Frutas Nutrição

Veja os melhores benefícios do pêssego para o corpo e bem-estar

O pêssego começa a aparecer nas prateleiras dos supermercados no fim de ano, quando começam as festividades de Natal e Ano Novo. Mas, muitos especialistas defendem que o consumo da fruta pode ser feito o ano inteiro, já que é extremamente nutritivo e faz muito bem à saúde.

Com a casca fina e aveludada, além de pouca adocicada e com sabor suculento, ele é rico em nutrientes essenciais ao bom funcionamento do corpo, dentre eles, as vitaminas A, do complexo B e C, além de magnésio, potássio, ferro, sódio, fósforo, fibras, carotenoides, carboidratos e proteínas, que podem não prevenir como também tratar diversos tipos de doenças.

Além disso, por conter bastante água e baixo teor calórico, podendo oferecer apenas 40 calorias para cada 100 gramas, o pêssego também é capaz de dar aquela forcinha que você estava precisando para emagrecer de vez, de forma saudável e em pouco tempo. E por falar em água, a fruta é uma das mais consumidas no verão por ajudar a hidratar o corpo e aliviar o calor típico dos dias mais quentes do ano.

Quer saber mais sobre os benefícios do pêssego para a saúde? Então, continue lendo esse artigo até o final e descubra por que a fruta não pode mais faltar na sua alimentação a partir de hoje!

1 – Previne o câncer

Devido ao alto teor de antioxidantes encontrados em sua composição, o pêssego pode ser um grande aliado no combate ao câncer.

Isso porque esses nutrientes são capazes de eliminar os radicais livres presentes no organismo, os principais causadores de mutações nas células e da transformação destas em tumores que podem levar ao desenvolvimento de diversos tipos de cânceres, inclusive, o de mama, o que mais mata mulheres no Brasil.

2 – Controla a diabetes

Ainda por conta dos seus antioxidantes, em especial, os fitoquímicos, o pêssego também pode ser útil no controle da diabetes. Isso porque as vitaminas e minerais contidos na fruta possuem baixo índice glicêmico, o que significa que eles podem evitar o agravamento da doença.

Além disso, pessoas com predisposição à diabetes também podem se beneficiar dos nutrientes da fruta como uma medida preventiva para prevenir o seu desenvolvimento. Mas, atenção! A versão do pêssego em caldas não é recomendada para pacientes por conter a adição de açúcares.

3 – Melhora a visão

Por conter o betacaroteno entre os seus nutrientes, um antioxidante ótimo para a saúde ocular, o pêssego pode ser ideal para melhorar a visão e prevenir males que possam acometer os nossos olhos, como a degeneração macular, a catarata e a cegueira noturna, problemas mais comuns em pessoas em idade avançada e que podem levar à perda da visão.

4 – Previne doenças cardiovasculares

Graças às fibras, vitamina C e potássio presentes na composição do pêssego, a fruta pode ser muito útil para potencializar a saúde do nosso sistema cardiovascular.

Isso porque esses nutrientes combatem os radicais livres que causam problemas no coração e, ainda, junto com o ferro e a vitamina K, evitam a coagulação do sangue e o mantém saudável, melhorando a circulação sanguínea e, portanto, prevenindo doenças como a hipertensão, AVC, derrames, ataques cardíacos e aterosclerose.

5 – Melhora a saúde mental

Devido às boas quantidades de magnésio presentes na fruta, o pêssego também é capaz de melhorar o funcionamento do nosso sistema digestivo, potencializando a função cognitiva e prevenindo males como o estresse, a depressão e a ansiedade. Por isso, se você sofre com esses problemas e quer melhorar a sua capacidade de memória, concentração e aprendizagem, já pode incluir a fruta na sua dieta.

6 – Combate a prisão de ventre

O pêssego é rico em propriedades laxantes, graças ao bom conteúdo de fibras que possui. Portanto, assim como a ameixa, consumir a fruta pode ajudar a regular o funcionamento do intestino e combater problemas como a prisão de ventre, por exemplo. Para isso, deve-se comer toda a fruta, incluindo a casca, já que a maior concentração de fibras está nessa parte.

7 – Protege os rins e fígado

A fruta também possui efeito diurético, o que significa dizer que o seu consumo também pode ser ideal para prevenir doenças na bexiga, fígado e rins, melhorando a saúde renal como um todo. Além disso, devido às suas propriedades desintoxicantes, a fruta também é capaz de auxiliar na eliminação de toxinas do fígado e dos rins.

8 – Faz bem para a pele e cabelos

Excelente fonte de um mineral chamado zinco, o pêssego também pode ajudar a combater o envelhecimento precoce, já que este nutriente tem o papel fundamental de aumentar a produção de anticorpos e inibir o dano celular causado pelos radicais livres.

Ainda, por conter boas quantidades de vitamina C em sua composição, a fruta também pode combater esses agentes danosos e prevenir o aparecimento de rugas, linhas de expressão, manchas e sulcos, ambos comuns com o avanço da idade.

Não é à toa que você já deve ter ouvido muito por aí a expressão “pele de pêssego”, não é mesmo? Agora, já faz mais sentido! Além disso, muitos especialistas acreditam que a fruta, seja dentro da alimentação ou utilizada como ingrediente principal em produtos cosméticos ou soluções caseiras para cuidar do cabelo, pode ser eficaz para ajudar no crescimento dos fios e evitar a queda de cabelo.

9 – Fortalece os ossos e dentes

O pêssego também é rico em cálcio e fósforo, dois minerais super importantes para a formação e manutenção dos ossos e dentes. Portanto, ao incluir a fruta no seu cardápio de forma regular, é possível fortalecê-los e prevenir doenças como a descalcificação, que pode levar ao desenvolvimento da osteoporose.

Além disso, o flúor e ferro presentes na fruta também podem prevenir cáries e outros problemas dentais, deixando o seu sorriso mais saudável e bonito.

10 – Ajuda na perda de peso

Além de conter um ótimo estoque de água e de fibras, o que pode ajudar a aumentar a sensação de saciedade e regular o intestino, dois requisitos essenciais para ajudar no emagrecimento, o pêssego também possui quase zero gordura e baixo teor de calorias, o que quer dizer que você pode mesmo mandar aqueles quilos extras que estão incomodando para bem longe da balança.

Por isso, você pode inserir a fruta na dieta sem medo de engordar ou substituir outros alimentos calóricos, como pães e biscoitos, por ela, potencializando os seus resultados na busca pela silhueta perfeita.

Sobre o autor

Raiane