Chás Nutrição

5 receitas de chás para depressão e como eles agem no organismo

Chás para depressão

A depressão é considerada atualmente o mal do século por diversos especialistas ao redor do mundo. Assim sendo, precisa ser tratada da melhor forma possível. Como hoje muitas pessoas recorrem à cura pela natureza, a matéria traz 5 receitas de chás para depressão que são muito eficazes neste momento tão delicado.

Antes mesmo de se iniciar a matéria, já fica avisado que esta é uma doença séria, portanto, a matéria não apresenta nenhum tipo de gatilho e tem cunho apenas informativo com relação ao que se refere a doença.

Como reconhecer a depressão

Antes de apresentar os chás para depressão existentes e eficazes, é importante compreender o que é esta doença tão famosa. Muitas pessoas têm depressão sem nem ao menos saberem um pouco sobre a doença.

Para tanto, é importante entender que ela é uma doença mental, não apresenta sintomas físicos além da fadiga extrema e não deixa cicatrizes visíveis. São inúmeros os especialistas e psicólogos capazes de consultar e tratar a depressão.

Sendo assim, tenha em mente que esta pequena lista de formas de se reconhecer a depressão é apenas informativa e não serve como veredito. Consulte um médico caso desconfie da doença.

Toda doença deve ser levada a sério e a depressão faz muito mal para ser negligenciada.



Dentre os principais sintomas, estão:

  • Sensação de vazio interior;
  • Falta de sono;
  • Irritabilidade;
  • Pensamentos suicidas;
  • Tristeza profunda;
  • Sentimento de culpa em qualquer tipo de situação que leve a se pensar dessa forma;
  • Solidão e exclusão social;
  • Falta de vontade de realizar as tarefas mais simples;
  • Mudança de hábitos repentinos;
  • Perda ou aumento de peso sem nenhuma explicação aparente.

Então, antes de recorrer aos chás para depressão para se tratar, tenha em mente o que é a doença e procure ajuda.

Apenas um ótimo complemento

A ideia de que a cura da depressão existe é maravilhosa para muitas pessoas, pois são muitos os que sofrem com os males que essa doença traz. Entretanto, apenas usar dos chás para depressão aqui apresentados não vale. É preciso se tratar.

A ajuda de psicólogos e médicos é essencial no tratamento dessa doença. Só eles entenderão sua mente da forma adequada e irão conseguir solicitar o melhor tratamento.

Muitas pessoas acabam se envolvendo em novas atividades, frequentando outros lugares e procurando ajuda também na religião. Isso depende de pessoa para pessoa.

São inúmeros os remédios e tratamentos que existem atualmente para se tratar uma pessoa com depressão. Os sintomas que acabamos de citar podem aparecer em maior ou menor grau e esta matéria não é capaz de definir cada caso específico.

Os chás para depressão servem como auxílio. É uma cura que a natureza nos oferece, mas que deve ser bem relacionado com o seu tratamento. Dessa maneira, jamais esconda do seu médico o que está sendo utilizado para tratar sua depressão. Peça ajuda.

Alguns remédios não podem ser combinados com algumas ervas e isto apenas o médico pode dizer, porque é ele quem sabe receitar os remédios específicos para você.

Logo, não comece tomando qualquer tipo de chá e não se automedique. Tenha cuidado e trate a doença como ela merece, pois somente assim você pode começar a caminhar para uma vida mais feliz e plena;

5 receitas de chás para depressão

Sem muita enrolação, agora que você já sabe o que é a depressão e porque não se deve negligenciar seus cuidados, mesmo com o uso dos chás, este é o momento perfeito.

Agora é mais que ideal para se conhecer os chás para depressão e como eles atuam em nosso organismo para combater esta doença mental.

1. Chá de alecrim

Dentre todas as receitas de chás para depressão, talvez a de alecrim seja a mais famosa, uma vez que a planta é capaz de equilibrar a temperatura de todo o corpo. Isto relaxa a mente e permite que o sistema cognitivo se acalme depois de grande atividade, o que também auxilia muitas vezes no sono de uma pessoa.

Para preparar é bastante simples:

  1. Coloque uma xícara de água para ferver e quando ela alcançar o ponto de fervura adicione uma colher de sobremesa com folhas de alecrim;
  2. Deixe a mistura no fogo por dez minutos e depois desligue, tampe a panela ou chaleira por mais cinco minutos e depois coe;
  3. Espere esfriar um pouco e tome aos poucos.

O recomendado é ingerir este tipo de chá até três vezes ao dia.

2. Chá de salgueiro branco

Este atua como o chá de alecrim: equilibra a temperatura do corpo e evita calafrios. O que ele oferece de melhor é que é capaz de tratar dores de cabeças constantes e enxaquecas, sintoma muito presentes em pacientes com depressão.

A sugestão de consumo para este tipo de chá é, também, de três xícaras por dia. Recomenda-se que tome antes de cada grande refeição para que a mente fique mais relaxada.

  1. Para cada um litro de água no fogo, acrescente cerca de 30 gramas da planta e deixe no fogo por vinte minutos;
  2. Depois disso, tampe por mais dez minutos e coe, espere ficar morno ou em uma temperatura boa para apreciação e saboreie o chá.

3. Chá de camomila

Não é muito comum para o tratamento da depressão. Muitas pessoas relacionam o chá de camomila com problemas de sono. Isto já diz bastante sobre sua atuação e por que este está entre os chás para depressão mais eficazes.

As flores de camomila acalmam o corpo como um todo e auxiliam no sono. Sua atuação é parecida com o suco de maracujá.

Por acalmar o corpo e deixar a pessoa relaxada, os pacientes com depressão podem dormir melhor e sentir o corpo mais leve. A irritabilidade também é diminuída e o humor, consequentemente, melhora bastante, o que leva as pessoas com depressão a ficarem bem melhores em situações sociais.

  1. Uma xícara de água para duas colheres de chá de flores secas da camomila é o ideal para ajudar com a irritabilidade e hiperatividade;
  2. Deixe a mistura chegar no ponto de fervura, desligue o fogo e tampe por quinze minutos antes de coar;
  3. Depois é só beber e aproveitar o chá duas vezes ao dia, no máximo.

4. Chá de erva de São Jorge

É um dos chás mais indicados para se tratar a depressão, pois costuma acalmar os nervos e fazer com que a mente agitada “dê uma pausa”. É usado mais para curto prazo e também serve para o tratamento de outros transtornos psicológicos como ansiedade e esquizofrenia.

Se preparo é bastante simples:

  1. Ferva uma xícara de água e, depois de desligar o fogo, coloque uma colher de sobremesa de erva de São Jorge;
  2. Tampe por vinte minutos e depois coe a mistura antes de beber.

5. Chá de erva príncipe

Um dos chás para depressão mais potentes dessa lista, porque tem ação analgésica quase que imediata, tratando dores de cabeça, irritabilidade e é capaz de acalmar a mente.

Melhora o sono e age como um antidepressivo natural no corpo, sendo, também, um forte aliado para se tratar a ansiedade.

  1. A mistura a ser feita é de um litro de água com 20 folhas frescas da planta, bem cortadas em pequenos pedaços;
  2. Coloque tudo no fogo e espere alcançar o ponto de fervura;
  3. Depois disso, desligue o fogo e tampe por dez minutos antes de coar.
  4. Deixe esfriar até ficar morno e aproveite o chá antes de dormir.

Veja também:

Videos do nosso Canal no Youtube

/* ]]> */