Estética

Eletrolipólise, tratamento para celulite e gordura localizada

Você já ouviu falar de eletrolipólise? Essa técnica promete ser a aliada das mulheres que querem tratar da celulite e gordurinha localizada.

O efeito chamado “casquinha de laranja” se refere ao aspecto das celulites e pode minar a autoestima das mulheres. É pensando na resolução dos detrimentos estéticos que a indústria vem desenvolvendo novos procedimentos e tecnologias. Essas técnicas inovadoras visam eliminar ou amenizar esses traços corporais indesejados.

Entre os procedimentos mais confiáveis e satisfatórios, encontra-se a eletrolipólise. Essa técnica moderna e transformadora utiliza de correntes elétricas para quebrar as moléculas daquelas gordurinhas localizadas. A estratégia mostra resultados, afinando silhuetas, reduzindo medidas e diminuindo as celulites. Com essa artilharia pesada, a eletrolipólise assegura uma aparência mais saudável e rejuvenescida à pele.

Tem dúvidas sobre o funcionamento da técnica e seus potenciais resultados? Nesse artigo vamos esclarecer a eletrolipólise, focando em seus benefícios, contraindicações e cuidados.

O que é a técnica de eletrolipólise?

A essa altura, você deve estar com muitas dúvidas sobre esse tratamento milagroso. Pois saiba que de milagroso, não tem nada! O método é científico e pra lá de comprovado – e aprovado!

Em suma, a eletrolipólise é um procedimento de cunho estético, que se vale de correntes elétricas bidirecionais. Mas o que essas correntes bidirecionais de baixa frequência fazem pela saúde do seu corpo? A eletricidade induzida pelo tratamento “rompe” moléculas, diminuindo as celulites e a gordurinha localizada. Desse modo, o processo garante à mulher uma silhueta mais delineada e enxuta.

Esse resultado é possível uma vez que a eletricidade atua sobre a lipólise, que por sua vez tritura as gorduras indesejadas. Esse efeito é provocado por intermédio de um gasto calórico, isto é, através da metabolização estimulada das chamadas células adiposas.

Além de estimular a quebra, a eletrolipólise potencializa a circulação do local por meio do aumento de fluxo sanguíneo. Esse procedimento pode ser realizado no abdômen, glúteos e coxas.

Como a eletrolipólise é aplicada nas celulites?

Quando o assunto são celulites, a eletrolipólise pode ser aplicada de dois modos distintos.

Um dos procedimentos com eletrolipólise em celulites é realizado através de agulhas. A inserção da agulha acontece abaixo da pele, na região das coxas, glúteos ou abdômen. Uma vez que a agulha é penetrada, é dirigido energia direto para os tecidos adiposos do local a ser tratado.

Para aquelas que, por alguma razão, não se agradam de procedimentos que levam agulhas, existe uma segunda alternativa eficaz. Essa tática dispensa o uso de agulhas, se concentrando em condutores de baixa resistência e eletrodos de silicone. Estes últimos são pousados sobre a pele marcada pelas celulites e atados por uma faixa elástica a fim de fixar os efeitos.

Embora as duas alternativas sejam válidas e fundamentadas, a implicação de agulha no cerne das celulites tendem a apresentar resultados mais expressivos. Essa decisão deve conter a participação de profissionais, como esteticistas e dermatologistas responsáveis pelo seu caso.

Independente do método realizado, após a introdução dos instrumentos (eletrodos ou agulhas), uma carga de baixa frequência é disparada. A carga, com média de 25hz, opera prontamente sobre a aglomeração de lipídios e adipócitos. Esse passo é essencial para desmanchar as células que, posteriormente, serão expelidas do organismo.

Mas o processo não termina por aí. O curso das correntes elétricas conduzem calor ao tecido cutâneo. Essa passagem promove a dilatação dos vasos sanguíneos; enquanto a dilatação, por sua vez, contribui para a desintoxicação, a melhora do fluxo sanguíneo e a oxigenação de tecidos.

A eletrolipólise é um procedimento doloroso?

Se sua preocupação é com as possíveis dores causadas pelo tratamento, tranquilize-se. A eletrolipólise não é um procedimento doloroso, embora se observe alguns desconfortos e dormências durante o processo. Por outro lado, ao recolher as agulhas da pele, é natural que ocorra um sangramento mínimo, o que é considerado uma reação comum.

Quanto tempo dura uma sessão de eletrolipólise?

As sessões de eletrolipólise são relativamente rápidas e descomplicadas. As sessões tendem a durar em volta de trinta a cinquenta minutos cada uma.

Quais os preparos para a realização da eletrolipólise?

O preparo é simples e não exige cuidados peculiares – para realizar, basta estar com a pele limpa e sem escoriações, alergias, assaduras, erupções e derivados.

Quais as recomendações para o pós tratamento com eletrolipólise?

Depois de realizar a técnica de eletrolipólise nas celulites, algumas precauções e cuidados básicos devem ser tomados. É desaconselhável expor a área – seja glúteos, coxas ou abdômen – ao sol após o tratamento. A aplicação deixará a pele mais sensível, e isso requisitará o uso diário de protetor solar.

Contraindicações da eletrolipólise

Embora seja um procedimento estético indolor e confiável, a técnica com eletrolipólise naturalmente carrega algumas contraindicações de uso. Abaixo, confira as principais oposições à utilização do procedimento:

  • Utilização de medicamentos corticosteroides e anticoagulantes;
  • Insuficiência renal;
  • Câncer;
  • Portadores de marca-passo;
  • Doenças cardíacas;
  • Epilepsia;
  • Hipertensão;
  • Diabetes;
  • Portadores de próteses metálicas;
  • Osteoporose;
  • Gestação;
  • Lactação;
  • Miomas uterinos;
  • Patologias circulatórias (embolias, flebites, varizes);
  • Processos alérgico na área do tratamento;;
  • Processos infecciosos na área do tratamento;;
  • Processos inflamatórios na área do tratamento;

Quais são os resultados potenciais da eletrolipólise?

1 – Melhora a circulação sanguínea

O tratamento de eletrolipólise favorece a saúde do corpo melhorando a circulação sanguíneo;

2 – Aumenta o metabolismo celular

O tratamento de eletrolipólise favorece a saúde do corpo aumentando o metabolismo das células;

3 – Potencializa o gasto calórico das gorduras localizadas

O tratamento de eletrolipólise favorece a saúde do corpo potencializando o gasto de calorias entre as células de gordura;

4 – Afina a silhueta

O tratamento de eletrolipólise favorece a estética do corpo desenhando um contorno mais esbelto na silhueta;

5 – Elimina celulites

O tratamento de eletrolipólise favorece a estética do corpo eliminando ou amenizando as celulites das regiões tratadas;

Após quanto tempo os resultados começam a surgir?

Em geral, o paciente passa a notar resultados mais significativos após a quinta sessão com eletrolipólise. Os especialistas recomendam o número mínimo de dez sessões para que o contorno corporal e o desaparecimento de celulites se faça notar. Contudo, esse número padrão pode variar para mais ou para menos, dependendo da quantia de gordura acumulada e o nível de celulites no paciente.

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.