Nutrição

Benefícios do pão integral para a saúde

Benefícios do pão integral

Tido como alimento essencial à dieta humana desde os tempos bíblicos, o pão continua a ser pouco aproveitado pelo homem, que ainda não o compreendeu muito bem. Comer simplesmente o pão não basta; é preciso entender o papel e os benefícios do pão integral para a saúde.

Comer esse pão branco que você encontra em padarias ou supermercados, seja o francês ou de forma, significa apenas ‘encher a barriga’ de massa calórica que vai contribuir para aumentar seus quilinhos, mas ajudando bem pouco na alimentação de seu organismo com nutrientes essenciais à saúde.

Brasileiro precisa melhorar seus hábitos

A explicação é muito simples. Feito essencialmente com farinha de trigo refinada, esse pão branco está desprovido das vitaminas, sais minerais e demais nutrientes que foram retirados da farinha de trigo durante o processo de refinamento. É um pão que alimenta pouco, embora você vá sentir a sensação de que está saciado.

O brasileiro, entretanto, em sua maioria, ainda não adquiriu o hábito saudável de buscar um alimento mais rico para sua dieta, como é o pão integral. Para o café da manhã, quase todo dia, ou para um sanduíche bem recheado também com produtos pouco recomendáveis, vai aquele velho e conhecido pão francês – ou de forma -, sem nenhum cuidado sobre os nutrientes que carrega.

Falta uma legislação mais eficiente

É aqui que as coisas precisam começar a mudar, apesar de que muita gente já está encarando esta nova mania saudável – a do pão integral. Mas, o que é mesmo o pão integral? Aí começam os problemas: a legislação brasileira não é clara e precisa, como, por exemplo, nos Estados Unidos e Europa.

No Brasil, está definido, apenas, que o pão integral é aquele em que, na descrição contida na embalagem, a farinha de trigo integral aparece em primeiro lugar entre os componentes do pão. Nem sempre, entretanto, essa regrinha básica é claramente respeitada. Você precisa aprender a distinguir as marcas em que pode mostrar maior confiança.



Benefícios do pão integral

O pão enriquecido não é integral

E aí é preciso, também, estar atento a algumas armadilhas preparadas por fabricantes menos escrupulosos – o que exige sua atenção redobrada. Alguns colocam na embalagem do pão, de forma destacada, a expressão “farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico”.

A impressão imediata é que se trata de pão altamente saudável à sua saúde e, mesmo, de pão integral. Mas, é engodo. Este é um pão feito com farinha refinada, sem os seus principais nutrientes. Apenas foi enriquecida artificialmente. A alimentação equilibrada, necessária ao seu organismo, você só vai conseguir com o consumo do pão integral, em que apareça claramente a expressão ‘farinha integral’.

É possível melhorar o pão integral

Só assim seu organismo vai usufruir de todos os benefícios de um alimento que possui menor quantidade de açúcar e gordura. Ele vai beneficiá-lo diretamente no processo digestivo e suas funções intestinais

Feitas estas observações, essenciais e definitivas, é preciso atentar para outras informações importantes. Por exemplo, existem diversos tipos de pães integrais, alguns ainda mais enriquecidos e que se tornarão alimentos de suma importância para seu organismo, inclusive para quem está em dieta de emagrecimento.

Algumas vantagens do pão enriquecido

E vamos começar exatamente pelo pão integral light, que é mais leve e indicado exatamente para quem deseja ou precise perder peso, mas, não dispensa um bom pão com manteiga (manteiga, não margarina) ou um sanduíche natural.

E existem os pães naturais enriquecidos:

  1. Acrescido de linhaça, o pão integral ganha o ômega 3, que atua no aparelho circulatório e ajuda a prevenir doenças cardíacas;
  2. Já o pão com centeio é excelente auxiliar para problemas intestinais, auxiliando para o seu bom funcionamento;
  3. O pão com aveia atua beneficiando o organismo em várias direções, de forma especial na redução da taxa do chamado colesterol ruim;
  4. E, claro, o pão integral com grãos, que pode ser encontrado em várias versões, a começar pelo multigrãos, em que são acrescidos gergelim, chia, aveia, linhaça, quinoa ou girassol, entre outros. Este pão integral vai acrescentar boa parte das qualidades destas sementes, como proteínas, vitaminas do complexo B, minerais como potássio, magnésio ou ferro, além do ômega 3 e outros nutrientes altamente benéficos ao organismo.

Trata-se de pão que também possui glúten

Aí você vai se perguntar: se é tão bom assim, posso comer quanto pão integral eu consiga? Não, não pode. Acrescentar o pão integral à sua dieta vai melhorar, em muito, sua alimentação, na comparação ao pão branco. Mas, o pão integral também possui calorias e, consumido além do necessário, vai contribuir para aqueles quilos a mais.

Você também precisa atentar ao fato de que o pão integral, ao ser feito com a farinha de trigo integral, também possui glúten, que é a proteína do trigo, cevada ou centeio. Então, se você é alérgico ao glúten, precisa evitar qualquer tipo de pão.

Benefícios do pão integral

As fibras ajudam a controlar a glicose

Uma coisa, entretanto, é absolutamente certa, segundo os especialistas: além de muitos benefícios pela quantidade de nutrientes que possuem e que são benéficos ao organismo, o pão integral também auxilia a reduzir o índice glicêmico do sangue. É que todo carboidrato que consumimos vai virar açúcar no sangue.

A diferença é que o pão integral, ao possuir grande quantidade de fibras, faz a regulagem da liberação dessa glicose, beneficiando todo o organismo. Há, portanto, o controle do diabetes, ao contrário do pão branco, que quase não possui fibras.

É hora de adotar o pão integral

Para as mulheres, o item adicional importante é que, ao controlar a glicemia, o pão integral ajuda também no controle do envelhecimento precoce e suas consequências, como doenças graves e questões estéticas, especialmente controle da celulite.

Enfim, vantagens é o que não faltam para estimular você a substituir o pão branco, seja o francês ou o fatiado, pelo pão integral. Convém fazer um alerta final, já que acabamos de falar no diabetes: o pão preto integral é bom, mas, não para os diabéticos. Essa cor é adquirida pela presença do açúcar mascavo ou, mesmo, do açúcar caramelizado. Ou seja, não é nada light e ainda pode incentivar a glicemia. Fora isso, é hora de melhorar seus hábitos alimentares e, imediatamente, aproveitar todos os benefícios do pão integral para sua saúde.

Videos do nosso Canal no Youtube

/* ]]> */