Beleza Cabelos

Cabelo poroso: confira dicas para prevenir e cuidar do problema

“Nossa! O meu cabelo está poroso!”. Quem nunca ouviu alguém reclamar isso antes? Na busca incessante e louca para conquistar o cabelo dos sonhos, é normal recorrermos a diversos tipos de tratamentos, produtos capilares, receitas caseiras, alimentação direcionada, entre outras coisas, para deixar os nossos fios exatamente do jeito que desejamos.

Veja também: Hidratação caseira para o cabelo: aprenda 27 receitas fáceis de fazer

No entanto, durante esse trajeto, é possível se deparar com alguns problemas comuns, mas que deixam o visual não tão agradável na frente do espelho, como é o caso do cabelo poroso. Esse tipo de fio vai além do ressecado. Quando estão com problemas em relação à porosidade capilar, as madeixas ficam ásperas, quebradiças e sem elasticidade, deixando um efeito de “espigado” detestável.

Isso acontece porque as escamas dos fios estão abertas de forma permanente, dificultando a absorção de nutrientes, deixando-os mais vulneráveis à ação de agentes externos, como vento, poluição, sol, etc., e até mesmo impedindo a fixação de tinturas. E como saber se estou com o cabelo poroso? Faça um teste simples! Segure os fios e os estique. Em seguida, com o polegar e o indicador em formato de pinça, passe os dedos pelos fios. Verifique se encontrou nós ou uma espécie de “areiazinha”. Se sim, as cutículas estão abertas e, portanto, o seu cabelo está poroso.

Ficou desesperada? Quer saber como tratá-lo? Então, fique de olho nos próximos parágrafos desse artigo que eu te mostro dicas para cuidar e como prevenir esse problema. Vamos lá?

O que é porosidade capilar?

A porosidade capilar nada mais é que a capacidade do fio em absorver e manter a umidade dentro del, além dos nutrientes ou químicas de produtos capilares. Para isso, há uma avaliação da condição das cutículas dos fios, que são as camadas flexíveis e externas da fibra capilar.

Quando o cabelo está poroso, elas podem estar muito fechada, meio abertas ou excessivamente abertas, trazendo problemas em níveis diferentes em cada cabelo, que variam entre quebra, ressecamento, aspereza, frizz, entre outros, o que vai depender exclusivamente do tipo de porosidade do fio. Hã? Não entendeu nadinha!

Para você entender melhor, as nossas madeixas são formadas por aproximadamente 7 à 10 camadas de cutículas. Juntas, elas atuam como escamas que têm a função de formar uma espécie de “anel” ao redor dos fios, protegendo-os. Na prática, é esse “anel” que vai determinar o quanto os seus fios podem, ou não, facilitar a absorção pela fibra capilar dos nutrientes presentes nos produtos capilares, além da água (umidade) necessária para manter a hidratação dentro deles.

De uma maneira geral, o cabelo poroso é definido por herança genética. Por outro lado, é possível associar as causas do problema a agentes externos, como umidade, poluição, além de processos químicos, exposição ao sol, secador, chapinha, entre outros. Não importa qual é o fator que esteja causando a porosidade dos seus fios…

O que acontece é que, quanto maior o grau de porosidade do seu cabelo, mais rebeldes, volumosos, arrepiados ou com pontas duplas ele ficará. No caso de quem possui coloração nos fios, o problema pode afetar a fixação da cor e, ainda, provocar o desbotamento mais acelerado.

Graus de porosidade

O seu cabelo poroso pode ser enquadrado em três graus diferentes, o que vai dizer se ele está com as escamas dos fios muito fechadas, meio abertas ou extremamente abertas. Para cada um desses problemas, há uma forma de tratar e cuidar das madeixas. Sendo assim, a porosidade capilar pode ser dividida em baixa, média ou alta. Veja:

Baixa porosidade: Quando os fios estão com baixa porosidade, as escamas estão muito fechadas. Ou seja, neste caso, os fios têm mais dificuldade para absorver água ou qualquer nutriente ou química presentes em produtos capilares.

Média porosidade: Quando os fios estão com média porosidade, as escamas estão meio abertas. Ou seja, os fios têm facilidade em absorver e manter a água, nutrientes e químicas presentes nos produtos capilares. Neste caso, podemos dizer que são cabelos normais ou saudáveis.

Alta porosidade: Quando os fios estão com alta porosidade, as escamadas estão exageradamente abertas. Ou seja, os fios têm a mesma facilidade para absorver e perder a água, os nutrientes ou químicas dos produtos capilares.

Teste de porosidade capilar

Para saber se o seu cabelo está poroso, existe um teste rápido, que pode ser feito de forma simples em casa, para identificar o grau de porosidade dos seus fios, conforme as indicações que mencionamos acima. Para fazer o teste de porosidade capilar, basta encher um copo (de preferência, transparente) com água e colocar um fio de cabelo, limpo e seco, dentro dele.

Deixe-o lá por cerca de 10 minutos e observe como ele reage:

  • Boiou: O seu cabelo está com baixa porosidade. O tratamento recomendado é hidratação.

  • Ficou no meio: O seu cabelo está com média porosidade. O tratamento recomendado é nutrição.

  • Afundou: O seu cabelo está com alta porosidade. O tratamento recomendado é reconstrução.

Quer saber como hidratar, nutrir ou reconstruir os seus fios? Então, clique aqui para aprender a fazer um cronograma capilar.

Como cuidar de cabelo poroso?

Depois de identificar o grau de porosidade do seu cabelo, o ideal é aprender e inserir dicas valiosas no seu dia a dia de como cuidar de cabelo poroso. Confira:

Invista em cremes hidratantes

Apostar na hidratação é o truque certo para garantir que o seu cabelo não fique poroso. Você pode escolher qualquer máscara com essa função que você tenha em casa.

Azeite de oliva pode ajudar

Por ter o papel fundamental de fornecer lipídios aos fios, o azeite de oliva que você tem aí na sua cozinha pode ser o grande aliado para melhorar o aspecto poroso do seu cabelo. Misturando-o à uma máscara hidratante, você poderá deixar os seus fios mais brilhosos e macios por mais tempo. Caso você não queira usar o azeite, pode optar por qualquer outro tipo de óleo vegeta,, como é o caso do óleo de coco.

Aposte na queratina líquida

A queratina líquida é uma das grandes aliadas no combate a cabelos porosos, podendo ser usada na etapa de reconstrução para repor a massa perdida pelos fios e eliminar o aspecto ressecado e arrepiado causado por esse problema. Só não use esse produto em excesso, pois pode provocar o efeito “rebote”, deixando um aspecto ressecado.

Use Bepantol

Altamente hidratante, o Bepantol pode ser usado para deixar a pele e cabelos macios e brilhosos. Isso porque esse produto contém propriedades que ajudam a selar (fechar) as cutículas danificadas dos fios e mantê-los hidratados por muito mais tempo.

Faça um bom cronograma capilar

Como falamos anteriormente, hidratar, nutrir e reconstruir os fios são fatores cruciais para evitar e combater a porosidade no cabelo. Por isso, a dica é investir em um bom cronograma capilar para alternar essas três etapas e deixar o cabelo sempre bonito e saudável, livre de problemas como frizz, pontas duplas, ressecamento, opacidade, entre outros causados por essa condição.

Evite altas temperaturas

Além de sempre aplicar um protetor solar para cabelo quando for sair de casa, outro segredo para tratar o cabelo poroso é evitar aparelhos em altas temperaturas, como chapinha, secador ou babyliss. Isso porque fios com esse problema já são naturalmente ressecados, o que pode agravar o estado deles se você usar quaisquer desses aparelhos.

Tenha um finalizador de qualidade

Por estar com a estrutura interna danificada e sem peso, o cabelo poroso costuma apresentar muito frizz. Por isso, o ideal é ter um bom finalizador capilar para manter esses fiozinhos arrepiados no seu devido lugar. Se você ainda não tem um, clique aqui para conhecer os melhores tipos de finalizadores capilares e ver dicas para comprar o seu!

Aposte em manteigas vegetais nas pontas

Quando o cabelo está poroso, a primeira parte a sofrer com a aparência ressecada e sem vida do problema são as pontas dos fios. Logo, elas se duplicam ou triplicam, dando lugar ao que chamamos de pontas duplas. O problema aparece porque há perda de massa dos fios, que deixam as pontas mais leves e “voando”, sem caimento.

Por isso, para encorpá-las e evitar que os fios se partam, o mais recomendado é apostar nas manteigas vegetais, que ajudam a prevenir ou tratar o aspecto ressecado e quebradiço dos fios que estão para se partir.

Invista no vinagre de maçã

O vinagre de maçã também pode ser usado para combater cabelos porosos, uma vez que ajuda a alinhar e fechar as cutículas dos fios que estão abertas, eliminando o aspecto ressecado destes, conferindo mais maciez e brilho.

E aí? Gostou de saber como cuidar de cabelo poroso? Você sabe de algum outro tratamento para esse tipo de fio? Então, compartilhe!

Até a próxima!

/* ]]> */