento saboroso e muito nutritivo, sendo considerado um poderoso energético e um potente curador de várias doenças, como gripes e resfriados.

O mel é produzido de forma natural por abelhas através da retirada do pólen (néctar) das flores e excreções desses pequenos insetos até se transformar no doce líquido que conhecemos. O líquido serve de alimento para as próprias abelhas e, depois de se descobrir que ele pode fazer muito bem à saúde humana, também passou a ser inserido na nossa alimentação.

E a fama do mel não vem de agora. Há indícios de que o líquido adocicado tenha sido descoberto há milhares de anos aqui na Terra, mais precisamente há cinco milênios antes de Cristo. Diz a história que os nossos mais antigos ancestrais já se deliciavam com o mel produzido pela natureza e, consequentemente, obtinham os seus efeitos positivos na saúde.

Rico em nutrientes e minerais, como ferro, fósforo, cálcio, magnésio e potássio, o alimento é mesmo um grande aliado de uma vida saudável, pois pode trazer inúmeros benefícios, que vão muito além da cura de uma gripe ou resfriado. Se você se interessou pelo assunto e quer saber mais sobre as propriedades medicinais do mel, continue lendo esse artigo até o final e saiba tudo sobre o assunto.

Tipos de mel

beneficios-do-mel-para-saude

Aqui no Brasil, existem alguns tipos de mel mais consumidos e mais comuns na mesa dos brasileiros. As diferenças entre eles variam entre o sabor, aroma e cor – dependendo da espécie de flor da qual é retirado o néctar – e também em relação aos benefícios para a saúde.

Veja quais são eles:

  • Mel silvestre: Este é o tipo mais consumido no país e traz benefícios principalmente para a pele, vias respiratórias devido às suas propriedades calmantes e antioxidantes.
  • Mel de flor de laranjeira: Com sabor bem suave, este tipo de mel faz bem para o sistema digestivo, ajudando a regular o intestino devido às suas propriedades calmantes.
  • Mel de flor de eucalipto: Este tipo possui coloração mais escura e sabor mais concentrado. Ele é excelente para ajudar no alívio de infecções intestinais, vias urinárias e doenças respiratórias.
  • Mel de cipó-uva: Graças às suas propriedades antioxidantes, este tipo de mel pode ajudar a curar problemas no fígado, inclusive em relação aos efeitos do álcool neste órgão.
  • Mel de assa-peixe: Esta variedade possui um aroma e sabor agradáveis, além de servir como calmante e expectorante natural.

Benefícios

beneficios-do-mel-2

Agora que você já conheceu os tipos de mel e o que cada um deles pode trazer à saúde, conheça detalhadamente os benefícios do doce alimento para a saúde, de uma forma geral:

1 – Previne câncer

Devido à presença dos antioxidantes em sua composição, o mel pode ajudar a prevenir o câncer e doenças relacionadas ao coração. Isso porque essas substâncias reduzem o metabolismo das células cancerosas.

2 – Combate doenças cardíacas

O mel é rico em flavonoides e polifenóis, antioxidantes essenciais para promover a oxidação do colesterol ruim (LDL), que é o principal responsável pela incidência de infartos e outras doenças relacionadas ao coração. Ao diminuir os níveis de LDL no sangue e de proteínas tipo C-reativa, o alimento ajuda a manter a saúde longe de problemas cardíacos.

3 – Trata a caspa

Estudos têm mostrado a eficiência do mel no tratamento da dermatite seborreica, condição que pode causar caspa e coceira no couro cabeludo. Basta diluir o alimento doce em 10% de água morna e aplicara na cabeça.

Depois de três horas, é só enxaguar também em água morna. Os resultados serão de menos coceira e descamação ou até mesmo o desaparecimento por completo do problema.

4 – Trata tosse e dor de garganta

Através da formação de uma película protetora, devido à sua viscosidade, o mel pode ser usado para tratar irritações e inflamações na garganta, como a tosse e as terríveis dores causadas pela inflamação.

5 – Controla a glicose

Por conter uma baixa taxa glicêmica, o mel pode ajudar a diminuir os níveis de açúcar no sangue. Por isso, ele é recomendado para ser usado como adoçante de alimentos no lugar de açúcares comuns, que podem elevar a taxa de glicose no organismo.

Sendo assim, o mel pode ser utilizado para quem está em busca de perder peso, já que provoca uma menor liberação da insulina no organismo, o que pode inibir o apetite.

6 – Ajuda a emagrecer

Por manter os níveis de glicose baixos no sangue, o que faz com que o organismo libere menos insulina (principal responsável por causar a fome descontrolada e fora de hora), o mel também pode ajudar na perda de peso de maneira eficiente.

Por isso, é sempre uma boa dica substituir o açúcar comum (branco) pelo mel na hora de preparar os alimentos.

Além de inibir o apetite, o líquido adocicado também evita o acúmulo de gordura corporal, proporcionando um emagrecimento rápido e saudável.

7 – Ajuda no ganho de peso

Por mais que a maioria de nós queira emagrecer, existe uma outra parcela da população que precisa, mas não consegue ganhar peso. Por ser um alimento hipercalórico natural, ou seja, rico em calorias, o mel pode ajudar a ganhar uns números a mais na balança. Basta três colheres por dia para acrescentar 200 calorias à dieta.

8 – Previne o envelhecimento precoce

Graças às suas propriedades antioxidantes, o mel também ajuda a combater os efeitos dos radicais livres no nosso organismo, responsáveis por promover o envelhecimento da pele. O resultado é de uma pele mais saudável e jovem, livre de rugas e linhas de expressão.

9 – Trata feridas e queimaduras

Devido às suas propriedades antibacterianas, antifúngicas e antioxidantes, o mel auxilia na cura de feridas e queimaduras na pele, já que pode esterilizar o ferimento e acelerar a recuperação do tecido lesionado.

10 – Faz bem à memória

O mel é rico em antioxidantes e, por isso, pode atuar na prevenção do dano celular causado pelos radicais livres no cérebro. Além disso, esse poderoso alimento pode ajudar o organismo na absorção de cálcio, um mineral essencial para a saúde do sistema nervoso. Ao consumir o doce líquido regularmente na alimentação, o resultado será de melhora na memória e nas funções cognitivas.

11 – Melhora a saúde do intestino

Devido às suas propriedades probióticas e antibacterianas, o mel pode ajudar na melhora da flora intestinal, promovendo o melhor trânsito e evitando diarreias e constipações no intestino.

12 – Melhora o sono

O mel é um alimento poderoso que pode estimular a produção de serotonina no organismo, neurotransmissor responsável pela sensação de prazer e bem-estar. O resultado é de redução do estresse e maior relaxamento, além de melhores noites de sono.

13 – Trata alergias

O mel possui efeitos anti-inflamatórios graças à presença do pólen em sua composição, que, por sua vez, é um dos responsáveis pela produção de anticorpos no sistema imunológico. Por isso, o alimento pode ser um grande aliado para tratar alergias, atuando como uma vacina natural.

14 – Fornece energia ao corpo

A glicose presente no mel pode fornecer energia de forma rápida para a prática de atividades físicas. Além disso, combinado a uma fonte de proteína, o alimento pode ajudar a absorver os aminoácidos e demais nutrientes necessários para o processo de regeneração dos músculos, sendo uma boa opção para quem é atleta ou faz exercícios físicos regularmente.

LISTA VIP!
Nossas Dicas no seu Email
Seja a primeira a saber das nossas últimas dicas. Coloque seu email abaixo e receba nossos posts:
Cadastrar!
close-link
/* ]]> */