Chás Saúde

5 receitas de chás para sinusite para você experimentar

Se você já está um pouco cansado de procurar na internet algumas receitas de chás para sinusite, você veio ao lugar ideal onde vai encontrar os melhores preparos para ajudar no tratamento desse mal que assola tantas pessoas. Além disso, os chás que separamos aqui vão ajudar no alívio dos sintomas, proporcionando uma incontestável sensação de bem-estar.

A sinusite já é responsável por atingir mais da metade da população brasileira. Uma surpresa por conta do clima tropical, médicos explicam que o clima é apenas consequência para a piora das cruzes, como vamos reportar mais abaixo em detalhes.

Sinusite: o que é?

Sinusite é nada mais do uma inflamação das vias respiratórias localizadas nos seios da face. Por isso é comum sentir dores fortes nessas regiões, além de dor nos olhos e na região nasal. Dependendo do grau de infecção, pode causar fortes enxaquecas e dificuldade de respiração.

A sinusite é algo muito comum e que pode ser tratado com remédios e também por vias naturais. Os chás para sinusite são excelentes formas de combater, pois além de trazerem alívio diretamente pelo consumo (bebidas quentes ajudam na dissolução da infecção), permitem que o sistema imunológico fique mais fortalecido.

Em verdade, as formas mais naturais auxiliam no processo do organismo se fortalecer, enquanto alguns remédios e antibióticos podem ajudar quanto a um quadro alérgico, mas vir a atrapalhar em outro. Por isso é tão importante tomar um remédio que seja apropriado diretamente ao seu caso.

O quadro de sinusite pode se intensificar se não for tratado adequadamente. Mesmo que a inflamação seja simples, fatores como cheiros fortes, poeira, gripes, resfriados e mudanças climáticas podem ser fundamentais para desencadear a sinusite.

Chás para sinute

Existe uma série de chás para sinusite, não que apenas atuem no quadro alérgico e inflamatório, mas sejam potencialmente aplicados para as crises. Separamos alguns deles abaixo, além de algumas receitas para facilitar um pouco o seu modo de preparo.

Chá de capim limão

O chá de capim limão é uma das grandes pedidas quando o assunto é chás para sinusite. Suas folhas possuem um potencial anti-inflamatório e anti-bactericida. Além disso, é excelente expectorante. Você pode encontrá-lo em caixa nos supermercados ou comprar a planta.

O modo de preparo é simples. Não há mistério para os chás de saquinho que devem ser adicionados na íntegra depois de 200ml de água serem fervidos e colocados em uma caneca. Adoçar à gosto.

Já para quem deseja fazer com as folhas, o processo é similar. Deixar esquentando por poucos minutos cerca de 200ml de água e depois adicionar as folhas. Após cerca de sete minutos, deixar esfriar e adoçar à gosto.

Chá de hortelã

O chá de hortelã também entra na nossa série de chás para sinute. Muito lembrado para problemas de enjoo, é ótimo em eliminar parasitas, aliviar as inflamações e dores. Pode ser facilmente encontrado tanto em sachês de chá quanto in natura. Em mercados maiores você encontra dos dois tipos.

O processo de fervura e modo de preparo desse chá é exatamente igual ao chá de capim limão, apenas substituindo a planta usada. Ambos vão muito bem acompanhados de mel para adoçar.

Chá de camomila

Muito conhecido para ajudar as enxaquecas que assolam muitas pessoas, o chá de camomila é altamente indicado para os casos de sinusite crônica. Facilmente encontrado em sachês nos mercados e farmácia, além de ter valores acessíveis, pode ser seu principal aliado para aliviar os sintomas em dias de crise.

Seu modo de preparo em sachê é extremamente simples. Basta ferver 300ml de água por cerca de 7 minutos e colocar o sachê, que em poucos momentos você sentirá o tão sonhado alívio.

Chá de eucalipto

O chá de eucalipto possui propriedades excelentes para tratar a sinusite. Seus resultados são altamente eficazes e podem ser sentidos logo nos primeiros momentos de consumo.

O modo de preparo é muito simples. Basta ferver meio litro de água mineral. Quando houver o estado de ebulição, colocar um punhado (uma colher de sopa) do chá de eucalipto na água. Deixe descansar por sete minutos. Coe e consuma.

Aconselha-se que não se adoce esse chá para que os efeitos não sejam cortados.

Chá de acerola

E para encerrar nossa série de alguns chás para sinusite, o chá de acerola marca presença para a surpresa de todos. Muito conhecido para acelerar o metabolismo, o chá de acerola também é excelente para cura de quadros de sinusite por conta das vitaminas contidas nele.

O modo de preparo desse chá exige mais alguns ingredientes que podem auxiliar também na melhora do quadro.

Para o chá, você vai precisa de cerca de 150g de acerola, duas folhas de acerola, canela, cravo e um litro de água. Você pode adicionar maçã se for a seu gosto.

Basta ferver todos os ingredientes por cerca de 10 a 15 minutos, esperar esfriar e adoçar, caso seja o seu gosto.

Há alguma contraindicação para esses chás para sinusite?

Contraindicações são dificilmente encontradas quando o assunto é chá, porém, é necessário atenção e cuidado.

Mulheres grávidas e lactantes devem evitar consumo de chá para que suas propriedades não sejam passadas para o bebê recém-nascido. Esse período é primordial para a criança que ainda está criando defesas naturais no organismo.

Alguns chás podem apresentar um teor de cafeína em sua composição e isso pode afetar pacientes que não possam lidar com esse componente.

É ideal que um médico ou nutricionista esteja a par sobre o consumo dos chás sobre o tratamento da sinusite. Ele saberá informar quais são apropriados para consumo e quais devem ser evitados.

Onde encontrar

A maioria dos chás informados pode ser facilmente encontrada em casas especializadas de chá, farmácias e grandes supermercados. Para fazer o chá in natura você pode encontrar o produto em viveiros e também em lojas especializadas de plantas.

A partir de pesquisa rápida no Google você pode encontrar instruções dos melhores lugares para encontrar os componentes dos chás para sinusite.

Em resumo

Os chás para sinusite são encontrados em abundância em mercados e farmácias, por isso, não há qualquer problema em adquiri-los e começar o tratamento.

O processo deve ser feito com calma, mas em poucos dias é possível perceber a melhora. A dica é permanecer até que o quadro melhore consideravelmente.

Veja também:

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.