Chás Plantas Medicinais

Chá de canela-de-velho: ótimo para artrite, artrose e muitos outros males!

Artrite, artrose, bursite, hérnia de disco, tendinite, torcicolo, reumatismo, dores nas costas, fibromialgia. Se algumas destas dores incomodam a você ou a alguém do seu convívio, você precisa conhecer os benefícios proporcionados pelo chá de canela-de-velho.

Neste artigo, veremos que além de aliviar e tratar as dores acima referidas, o chá de canela-de-velho apresenta ainda outras propriedades muito úteis para a nossa saúde. Acompanhe.

Mas o que é “canela-de-velho”?

Canela-de-velho é o nome popular de uma planta arbustiva encontrada principalmente nos estados da Bahia e do Sergipe, que mede entre 70 centímetros e três metros de altura.

Ela também é chamada de quaresmeira de flor branca e pertence à mesma família das quaresmeiras de flor roxa e rosa, conhecidas árvores ornamentais.

O nome científico da canela-de-velho é Miconia albicans e pode ser útil ter isso em mente, para que não se crie nenhuma confusão com a Cenostigma macrophyllum, uma outra planta que também é conhecida popularmente como canela-de-velho ou caneleiro.

Esta última é mais comum no norte do Paraná. Fora o nome, não há muito mais em comum entre estas duas plantas.

Assim, desde já vamos deixar claro que neste artigo estamos tratando da Miconia albicans e não da Cenostigma macrophyllum.



Propriedades terapêuticas da canela-de-velho

Canela-de-velho infográfico

Infográfico Canela-de-Velho – Créditos: Tudo Ela

A canela-de-velho apresenta diversas propriedades terapêuticas, como:

Ação anti-inflamatória

O sistema imunológico produz a inflamação como uma reação a uma lesão ou infecção dos tecidos. Ele faz aumentar o fluxo sanguíneo na região afetada, para que um número maior de células protetoras possa combater o agente agressor. Os anti-inflamatórios agem no sentido de amenizar essa reação.

Ação analgésica

Quando há algum foco de inflamação em nosso corpo, essa informação é transmitida ao cérebro e é a partir daí que vem a sensação de dor. A ação analgésica impede que o cérebro receba esta informação.

Ação antioxidante

A ação antioxidante se dá pela presença de algumas substâncias que combatem o excesso de radicais livres no nosso organismo. Os radicais livres, por sua vez, são moléculas quimicamente instáveis que acabam por desestabilizar as células saudáveis do corpo.

Ação antimutagênica

Moléculas tóxicas e radicais livres presentes no nosso organismo podem atingir diretamente o DNA das células saudáveis, provocando mutações que levam ao seu envelhecimento ou à formação de tumores. Os antimutagênicos são protetores do DNA das células.

Ação antimicrobiana

Destrói os microorganismos que se infiltram em nosso organismo a partir de infecções.

Ação antitumoral

Combate a proliferação de células que sofreram mutações, inibindo o surgimento e o crescimento de tumores.

Ação hepatoprotetora

O fígado é um importante órgão do corpo humano, que exerce diversas funções vitais. Hepatoprotetores protegem as células do fígado contra agentes tóxicos.

Ação tônica digestiva

Auxilia o organismo durante a digestão dos alimentos.

Benefícios que o chá de canela-de-velho proporciona

Com tantas propriedades, é de se esperar que essa planta ofereça muitos benefícios à nossa saúde e é exatamente o que obtemos ao consumir o chá de canela-de-velho.

Listamos a seguir alguns desses benefícios:

  • Combater as dores provocadas por artrites e artroses: entre todos os benefícios provenientes do consumo de chá de canela-de-velho, este é sem dúvida o mais popular;
  • Aliviar dores causadas por outros tipos de inflamação: torcicolos, reumatismos, tendinites, hérnias de disco, dores nas costas, torções nos pés e bursites são os principais;
  • Auxiliar o processo digestivo: a ação tônica digestiva ajuda a prevenir doenças ligadas ao estômago e ao intestino;
  • Combater os radicais livres e desintoxicar o organismo: como consequência, rins, fígado, circulação sanguínea e metabolismo funcionam melhor, beneficiando os níveis de pressão arterial e de glicose no sangue;
  • Como benefício complementar, o chá de canela-de-velho combate o Trypanosoma cruzi, protozoário que se infiltra no sangue humano a partir da picada do barbeiro e causa a Doença de Chagas.

Qual é mesmo a diferença entre artrite e artrose?

A artrose, também conhecida como osteoartrite, osteoartrose ou artrite degenerativa, é uma doença crônica, que surge a partir da degeneração das cartilagens na região das articulações. Cartilagens são tecidos protetores que atuam como amortecedores entre os ossos.

Já artrite é um processo inflamatório que atinge as articulações. Como vimos, processos inflamatórios decorrem da ação do nosso sistema imunológico, em seu esforço de combater lesões ou infecções. Artrites podem evoluir para artroses.

Ambos requerem a ação de antiinflamaórios e analgésicos, razão pela qual o chá de canela-de-velho se mostra tão eficiente.

Chá de canela-de-velho emagrece?

Muitos chás têm sido anunciados, principalmente na internet, como ideais para o emagrecimento. O chá de canela-de-velho é um deles.

O que há de verdadeiro nessa promessa?

A verdade é que o chá de canela-de-velho tem sido classificado como um “chá que emagrece” devido à sua ação desintoxicante, conforme descrevemos. Então, o que se pode dizer é que o seu consumo não é em si um tratamento para emagrecer, mas que de forma indireta ele favorece o emagrecimento.

O chá de canela-de-velho: como prepará-lo

Ingredientes:

  • Um litro de água;
  • Quinze a vinte folhas de canela-de-velho.

Modo de preparar:

  1. Aqueça a água em um recipiente até ferver;
  2. Com o fogo ainda aceso, coloque as folhas de canela-de-velho na água;
  3. Deixe ferver por mais trinta segundos e então apague o fogo;
  4. Deixe a mistura tampada e em repouso por pelo menos uma hora;
  5. Coe antes de consumir.

Como consumir:

  • Tome duas xícaras do chá por dia, antes das refeições principais; uma terceira dose diária é admitida;
  • No caso de dores pelo corpo, use o restante do chá preparado para banhar o local dolorido;
  • Mantenha o consumo por pelo menos 30 dias. O chá de canela-de-velho mostra eficiência ainda maior quando utilizado de modo continuado.

Contraindicações ao uso do chá de canela-de-velho

Correm popularmente comentários de que o chá de canela-de-velho poderia ser prejudicial ao coração. Estudiosos em fitoterapia rechaçam por completo essas afirmações, garantindo que não há nenhum fundamento nelas.

O único cuidado realmente endossado por esses especialistas é o de não consumir o chá de canela-de-velho em excesso. Os riscos são de afetar o sistema digestivo e de agredir as células do fígado.

De toda forma, sempre que lidamos com questões de saúde, é imprescindível ouvir as recomendações do médico que de fato avalia as nossas condições. Procure saber qual é a opinião dele a respeito do uso do chá de canela-de-velho, se é que ele já não o recomendou.

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Giovanna Cóppola

Trabalha com web, design, criação, conteúdo, SEO e fotografia. Em 2011 criou a Pandartt e hoje assume a direção da agência, além de colocar a mão na massa em todos os projetos. Paralelamente, tem outros três projetos: Viva com Felicidade, BlogGeek e Mapa dos Bichos. Ama música, cinema, jogos, arte, tecnologia, tatuagens e pandas.

/* ]]> */