Nutrição

Conheça os benefícios da castanha do pará

A castanha do pará – também conhecida como castanha do brasil – é a semente da castanheira do pará (Bertholettia excelsa), uma árvore nativa da Floresta Amazônica que pode atingir até 60 metros de altura.

Ela pertence ao grupo das sementes oleaginosas, é muito saborosa, possui alto teor nutritivo e é rica em gorduras boas, fibras, minerais e vitaminas.

Conheça neste post todos os benefícios que a castanha do pará pode trazer para sua saúde. Confira!

1. Protege o coração

A castanha do pará é uma semente bastante gordurosa, para se ter uma ideia, em uma porção de 100 gramas, cerca de 66 gramas é composta de gordura.



No entanto, a maior parte desta gordura é insaturada (gordura saudável), que combinada aos ácidos graxos presentes na semente ajudam a aumentar os níveis de colesterol HDL e a diminuir os de colesterol LDL.

O aumento do colesterol bom (HDL) ajuda a evitar doenças cardíacas, enquanto a diminuição do ruim (LDL) evita a aterosclerose, inflamação nas artérias que pode levar ao infarto.



Além disso, a castanha do pará possui arginina, um aminoácido essencial para a síntese de óxido nítrico no organismo, um potente vasodilatador, que evita a hipertensão.

2. Previne o câncer

Agentes oxidantes como os radicais livres induzem a mutações no DNA das nossas células, assim como seu envelhecimento, que podem resultar no aparecimento de tumores.

Esses radicais livres podem ser neutralizados pela glutationa peroxidase, enzima do sistema de defesa antioxidante do organismo que depende do selênio para seu correto funcionamento.

A castanha do pará ajuda na prevenção do câncer pois é a principal fonte alimentar de selênio, 100 gramas possuem 1917 µg desse mineral, cerca de 3485% das nossas necessidades diárias!

3. Faz bem aos ossos

A castanha do pará é fonte de cálcio, um importante nutriente que reflete na saúde dos ossos e previne doenças como a osteoporose.

Encontrado em quantidades significativas nesta semente, o cálcio é responsável pela construção óssea.

Além disso, a castanha do pará também é rica em magnésio e fósforo, minerais essenciais para a fixação do cálcio nos ossos e dentes.

4. Protege o cérebro e melhora a saúde dos neurônios

Como dissemos anteriormente, a castanha do pará é rica em selênio, e este mineral conduz a uma melhora significativa da saúde dos neurônios e das funções cognitivas, como atenção, memória e raciocínio.

Além disso, a ação antioxidante dessa semente evita a oxidação excessiva dos neurônios prevenindo doenças degenerativas como o Parkinson ou Alzheimer.

brazil nuts

5. Faz bem para a tireóide

A castanha do pará é uma grande aliada da tireóide graças ao alto teor de selênio em sua composição e também pela presença de zinco.

A tireóide é uma glândula localizada na região do pescoço e é responsável pela produção de hormônios essenciais para o funcionamento de órgãos vitais, como o cérebro, coração, fígado e rins.

E para seu perfeito funcionamento, ela depende de alguns minerais, principalmente selênio, zinco e iodo, que participam das reações bioquímicas que permitem a produção dos hormônios tireoidianos.

O equilíbrio desses minerais no organismo previne o desenvolvimento de hiper ou hipotireoidismo.

6. Possui ação antioxidante e melhora a imunidade

A castanha do pará possui diversos agentes antioxidantes como compostos fenólicos e flavonoides, fitosteróis e esqualeno que combatem os radicais livres e evitam o envelhecimento das células.

Além disso, apresenta alto teor de ômega-9, vitamina E, selênio e glutationa que colaboram para o fortalecimento do sistema imune.

Essa semente também é fonte de zinco, mineral responsável pela manutenção do sistema imunológico e pelo funcionamento das células de defesa do corpo, os glóbulos brancos.

7. Melhora o sistema digestório

O sistema digestório também é beneficiado pelo consumo de castanha do pará, já que suas fibras estimulam o peristaltismo (movimento dos músculos para empurrar o bolo alimentar no intestino), melhoram a absorção de nutrientes e previnem a constipação intestinal.

Apesar de todos os benefícios da castanha do pará, deve-se ter cuidado com o seu consumo excessivo, pois o excesso de selênio no organismo pode ser tóxico.

Indica-se ingestão diária de 55 µg de selênio, ou seja, a ingestão de apenas uma castanha por dia é o suficiente para suprir as necessidades do corpo humano.

iogurte-nuts-1024x683

A castanha do pará pode ser inserida na alimentação como um snack, em uma refeição intermediária e pode ser encontrada facilmente em empórios, supermercados e lojas de produtos naturais.

Você já conhecia os benefícios da castanha do pará para a saúde? Aproveite e compartilhe com seus amigos pelas redes sociais!

Veja também:

Sobre o autor

Juliana Mitsuda