Recomendados para você
Doenças Saúde

Já ouviu falar sobre a doença da manhã? Saiba mais aqui!

Você sabe o que é doença da manhã, quais seus sintomas e causas? Acompanhe o artigo e saiba como aliviar esse incômodo tão comum e dicas importantes para evitar as náuseas e vômitos tão característicos da doença da manhã!

Gravidez e doença da manhã

A doença da manhã, como é conhecida popularmente, muito comum durante a gravidez, caracterizada por náuseas e vômitos, atinge 55 a 90% das mulheres. Apesar de ser chamada assim, ela pode se manifestar a qualquer hora do dia se a mulher grávida sentir algum odor que a desagrade.

Alguns especialistas acreditam que a origem da doença da manhã está relacionada com a produção de um hormônio durante a gravidez conhecido como gonadotropina coriônica humana. Porém, ainda há a necessidade de mais pesquisas para entender completamente por que ela se manifesta.

Em qual estágio da gravidez ocorre a doença da manhã?

A doença da manhã normalmente se manifesta em torno da sexta semana de gravidez e diminui por volta do terceiro ou quarto mês.

O pico da doença da manhã pode variar de mulher para mulher, mas geralmente ocorre durante a nona semana de gravidez, quando o desenvolvimento dos órgãos do bebê está mais vulnerável a alguns odores, como produtos químicos e certos alimentos.

Sintomas da doença da manhã

Apesar de ser bastante desconfortável, a doença da manhã, na maioria das vezes, não é perigosa. No entanto, a mulher tem que ter muita calma e paciência para que ela não se manifeste de uma forma mais aguda.

O enjoo é o sintoma mais comum, sendo atribuído a alguns odores e aversão a determinados alimentos. Em algumas mulheres, podem ocorrer também vômitos.

O que pode desencadear os sintomas da doença da manhã?

Os fatores desencadeantes dos sintomas da doença da manhã podem variar em cada mulher e ela deve estar sempre atenta aos possíveis gatilhos que fazem surgir a crise. Mas de acordo com pesquisas, os mais comuns são:

  • Cheiro de frituras;
  • Perfumes, mesmo os usados habitualmente;
  • Pasta de dente;
  • Cheiro de produtos de limpeza;
  • Odor de temperos como cebola, alho e picantes.

Como prevenir a doença da manhã?

Não existe uma maneira eficaz de prevenir a doença da manhã. Entretanto, existem algumas maneiras de controlar os sintomas. Conheça algumas delas:

  • Uso de suplementos vitamínicos como o B6, anti-náuseas, anti-histamínicos, algumas ervas medicinais, incluindo o extrato de gengibre, mas todos com orientação médica;
  • Suplementos como o ácido fólico, ômega-3 e vitamina D;
  • Mesmo antes de levantar da cama, ingerir um biscoito tipo água e sal ou maisena;
  • Evitar ficar com o estômago vazio durante longos períodos;
  • Fazer lanches entre as refeições;
  • Evitar fazer grandes refeições, optando por uma dieta fracionada, ingerindo menor quantidade de alimentos mais vezes ao dia (a cada 2 ou 3 horas);
  • Beber pequenas quantidades de líquido, incluindo sucos, chás e água, várias vezes ao dia;
  • Aguardar pelo menos 1 hora após se levantar para escovar os dentes;
  • Evitar alimentos gordurosos, picantes e condimentados;
  • Não cozinhar alimentos que tenham o odor muito forte, nem que não for consumi-los;
  • Deitar se o enjoo for muito forte;
  • Chupar balas duras ou cubos de gelo;
  • Cheirar limão ou acrescentar algumas rodelas ou gotas à água (pode ser gaseificada);
  • Tomar os suplementos vitamínicos à noite;
  • Fazer caminhadas pela manhã;
  • Manter a casa sempre bem arejada;
  • Optar por alimentos ricos em carboidratos e pobres em gordura, por serem de mais fácil digestão.

Medicina alternativa

A medicina alternativa tem auxiliado significativamente na prevenção dos sintomas da doença da manhã e tem sido sugeridas com frequência por médicos. Entre elas, podemos encontrar:

  • Acupuntura;
  • Acupressão, que são pulseiras de acupuntura facilmente encontradas em farmácias e drogarias;
  • Hipnose: apesar de haver pouca pesquisa em torno dela, algumas mulheres afirma ter encontrado alívio nos sintomas da doença;
  • Suplementos à base de gengibre.

Complicações da doença da manhã

A hiperêmese gravídica (HG) é uma manifestação mais extrema da doença da manhã que afeta cerca de 1,5% das mulheres grávidas. Inclusive, a princesa Kate Middleton foi acometida pela doença durante as suas três gravidezes. Apesar de rara, a sua causa exata ainda não foi descoberta.

A HG implica em náuseas e vômitos severos durante a gravidez, diferentemente dos leves sintomas típicos da doença da manhã.

Além disso, ela se estende para mais de três meses, podendo chegar até o quinto mês, como durar a gravidez toda.

As principais características da hiperêmese gravídica são:

  • Náuseas acompanhadas de vômitos;
  • Náuseas que não diminuem;
  • Vômito intenso que leva à desidratação severa;
  • Tonturas intensas;
  • Perda de 5% ou mais do peso corporal.

A hiperêmese gravídica deve ser tratada o mais rapidamente possível para evitar a desidratação, o baixo ganho de peso durante a gravidez, além de sérios problemas psicológicos, podendo levar a um quadro de depressão.

Como deve ser a alimentação contra a doença da manhã?

Os enjoos matinais que acarretam a conhecida doença da manhã podem se manifestar durante o dia todo, inclusive à noite. Para amenizá-los, é importante que se tenha refeições saudáveis, rica em vitaminas e pouco gordurosas.

Acompanhe essas dicas!

Café da manhã

É importante que o café da manhã tenha alimentos mais secos. Confira algumas dicas:

  • Bolachas de água e sal;
  • Torrada integral com um fio de azeite ou pouca manteiga clarificada;
  • Frutas como maçã e banana com aveia e granola;
  • Pão integral com queijo magro e peito de peru;
  • Vitamina à base de iogurte, frutas frescas, aveia e mel.

Lanches intermediários

Para evitar os enjoos durante o dia é importante não ficar muitas horas em jejum:

  • Tenha sempre à mão palitos de cenoura, salsão e erva-doce;
  • Lascas de gengibre;
  • Chips de batata doce assada;
  • Picolés de frutas;
  • Pipoca.

Refeições

É importante incluir nas refeições alimentos ricos em vitamina B6, que auxiliam a combater as náuseas, e alimentos fontes de ácido fólico, essencial para o desenvolvimento do sistema nervoso do bebê.

Alimentos ricos em vitamina B6

  • Arroz integral;
  • Carnes magras;
  • Aves e peixes;
  • Castanhas;
  • Ovos;
  • Laticínios (queijo magro, iogurte, leite, ricota);
  • Farelo de trigo.

Alimentos ricos em ácido fólico

  • Couve; couve-flor;
  • Rúcula;
  • Espinafre;
  • Beterraba, cenoura e batata;
  • Laranja, mamão;
  • Agrião;
  • Lentilha, feijão.

Hidratação

Outro ponto importante para combater os sintomas da doença da manhã é ingerir líquidos em pequenas quantidades, uma vez que o excesso piora a digestão e aumenta as náuseas:

  • Água de coco;
  • Sucos naturais;
  • Água mineral e gaseificada.

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */