Chás Maternidade Saúde

Chás para bebês: os mais indicados para os pequenos

Grande parte dos adultos já se acostumou a contar com o auxílio de chás no dia a dia. Sabemos que as ervas e raízes podem diminuir as dores de cabeça, acabar com cólicas, combater resfriados e nos fazer bem de forma geral. Por isso mesmo você já deve ter se perguntado: se fazem tão bem para os adultos, podemos dar chás para bebês?




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% EM TODO O SITE

Neste texto falaremos um pouco do uso dos chás, como eles podem afetar os bebês e listaremos algumas receitas de chás para bebês indicadas para momentos específicos.

Chás para bebês: eles são mesmo indicados?

Por ser um produto natural e quase não oferecer efeitos colaterais para a maior parte dos adultos, muita gente pode imaginar que chás são inofensivos.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Porém, a verdade é que, se você está pensando em fazer chás para bebês, precisa ter muito cuidado. Principalmente com os menores.

Os chás trazem alguns benefícios para a nossa saúde justamente por sua composição e, embora sejam naturais, nem todos os organismos funcionam da mesma forma. Qualquer alteração no cardápio dos bebês deve ser consultada e conversada com o pediatra.

É também bastante importante acompanhar o cardápio das mães enquanto elas estiverem amamentando, uma vez que o leite fornecido aos bebês é diretamente influenciado pelo que a mãe consome.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

O que você deve levar em consideração primeiramente é que o conselho quase absoluto de pediatras é não fornecer nenhum outro tipo de líquidos além de leite – e possíveis vitaminas e suplementos – aos bebês de até 6 meses.

O leite materno ou as fórmulas receitadas pelos médicos, geralmente contém todas as vitaminas, nutrientes e é inclusive capaz de matar a sede dos bebês. Fornecer água, chás ou sucos pode impedir que eles recebam a quantidade correta necessária, o que pode acarretar problemas futuros.

Se o seu bebê, mesmo que maior de 6 meses, sofre com cólicas, dificuldade para dormir, mamar ou algo semelhante, sempre consulte um especialista antes de tomar qualquer ação.

Mesmo com a ajuda dele, você provavelmente só poderá fornecer chás ralos e em quantidades ínfimas (cerca de meia colher de chá), poucas vezes ao dia e preferencialmente sem açúcar branco. Porém, se a mãe estiver amamentando, talvez os resultados sejam mais efetivos se ela consumir o produto.

Seja como for, independente da idade, sempre consulte o pediatra antes de iniciar o uso de chás para bebês, seja via administração direta ou o consumo pela mãe. Apenas um profissional saberá instruir o melhor para cada criança.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Por isso, nunca ofereça nada para o seu bebê antes de consultar um profissional de saúde.

Para aqueles que já consultaram os pediatras, separamos algumas das melhores receitas de chás para bebês para os problemas mais comuns.

Chá de alfazema para a cólica

Por ser ótima para o relaxamento em geral, a alfazema pode ser uma ótima alternativa entre os chás para bebês que combatem a cólica. Ele também é excelente para melhorar o sono tanto da mãe quanto da criança.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Lembre-se, porém, que ficar de olho no cardápio materno é super importante durante a amamentação. Se a criança tem gases ou sofre com cólicas, talvez seja interessante eliminar alimentos como feijão e chocolate do cardápio da lactante.

Como o organismo dos bebês é bastante sensível, é importante lembrar de fazer chás fracos. Para fazer um chá de alfazema para o seu bebê, você precisará de:

  • 1 litro de água;
  • Alfazema fresca;
  • Mel (opcional).

Conduza a preparação como faria usualmente, porém, diminua algumas quantidades:

  1. Aguarde a água levantar fervura;
  2. Desligue e acrescente 1 ou 2 colheres de alfazema fresca;
  3. Deixe em infusão por 10 minutos;
  4. Coe;
  5. Adoce levemente se desejar, preferencialmente com mel. O açúcar branco pode ser prejudicial para bebês.

O chá pode ser consumido pela mãe, que retransmitirá as propriedades necessárias através do leite para o bebê. Se ela não estiver amamentando, aguarde o chá esfriar.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Ao longo do dia administre de 4 a 5 doses de meia colher de chá para o bebê.

Chá de camomila para o sono

Se seu bebê tem dificuldade de dormir, talvez a solução esteja no uso do conhecido chá de camomila.

Este é um dos mais famosos chás para bebês, indicados por muitas vovós. Ele ajuda o bebê a ficar mais calminho e melhora a qualidade de sono.

Mas não se esqueça que é mais indicado em doses muito pequenas, a partir do sexto mês e com consulta do seu pediatra.

Ele também pode ser consumido pela mãe que está amamentando ou, ainda, através de doses pequenas de meia colher de chá de 4 a 5 vezes ao dia, em temperatura ambiente. Para prepará-lo, você precisará de:

  • Camomila desidratada;
  • 500 ml de água;
  • Mel (opcional).

Modo de preparo:

  1. Deixe a água ferver e desligue;
  2. Acrescente 1 colher de sopa de camomila desidratada;
  3. Deixe em infusão entre 5 e 10 minutos;
  4. Coe;
  5. Se desejar, adoce com mel.

Beba quente ou espere esfriar e ofereça conforme descrito acima ao bebê.

Chá de erva doce para o intestino

Se seu bebê estiver sofrendo com problemas intestinais, o chá de erva doce pode ser a solução ideal.

Porém, nunca é recomendado usar um chá em excesso. Não consuma ou forneça ao bebê por muitos dias seguidos. Para prepará-lo, você precisará de:

  • 1 litro de água;
  • 1 colher e meia de sementes de erva doce;
  • Mel (opcional).

Prepare o chá como prepararia normalmente:

  1. Deixe a água levantar fervura e desligue;
  2. Acrescente as sementes de erva doce;
  3. Deixe em infusão por cerca de 10 minutos;
  4. Coe;
  5. Adoce se desejar.

Nunca ofereça a bebida quente para o bebê, nem em grandes quantidades. Apenas meia colher de chá, em temperatura ambiente, de 4 a 5 vezes por dia. Como forma opcional, a mãe lactante pode consumi-lo.

Todos os chás para bebês citados também podem ser misturados à água do banho. Além de melhorar a qualidade de sono e cólicas, eles podem fazer bem à pele dos bebês.

Considerações finais

Embora eles sejam um ótimo alento para adultos, é necessário um pouco mais de cuidado quando o assunto são os chás para bebês.

Por mais benefícios que alguns deles possam trazer, consulte sempre o seu pediatra, principalmente quando a criança tiver menos de 6 meses.

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */