Nutrição

Castanhas: principais benefícios e dicas de consumo

É bem verdade, e comprovado cientificamente, que consumir castanhas traz inúmeros benefícios à saúde. Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe o artigo e saiba quais os melhores tipos de oleaginosas para prevenir várias doenças.

As castanhas são ricas em compostos antioxidantes, fibras, vitaminas, proteínas e minerais, que quando consumidas com regularidade auxiliam na prevenção e no combate de várias doenças contribuindo para uma qualidade de vida melhor.

Além de saudáveis e deliciosas, as castanhas podem ser consumidas de maneiras bem variadas como em sucos e iogurtes, no preparo de pratos doces e salgados, nas saladas, como aperitivo, nas barrinhas de cereais, enfim!

Quer conhecer as castanhas que podem ser consumidas diariamente e quais seus benefícios para a saúde? Então, vamos a elas!

Castanha do Pará

Também chamada de castanha do Brasil, a castanha do Pará é rica em minerais essenciais para bom funcionamento do organismo como o fósforo e o potássio, além de possuir altos níveis de ômega-3, que promovem a saúde do coração, melhoram a pele, fortalecem os cabelos e as unhas.

Entre as oleaginosas, a castanha do Pará é a que contém uma maior quantidade de selênio, mineral responsável por diminuir a viscosidade do sangue facilitando a circulação e o transporte de nutrientes pelo sistema cardiovascular.

Além disso, o selênio promove uma melhoria do sistema nervoso auxiliando na prevenção de doenças degenerativas como o Mal de Alzheimer, demências etc.

Suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias auxiliam no fortalecimento do sistema imunológico, prevenindo doenças, bem como auxilia no bom funcionamento da tireoide e combate os radicais livres.

Castanha de caju

Presente na alimentação dos brasileiros e encontrada principalmente no nordeste do país, a castanha de caju, que é o fruto do cajuzeiro, além de outras substâncias, é rica em gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas, que diminuem o colesterol ruim (LDL) e aumentam o bom (HDL).

Rica em vitamina C, a castanha de caju fortalece o sistema imunológico e aumenta a absorção de ferro pelo organismo, prevenindo a anemia. Ela também possui minerais como cálcio, ferro, sódio, vitaminas K e do complexo B, nutrientes com propriedades antioxidantes previnem o envelhecimento precoce, combatendo os radicais livres.

Também encontramos na castanha de caju substâncias como a riboflavina e tiamina, que aliviam os sintomas da TPM, além de melhorarem a visão e a saúde da pele. Possui ainda um bom nível de magnésio, que auxilia a controlar os níveis de pressão arterial, previne dores de cabeça e enxaquecas, fortalece os músculos e alivia as tensões.

Nozes

As nozes são ricas em gorduras poli-insaturadas que auxiliam a aumentar o HDL e diminuir o LDL, além de controlar os níveis de triglicérides. Também são fontes de ômegas 3 e 6, ácidos graxos importantes para combater o estresse, a ansiedade, prevenir a depressão, melhorar as funções cognitivas e fortalecer o sistema imunológico.

Por serem fontes de vitaminas E e C, minerais como zinco, potássio e selênio, que possuem propriedades antioxidantes, previnem e combatem alguns tipos de câncer como o de mama e próstata.

Também são ricas em fibras que favorecem o trânsito intestinal, prevenindo e tratando a prisão de ventre, bem como auxiliam no emagrecimento por proporcionarem uma maior saciedade.

As nozes possuem fito estrogênio, que auxiliam na redução dos sintomas da menopausa, é rica em cálcio, que mantém a saúde dos ossos e dos dentes e, vitamina B6, que atua na produção de glóbulos vermelhos e auxilia no bom funcionamento do cérebro.

Avelã

A avelã é uma oleaginosa rica em ômega-9, ácido graxo com propriedades anti-inflamatórias, prevenindo vários tipos de câncer como o de próstata e de mama e melhora a saúde cardiovascular por combater o colesterol ruim (LDL), além de fonte de vitaminas do complexo B e magnésio que atuam como anti-inflamatórios naturais.

Rica em vitamina E, a avelã promove o fortalecimento de cabelos e unhas, melhora a saúde da pele, fortalece o sistema imunológico, auxilia no ganho de massa muscular e na perda de peso. Fonte de cálcio auxilia na saúde dos dentes e no fortalecimento dos ossos prevenindo e tratando a osteoporose.

Amêndoa

Considerada um superalimento, a amêndoa é rica em minerais como o zinco, magnésio, potássio, selênio, ácido fólico, cálcio, ferro, vitamina E e ômega-3. Ela auxilia na prevenção e combate do câncer por neutralizar os danos causados pelos radicais livres nas células, bem como previnem o envelhecimento precoce por ser rica em vitamina E.

Auxilia na perda de peso por proporcionar uma maior saciedade, controla os níveis de açúcar no sangue, mantém a saúde com dentes e dos ossos por ser fonte de cálcio, além de prevenir e tratar doenças ósseas como a osteoporose e o reumatismo.

Possui fibras que auxiliam no combate a prisão de ventre e melhoram o trânsito intestinal, auxiliam no bem funcionamento do cérebro, contém manganês e cobre que auxiliam na produção de energia e auxilia no controle dos níveis de colesterol.

Pistache

O pistache possui ácidos graxos que combatem o colesterol ruim, fibras, que auxiliam no bom funcionamento intestinal e no processo de digestão, auxilia no emagrecimento por proporcionar uma maior sensação de saciedade e reduz os níveis de glicose no sangue quando consumido após as refeições.

Fonte de vitamina B6, que atua na formação de ácidos que servem como neurotransmissores, o consumo de pistache protege o sistema nervoso. Ele também possui luteína e zeaxantina, que auxiliam na saúde dos olhos.

O pistache também contém propriedades antioxidantes, como as da vitamina E, que previnem o envelhecimento precoce, é fonte de minerais como potássio, magnésio, cobre, cálcio e fósforo, vitamina do complexo B e proteínas.

Qual a quantidade de castanhas que deve ser consumida diariamente?

Apesar de todos os benefícios que as castanhas proporcionam para a saúde, elas devem ser consumidas com moderação por possuírem muita gordura e serem bastante calóricas. O seu consumo exagerado pode levar ao aumento de peso. Acompanhe a seguir as quantidades diárias recomendadas por nutricionistas que podem ser consumidas de cada castanha.

  • Castanha do Pará: 1 a 2 unidades;
  • Castanha de caju: 3 unidades;
  • Nozes: 2 a 4 unidades;
  • Avelã: 4 unidades;
  • Amêndoa: 12 a 15 unidades;
  • Pistache: ½ xícara de chá.

8 dicas para ter unhas impecáveis!


/* ]]> */