Chás Saúde

Tudo o que você precisa saber sobre o chá de tamarindo

Planta originária do continente africano, o tamarindo, fruto da tamarindeira, é pouco conhecido no Brasil, mas o chá de tamarindo tem efeitos que devem ser aproveitados pelos brasileiros para tratamento de vários males e até doenças. Saiba mais e tire proveito desta planta em sua alimentação.

Origem do Chá de Tamarindo

É no oeste do continente africano, na savana encontrada no Serengueti, Tanzânia e Quênia que mais se encontra o fruto do tamarindeiro. A fruta também é comum na Índia, e se desenvolve bem em climas quentes e úmidos e acabou se adaptando muito bem nas regiões norte e nordeste do Brasil.

Os povos árabes deram a esta fruta o nome de Tamr al-Hindi, ou, em português, tâmara da Índia. A casca desta fruta é um pouco dura e quebradiça, de aspecto terroso, guardando uma polpa fibrosa, de tons avermelhados e rica em ácido tartárico.

O tamarindo é o fruto com maior teor de proteínas, minerais e glicídios. É muito usado na culinária de países da África como tempero, para fazer sucos, para doces e uma infinidade de receitas.

Também rico em vitaminas C e E, manganês, ferro, cálcio, potássio, fósforo, vitaminas do complexo B (B1, B2, B3 e B12), funciona muito bem como antiácido, serve para tratamento anti-inflamatório, tem propriedades antioxidantes, é indicado para combater os índices altos de colesterol no sangue, ajudando a baixar o colesterol ruim e pode ser consumido como fruta ou como bebida.

Se consumido com polpa, causa saciedade e aumento de peso, mas nada que assuste, afinal, sua enorme quantidade de fibras auxilia na boa digestão e regulação do intestino.

Com tantos nutrientes e fatores positivos, o melhor método de consumir tamarindo com frequência sem sentir estufada é na forma de refresco ou chá de tamarindo. Aproveita-se todas as qualidades do fruto, sem o medo de exagerar, comer demais ou enjoar do sabor.

Ao consumir o chá de tamarindo, as propriedades naturais deste alimento ficam na água. Você aproveita os nutrientes sem ter que absorver massa e fibras. Para cada uso, uma solução. E como na maioria dos casos de frutas, é na casca que está a maior parte dos nutrientes. E não na polpa. Porém, fazer chá de tamarindo com a casca a fruta não tem a mesma eficiência, porque a casca é feita principalmente de fibra. Neste caso, ou se extrai os nutrientes do tamarindo para consumir em forma de cápsulas, ou, você pode fazer em casa um chá de tamarindo utilizando as folhas da tamarindeira e ter os melhores efeitos.

Veja os efeitos positivos do chá de tamarindo

É bem bacana pensar que apesar de toda a fome e necessidades que passam muitos povos africanos, a natureza ainda é rica e trata de alimentar e curar doenças. É necessário, claro, conhecer os benefícios de cada planta. No caso do chá de tamarindo, ao usar as folhas para a bebida, você poderá usar esta potente e rica fruta para tratar vários males.

  • Artrite – Como se trata de uma inflação muito específica, o chá de tamarindo ajuda a combater a inflamação e diminui as dores.
  • Conjuntivite – Outra inflamação combatida pelo chá de folhas de tamarindo. Neste caso, o uso é externo, com o auxílio de um pano limpo e um chá mais forte, para limpar os olhos e retirar a secreção. O chá de tamarindo neste caso faz as vezes de antibiótico.
  • Fígado – Auxilia na redução da acidez e ajuda o fígado a funcionar melhor.
  • Intestino – a fruta contém fibras, o que melhora as funções do intestino. Já o chá de tamarindo é indicado para casos de disenteria.
  • Malária – o chá de tamarindo não cura a doença, mas ajuda a baixar a febre. Pode ser usado em casos de febres provocadas por resfriados. Mas se a febre persistir, consulte um médico.
  • Sangue – Excelente para diminuir as taxas de LDL e melhorar o desempenho cardiovascular.
  • Vermes em crianças – o chá de tamarindo possui propriedades vermífugas, sendo utilizado na África para este fim. Mas não dispense a consulta a um especialista.

Melhor medida para um bom chá de tamarindo

A medida certa para obter os melhores resultados do chá de tamarindo é utilizar 100 gramas de folhas de tamarindo fervidas em 1 litro de água.

O ideal é deixar a água ferver, acrescentar as folhas ou o pó, dependendo de como estiver o tamarindo que você tiver disponível e misturar bem. Tampe e deixe esfriar e misturar bem por uns 15 minutos. Esse tempo ajuda a fazer as propriedades das folhas passarem para a água.

Para quem gosta de tomar o chá ainda quente, o ideal é tampar a caneca em que a água foi fervida, para manter a temperatura ao mesmo tempo em que deixa as propriedades e nutrientes se somarem à água.

E como nutriente, além do chá de tamarindo, vai bem, especialmente por causa das propriedades antioxidantes, acrescentar tamarindo na dieta. Comer a polpa da fruta em natura é uma excelente maneira de ajudar o corpo a funcionar bem.

Chá de tamarindo para emagrecer

Apesar de combater o colesterol e ser rico em vitaminas e fibras, ainda não há nada que comprove que o tamarindo, em chá ou em polpa, ajude no emagrecimento. Para algumas pessoas, a fruta pode trazer saciedade e diminuir a compulsão por comida, mas não há nenhum estudo que comprove propriedades emagrecedoras do chá de tamarindo, ou mesmo da fruta.

E se for para tentar um palpite, acho que podemos pensar que o tamarindo faz parte da vida de populações africanas. Muitas delas passam fome. E por causa de tanta carência alimentar, uma fruta que fizesse as pessoas emagrecer seria considerada um veneno, e não um alimento benéfico.

Quem ouviu dizer que chá de tamarindo emagrece, pode ter recebido informação errada. Há outros alimentos comprovadamente mais indicados para este fim e com a quantidade de vitaminas, minerais e até de calorias, é mais provável que o tamarindo ajude a manter o peso, com saúde, mas com diminuição do colesterol ruim. O que já é uma ótima notícia. Mas, para quem quiser insistir que na forma de chá, ajuda a emagrecer, tente e conte pra gente. Vamos adorar saber mais este jeito de cuidar bem do nosso corpo.

Veja também:

Sobre o autor

Giovanna Cóppola

Trabalha com web, design, criação, conteúdo, SEO e fotografia. Em 2011 criou a Pandartt e hoje assume a direção da agência, além de colocar a mão na massa em todos os projetos. Paralelamente, tem outros três projetos: Viva com Felicidade, BlogGeek e Mapa dos Bichos. Ama música, cinema, jogos, arte, tecnologia, tatuagens e pandas.