Chás Nutrição Saúde

Chá de marapuama: benefícios e propriedades para sua saúde

Você pode nunca ter ouvido falar sobre o chá de marapuama, mas ao conhecer mais sobre essa variedade amazônica de cipó, você provavelmente vai desejar tê-la no seu armário.

Embora não esteja entre as plantas mais populares, ela pode ajudar com alguns inconvenientes persistentes, principalmente no que diz respeito à sexualidade e aos órgãos reprodutivos.

Quer saber mais sobre o chá de marapuama? Continue lendo o nosso texto e conheça os principais benefícios e propriedades que podem fazer toda a diferença para a sua saúde!

Para que serve o chá de marapuama?

A marapuama também é conhecida como muirapuama ou pelo seu nome científico, Ptychopetalum olacoides.

É uma espécie de cipó utilizada há centenas de anos na região amazônica. Inicialmente seu uso era restrito aos índios, mas com a chegada dos europeus ele passou a ser cada vez mais difundido e, hoje em dia, a planta é inclusive comercializada em outras áreas.

Assim como o guaraná, a catuaba e outras iguarias da região, a marapuama é conhecida por seu grande poder afrodisíaco.

Ela já recebeu o apelido nada discreto de “viagra da Amazônia” e é, inclusive, vendida em versão em cápsulas, prometendo melhorar seu desempenho sexual e componente de alguns produtos que prometem acabar com a disfunção erétil.

Embora este tipo de medicamento seja mais focado em homens, principalmente para tratamento de ejaculação precoce e disfunção erétil, a marapuama também é excelente para as mulheres.

Seus efeitos não estão restritos ao bom funcionamento dos órgãos masculinos. Além de auxiliar na circulação, o que é ótimo também para as mulheres, ele ajuda a despertar ou melhorar a sua libido.

Apenas algumas partes das plantas (cascas e raízes) são utilizadas para consumo e são selecionadas estritamente plantas jovens. Por isso, se você não conhece bem a marapuama, é mais aconselhável que procure a versão seca da planta em lojas especializadas ou farmácias de manipulação e jamais se aventure a colher sozinha.

Não há estudos oficiais que comprovem seus benefícios, mas o chá de marapuama promete melhorar a circulação sanguínea, ter propriedades anti-estressantes e melhorar problemas causados pela falta de vitamina B1 no corpo.

Mesmo com a falta de comprovação científica, sabemos que a medicina natural frequentemente quebra paradigmas e encontra caminhos e curas séculos antes de respaldada pela medicina tradicional. Ao descobrir os benefícios da natureza, não raramente a indústria farmacêutica passa a utilizar componentes das plantas em suas fórmulas.

Com base no benefício principal trazido pela melhora da circulação de quem a consome, a marapuama também seria capaz de agir como estimulante para as tarefas diárias, ajudar a combater o desânimo e até diminuir os sintomas da anemia.

Desta forma, ela pode servir como auxílio para pacientes nos primeiros estágios de depressão e ajudar a combater a indisposição de anêmicos.

É importante apontar, por outro lado, que deve existir acompanhamento médico e apenas o consumo do chá da planta não é recomendado. Ela deve servir apenas como complemento para os tratamentos sugeridos por um profissional.

Na medicina natural ela também é muito utilizada como remédio para amenizar cólicas menstruais, como auxílio para acabar com a diarreia, vermicida, tônico e até mesmo remédio para a gripe.

O chá de marapuama não precisa ser necessariamente ingerido. O uso tópico desta planta é aconselhado para tratar diversos tipos de inflamações. Exemplos são celulites e inchaços resultantes de torção de músculo.

Ela também ajudar na cicatrização e até mesmo na tentativa de impedir a calvície, se uma dose mais concentrada for misturada ao shampoo.

Receita de chá de marapuama

Embora a planta seja de fácil acesso em alguns lugares do Brasil, principalmente na região amazônica, o ideal é que não se arrisque.

Se você não for muito familiarizado com a marapuama, o ideal é que consulte algum especialista na planta ou adquira já seca de uma loja especializada. Assim, evitará possíveis problemas de utilização da planta errada, de plantas em idades não indicadas ou o uso das partes erradas da marapuama.

Para preparar um chá dessa planta que promete tantos benefícios, você precisará de:

  • 1 litro de água;
  • Marapuama seca;
  • Adoçante de sua preferência (aconselhamos mel ou açúcar mascavo; açúcar branco tem muita química e propriedades negativas que podem prejudicar a ação de alguns componentes das plantas).

Modo de preparo:

  1. Deixe a água levantar fervura;
  2. Assim que as bolhas começarem a subir, desligue;
  3. Acrescente duas colheres de marapuama seca;
  4. Tampe a panela e deixe em infusão por entre 8 e 10 minutos;
  5. Coe a bebida;
  6. Adoce de acordo com a sua preferência.

O líquido resultante deve ser consumido ainda morno e suas propriedades se manterão para ingestão durante cerca de doze horas.

Não é recomendável aquecer muitas vezes, já que o calor em excesso pode prejudicar a ação dos ativos da planta.

Este chá também poderá ser aplicado localmente no caso de inchaços, feridas, dores musculares ou para evitar a queda de cabelos.

Cuidados essenciais

O consumo de chá de marapuama não é aconselhável para gestantes, lactantes, idosos e pessoas com doenças crônicas. Se fizer parte de qualquer um desses grupos, jamais consuma o chá antes de consultar o seu médico.

Se você toma algum remédio regularmente, consulte seu médico e se certifique de que não há problema na interação do remédio com a marapuama.

Se você passou por uma cirurgia recente, sofre com pressão alta ou tem problemas de circulação, também é importante que tenha a opinião de um profissional de saúde. O chá de marapuama estimula a circulação e pode ter efeitos negativos em alguns organismos.

É muito importante que também se lembre de que o consumo de qualquer chá em excesso pode ser prejudicial. Se consumido continuamente, em grandes quantidades ou muito concentrado, o chá de marapuama pode provocar dores de cabeça, vertigem, enjôo e ejaculação precoce.

Considerações finais

Assim como muitos outros, ochá de marapuama pode ajudar o seu corpo a funcionar melhor, desde que usado com moderação.

Se você precisa de ajuda para amenizar cólicas menstruais ou mesmo para melhorar sua libido, não deixe de provar essa maravilha da Amazônia.

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */