Saúde

Ciclos Menstruais: saiba como controlar

Ciclos menstruais

Você mantém seus ciclos menstruais sob controle? Sabe, por exemplo, quando o último deles iniciou, e quanto tempo durou? Manter o registro destas informações auxilia você a entender o que é normal para seu organismo e identificar mudanças importantes.

Saber exatamente o que esperar torna mais fácil identificar qualquer tipo de distúrbio. Na maior parte das vezes, irregularidades nos ciclos menstruais não significam grandes problemas. É sempre importante, no entanto, dar atenção suficiente para perceber quando algo é mais grave.

Entenda melhor os ciclos menstruais, e saiba quando buscar auxílio médico, em caso de irregularidades:

O que são os ciclos menstruais?

info-ciclo-menstrual

O ciclo menstrual é uma série de mudanças no corpo feminino, que envolve a preparação biológica para a possibilidade de gravidez. Todos os meses, um ovário libera um óvulo no processo chamado de ovulação.

Simultaneamente, mudanças hormonais preparamo útero para a gravidez. Se a ovulação ocorrer e o óvulo não for fertilizado, o revestimento do útero separa-se da parede uterina e sai pela vagina. Este último processo é chamado de menstruação.

O que é normal?

diminuir_colicas_menstruais-21755711



O ciclo menstrual, que é contado do primeiro dia da menstruação até o primeiro dia do próximo período de menstruação, não é igual para todas as mulheres. O fluxo menstrual pode ocorrer a 21 ou 35 dias, durando de dois a sete dias, no total.

Nos primeiros anos de menstrual, é comum que ciclos mais longos ocorram. À medida que o tempo passa, a tendência é que estes ciclos tornem-se mais curtos e regulares. Os ciclos menstruais podem apresentar regularidade ou não, variando um pouco a duração de mês para mês. Em algumas mulheres, são ocasiões indolores, enquanto gera cólicas e desconforto para outras.

Dentro de uma certa margem, todas estas características são normais, desde que não cheguem a grandes extremos. Em geral, “normal” é aquilo que normalmente acontece em relação ao seu próprio ciclo.

Como controlar a duração do ciclo menstrual?

calendário-e-teste-de-gravidez

Para saber o que é normal para seu organismo, é importante manter o controle dos ciclos menstruais em um calendário. Para fazer este registro, marque o início de cada ciclo de maneira recorrente para identificar a regularidade dos seus períodos.

Se você quiser manter um registro mais detalhado, ou estiver preocupada com algo, faça notas a respeito dos seguintes detalhes, todos os ciclos:

  • Duração: quanto tempo seu ciclo costuma durar? Qual foi a diferença deste ciclo para a média?
  • Fluxo: registre o volume do seu fluxo a cada período de menstruação. Confira se ele parece mais leve ou mais pesado do que o normal. Quantas vezes você precisou trocar de absorvente? Você percebeu algum coágulo?
  • Sangramentos anormais: você percebe sangramentos nos períodos fora da menstruação?
  • Dores: mantenha registro de dores associadas ao ciclo menstrual. Dê atenção às dores quando elas forem acima da média.
  • Outras mudanças: você percebeu mudanças comportamentais? Algo novo aconteceu perto do período da menstruação, para justificar mudanças no ciclo?

O que fazer para prevenir irregularidades nos ciclos menstruais?

Para algumas mulheres, o uso de pílulas anticoncepcionais pode ajudar a regular o ciclo menstrual. O tratamento de outros problemas, como distúrbios alimentares, também auxilia a regularizar o ciclo. É difícil definir, no entanto, estratégias para prevenir de fato as irregularidades.

O importante é dar atenção a mudanças alarmantes. Você deve procurar por ajuda médica caso alguma destas situações ocorra:

  • O ciclo menstrual repentinamente parou por mais de 90 dias e você não está grávida;
  • Os ciclos tornaram-se erráticos após serem regulares durante meses;
  • Você sangrou por mais de sete dias, durante a menstruação;
  • Houve muito mais sangramento do que o normal, e a quantidade de absorventes utilizados foi significativamente maior do que o normal;
  • Seus períodos duram menos de 21 dias ou mais de 35 dias para ocorrerem;
  • Você percebeu sangramentos em períodos não menstruais;
  • Houve dores severas durante a menstruação;

Veja também:

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Pedro Henrique Ferreira Mendes

/* ]]> */