Beleza Cabelos

Cabelo relaxado volta ao normal? Entenda definitivamente

Cabelo relaxado volta ao normal? Esta é uma pergunta que muitas pessoas fazem antes e até mesmo após o procedimento de relaxamento.

Neste artigo vamos explicar tudo sobre o assunto para que você entenda de uma vez por todas como acontece o processo de transição dos fios.

Entenda se o cabelo relaxado volta ao normal ou não

Imagine que você queira mudar o visual por completo alterando a cor de suas madeixas. Você usa uma tintura qualquer para tingir o cabelo. Em algumas semanas você tem que usar novamente para dar um retorque na raiz. No entanto, o comprimento dos fios continua pintado como antes.

Talvez a cor tenha desbotado um pouco e é necessário tingir o restante do comprimento outra vez para que todo o comprimento tenha uma cor igualada, da raiz às pontas.

Algo semelhante acontece ao relaxamento. Esta é uma transformação química que envolve um produto de mais calor. Existem variáveis em relação ao produto, os ingredientes que eles usam, fixação e duração.

Também depende do seu tipo de cabelo: cabelo mais afro provavelmente terá um resultado diferente do cabelo ondulado. A média de duração dos relaxamentos é de cerca de 2 ou 3 meses.

Realmente o relaxamento é uma química permanente e forte. O fato de durar 2 ou 3 meses não significa que seu cabelo vai voltar para a natureza original. Isso significa que a resposta para a pergunta “cabelo relaxado volta ao normal?” é: sim e não.



O que acontece depois do tempo de duração

Após o tempo de duração, o cabelo cresce e você tem que voltar a fazer o procedimento em sua raiz. Provavelmente depois de 3 meses você já terá aproximadamente uns 5 a 10 cm de raiz com volume.

Quando ocorre o processo de retoque, geralmente se aproveita para fazer o procedimento ao longo de todo o cabelo, já que as lavagens frequentes acabam deixando os fios menos lisos.

Mas é sempre bom lembrar-se de um detalhe: o fato de o cabelo ser menos liso não significa que seja natural.

A realidade do efeito de relaxamento está saindo, mas a transformação da forma das madeixas em si não é reversível. Com os meses se passando, é possível perceber o dano que causou o alisamento, agora que seus bons efeitos se foram e as consequências apareceram.

O cabelo não ficará mais super alinhado, sem frizz e sem a aparência de ser recém alisado na prancha. É possível que alguns cachos sejam formados ao longo do tempo, mas eles não retornam como antes. O cabelo só será o mesmo de antes quando os fios naturais crescerem.

O que é o cabelo natural?

O primeiro passo para sair da química e ir progredindo para uma experiência de cabelo natural recompensadora é entender o que o termo cabelo natural realmente significa.

Existem várias definições do termo online, mas tendemos a usar a definição mais comum:

O cabelo natural é definido como o cabelo que não possui químicas ativas de nenhuma espécie em seus fios. Embora todo mundo acredite nisso, esse termo, se levado ao pé da letra, pode render interpretações tecnicamente imprecisas do que o cabelo natural realmente significa.

Embora os produtos químicos sejam geralmente considerados nocivos, alguns deles são, na maioria dos casos, bastante inofensivos. Por exemplo, a água é uma substância química que as pessoas têm contato todos os dias. A água também é um dos elementos mais necessários para a sobrevivência da vida. Portanto, nem todos os produtos químicos são destrutivos.

Algumas mulheres consideram o cabelo natural, um tipo de cabelo que precisa ser “consertado” com relaxantes. Isso acontece por diversos motivos: seja pelos fios aparentarem rebeldia e difícil trato ou para integração dentro de determinados padrões impostos pela sociedade.

Cabelo relaxado volta ao normal? O processo de transição

Usar ou não o shampoo sem sulfato

Uma questão que é bastante levantada entre as mulheres que desejam saber como o cabelo relaxado volta ao normal é o fato de usar ou não o shampoo sem sulfato. Ele faz com que o processo de transição seja mais rápido? Sim e não.

Já sabemos que não é possível remover o alisamento. Nenhum shampoo, mesmo se for de limpeza profunda, é capaz de mudar a estrutura do fio capilar. Após ser alterada, ela não retorna à sua forma natural. Suavizar e relaxar são processos químicos super fortes para o cabelo e sem reversão.

Quando aplicamos produtos químicos nos fios, é recomendado o uso de um shampoo correto para o tipo de cabelo. Isso apenas vai assegurar sua limpeza e cuidados, pois o cabelo com química precisa de tratamento especial constante.

No entanto, se você usar um shampoo sem sulfato, conseguirá apenas eliminar o alisamento mais rápido, mas o resultado não será seu cabelo natural.

Depois de um processo químico, apenas outro produto químico causará uma transformação, o que não será para a estrutura natural. Apenas o crescimento sem adicionais pode acabar de vez com o relaxamento.

Por exemplo, se você relaxou os cabelos e depois faz um permanente para retornar aos cachos, isso não é um cabelo natural: você terá outra química, que também pode ser diferente da sua raiz.

Em suma: o cabelo natural é só que o cabelo está nascendo.

Então vale a pena usar shampoo?

Depende do que você considera mais fácil para a sua transição. O shampoo pode ir “varrendo” o alisamento, mas também causa ressecamento. No final, o volume, o frisado, as ondas, tudo o que você ganha com o shampoo, talvez não valha muito a pena em determinados casos.

Se você preferir passar pela transição cuidando da raiz para que fique saudável, para estimular o rápido crescimento do cabelo e ficar completamente forte e nutrido (da raiz ao comprimento), é recomendado não usar o shampoo com sulfato e seguir a rotina diferente indicada por um profissional habilitado. O cabelo crescerá mais rápido, os fios ficarão controlados e logo você poderá cortar a parte lisa.

Se você realmente optar pelo uso do shampoo de sulfato com frequência, deve ter em mente que terá um pouco mais de trabalho: precisará de muito mais hidratação, talvez seu cabelo demore mais para crescer e o cabelo crespo ficará mais incontrolável.

No fim das contas, o cabelo relaxado volta ao normal de uma maneira ou de outra, mas não com nenhuma intervenção humana. Para fazer a transição dos fios para sua estrutura natural, não há caminho certo. Há o melhor e mais confortável para você.

Gostou deste artigo? Que tal compartilhá-lo em suas redes sociais para mais mulheres descobrirem a resposta para essa dúvida?

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Giovanna Cóppola

Trabalha com web, design, criação, conteúdo, SEO e fotografia. Em 2011 criou a Pandartt e hoje assume a direção da agência, além de colocar a mão na massa em todos os projetos. Paralelamente, tem outros três projetos: Viva com Felicidade, BlogGeek e Mapa dos Bichos. Ama música, cinema, jogos, arte, tecnologia, tatuagens e pandas.

/* ]]> */