Beleza Cabelos

Dreadlocks: saiba como fazer e veja dicas para adotar o estilo “rasta”

É claro que toda mulher gosta de mudar o visual dos cabelos para ficar mais moderna e chamar ainda mais atenção por onde passa. Para isso, algumas preferem apostar em uma produção atraente, mas que seja bem discreta para não causar nenhum “choque” na personalidade do look, enquanto outras gostam mesmo é de radicalizar, fazendo transformações exuberantes para atrair olhares em todos os lugares em que desfilarem.

No grupo das mais ousadas e despojadas de plantão, um penteado que está fazendo bastante sucesso e ficando cada vez mais na moda são os famosos dreadlocks. Popularmente chamados de dreads, o estilo nas madeixas é tendência para quem quer mudar bruscamente o visual e deixá-lo ainda mais moderno, descolado e cheio de atitude.

Veja também – Box Braids: saiba tudo sobre as tranças afro

E põe atitude aí! Não é qualquer uma que se aventura nos cabelos com dreads. Isso porque, apesar de lindo e prático, o penteado exige uma rotina redobrada de cuidados para não danificar os fios e mantê-lo sempre bem arrumado. Influenciado principalmente pelo movimento rastafári, os dreadlocks já foram adotados até mesmo por celebridades, como a cantora Shakira e, mais recentemente, pela atriz brasileira Cléo Pires. A gata promete arrasar com o novo visual em uma série da TV Globo.

Se você é daquelas que sempre teve vontade de aderir aos dreads no cabelo, mas ainda não teve coragem que colocá-la em prática, continue lendo esse artigo até o final e veja dicas, cuidados e o passo a passo de como adotar o estilo nas madeixas sem medo!

O que são os dreadlocks?

Os dreadlocks nada mais são do que um penteado de origem africana que utiliza mechas de cabelo entrelaçadas de forma cilíndrica em um formato que lembra “cordas”, que ficam caídas sobre os ombros de quem é adepta ao estilo. O estilo tem sido adotado atualmente por várias mulheres, inclusive famosas, por sua beleza, modernidade e praticidade, deixando o look super despojado e original.

Os dreads, como são chamados popularmente, ficou bastante conhecido por influência do movimento rastafári, representado na cultura popular por um dos maiores líderes de luta e resistência negra, o cantor, guitarrista e compositor jamaicano Bob Marley.



Apesar de ser símbolo da resistência negra, da liberdade de expressão e de uma ideologia alternativa de pensamento, o penteado tem sido adotado ultimamente por várias tribos urbanas com o simples intuito de dar um up no visual.

Ao contrário do que muita gente pensa, os dreadlocks não surgiram na Jamaica. Para se ter uma ideia, há indícios de que o estilo já tenha sido adotado na África e na Índia desde a antiguidade bíblica e pré-bíblica. O penteado é tão antigo que não se tem registro de uma data e local de origem corretos para a sua invenção, o que leva a acreditar que os dreads tenham surgido até mesmo antes da invenção dos pentes.

Tipos

Como o penteado virou sinônimo de estilo e modernidade, é comum que ele tenha sido adotado por várias tribos e, com isso, passado por diversas adaptações. Se antes os dreadlocks podiam ser feitos apenas por mulheres com cabelos crespos, hoje eles podem estar na cabeça de quem tem fios ondulados, cacheados e até mesmo lisos.

Para isso, basta escolher a maneira de fazer o penteado e a que mais combina com você e o seu tipo de fio, que pode ser moldado com lã, cera ou agulha de crochê. Veja a seguir os principais tipos de dreads e as suas vantagens e desvantagens:

Dread de lã

1898

Esta versão dos dreadlocks é ideal para ser feita em quem ainda tem medo de arriscar o visual e estragar os cabelos. Isso porque não há necessidade de cortar as madeixas caso a pessoa não queira mais usá-los. Durante o procedimento, o cabeleireiro faz uma trança nos cabelos e, em seguida, a envolve na linha de lã, formando o dread.

Dread de agulha

cleo_semespinha_menor

Neste método, é utilizada apenas uma agulha de crochê para dar forma aos dreads. De acordo com cabeleireiros especialistas no assunto, ele é a versão mais higiênica do penteado, uma vez que a sua assepsia (limpeza) interna e externa pode ser feita com álcool em gel, o que também ajuda a mantê-lo firme na sua manutenção diária.

Dread de cera

tumblr_m9o2616ng21qelxffo1_500

É considerado um método fácil de fazer, mas não tão higiênico. Neste caso, é feita a modelagem dos dreads com a cera, que, por demorar bastante para secar, não permite que o cabelo seja lavado nas primeiras semanas após a ida ao salão de beleza, o que faz com que o odor seja um tanto desagradável.

Como fazer? Veja dicas

1899

Se você quer se aventurar no estilo dos dreadlocks, mas está sem money ou tempo disponível para ir ao salão de beleza, nós temos algumas dicas para você fazer os seus dreads em casa.

Com spray

Se você quer apenas ter cabelos com dreads por pouco tempo, como para ir a uma festa, você pode fazer o penteado usando um spray de alta fixação. Para isso, basta lavar os cabelos com um shampoo antirresíduos e, após secar os fios com um secador, dividi-los em mechas, pequenas ou médias, a depender da largura que pretender fazer os seus dreads.

Em seguida, aplique o spray em cada uma delas e depois penteie cada uma delas com a ajuda de um pente de metal, sempre da raiz em direção às pontas, desfiando-as como no estilo anos 80. Feito isso, aplique mais spray até que elas fiquem bem duras. Os seus novos dreads poderão durar até duas semanas.

Com cera

Para fazer este tipo de dread, é preciso que o seu cabelo tenha, no mínimo, 20 centímetros de comprimento. Divida os cabelos em mechas de, pelo menos, 2 centímetros  e penteie cada uma delas com a ajuda de um pente de ferro, sempre da raiz em direção às pontas, embolando e desfiando os fios como no estilo anos 80.

Em seguida, coloque elásticos de silicone ou borracha em cada extremidade do dread (próximo ao couro cabeludo e na ponta) para fixar o penteado. Feito isso, aplique a cera específica para fazer dreads e envolva-os totalmente, enrolando-os de modo que fiquem fixados.

Com agulha

Para fazer esse tipo de dread, basta enrolar os seus dreads com a mão, embolando-os e desfiando ao mesmo tempo, da raiz em direção às pontas. Em seguida, é só pegar a agulha de crochê e colocar os “fiapos” de cabelo que ficaram soltos e colocá-los para dentro do dread.

Com lã

O dread de lã pode ser feito com uma agulha de crochê, durante o trançado do dread, ou depois de feito o dread, apenas enrolando as linhas por entre o trançado. Escolha a cor ou as cores de sua preferência – caso queira deixar os seus dreadlocks bem coloridos – e envolva-a em todo o cabelo, enrolando sempre nas tranças.

Cuidados

Independente do método que usar para fazer os seus dreadlocks, os cuidados serão os mesmos e bem redobrados. Veja quais são os principais para ajudar a manter a beleza do seu penteado por mais tempo:

  • Lave os dreads uma vez por semana e apenas com shampoo sem aditivos, ou seja, sem perfumes, condicionadores ou qualquer outro que possa se acumular no cabelo e causar mau cheiro futuramente.
  • Aplique o shampoo apenas no couro cabeludo e deixe que a espuma e a água se escorram pelo comprimento dos dreads.
  • Evite esfregar os dreads para que eles não se desmanchem ou percam a sua forma.
  • Opte sempre por shampoos anticaspa, antirresíduos ou até mesmo sabão de coco para evitar caspa, dermatite muito comum em pessoas com dreads.
  • Lave os dreads sempre durante o dia para que eles tenham tempo de secar até chegar a hora de dormir. Ir para a cama com os dreads molhados pode causar mofo e fungos nos cabelos.
  • Evite o uso de óleos, condicionadores e máscaras de tratamento para evitar que o dread fique oleoso e se desmanche com facilidade.

Fotos

Agora que você já sabe tudo sobre como fazer e como cuidar dos seus dreadlocks, confira abaixo algumas fotos para se inspirar!

Dreadlocks finos

Neste estilo de dreads, pequenas mechas de cabelo são separadas para fazer o penteado, deixando-o com partes mais finas para quem gosta mais de dreads pouco chamativos.

tumblr_o0me9ddd6x1r38bw4o1_500

Dreadlocks grossos

Neste estilo, as mechas separadas para o penteado são maiores para fazer dreads mais grossos e largos, como os de Bob Marley, ideais para quem quer ousar na mudança de look.

untitled

Dreadlocks soltos

Para quem não quer adotar o penteado no cabelo todo, podem ser feitos dreads em apenas uma ou mais mechas espalhadas pelo cabelo. É ideal para quem quer mudar o visual sem abrir mão dos penteados.

tumblr_n3e1wgxevk1sztn02o1_500

Gostou do artigo de hoje? Compartilhe!

Até a próxima!

Veja também:

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Raiane

/* ]]> */