Doenças Saúde

Já ouviu falar sobre enxaqueca com aura?

Enxaqueca com aura

Muitas pessoas sofrem com as dores intensas causadas pela enxaqueca com aura. Essa condição cerebral ainda desconhecida pela medicina é caracterizada principalmente pela dor pulsátil de intensidade média e forte. Sintomas desagradáveis como hipersensibilidade a luzes e cheiros, náuseas e tonturas são sentidos por quem é portador dessa doença.

A enxaqueca é muito estudada hoje em dia pela medicina e apesar de ainda existir muitas questões não respondidas, alguns métodos se tornaram eficientes para combater os sintomas que essa doença tão desagradável causa.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 324 milhões de habitantes sofrem com os sintomas da enxaqueca. As crises relatadas são mais frequentes nas pessoas do sexo feminino por causa das oscilações hormonais, nos períodos férteis e na menopausa. Enquanto 43% da população é mulher, apenas 18% são homens, os sintomas começam a aparecer geralmente no início da adolescência ou da vida adulta.

Existem ainda muitas dúvidas em relação a esta doença, o que se sabe concretamente de acordo com pesquisas científicas, é que as principais causas da enxaqueca se dão por causa da liberação de substâncias importantes que provocam a dilatação das artérias meníngeas, acompanhadas principalmente de inflamações e extravasamento de proteínas.

A enxaqueca com aura é um dos tipos de enxaqueca que existem e acometem diversas pessoas ao redor do mundo.

O controle das dores provocadas pela enxaqueca pode ser feito com o consumo de analgésicos prescritos pelos médicos de acordo com cada caso específico. Existem alguns casos em que os analgésicos não conseguem controlar essas dores, sendo necessário a administração de uma classe de drogas chamada triptanos.

Este tipo de droga encontra-se disponível em uma quantidade muito grande no mercado. Os seus efeitos colaterais são bem leves, e os mecanismos de ação são bem eficientes. A pessoa que ingere o medicamento começa a sentir os seus efeitos em aproximadamente 20 a 60 minutos.

O que é a enxaqueca com aura?

A enxaqueca com aura é um dos tipos de cefaleia que acomete inúmeras pessoas de diferentes idades e que tem como principal característica, as dores pulsantes em um dos lados da cabeça, com sintomas muito desagradáveis.

Um dos sintomas desse tipo de enxaqueca está ligado ao campo visual do paciente, ou seja, acontece o aparecimento de uma aura antes das crises de enxaqueca, que pode acompanhar todo o período da crise.

A característica principal desse fenômeno está no embaçamento considerável da visão de quem sofre desse mal, além de aparecer pontos escuros, luminosos, manchas claras e escuras, linhas em zigue-zague, é um verdadeiro fenômeno visual.

Assim que esse fenômeno chamado de aura termina, acontecem as dores intensas na cabeça. Além das dores, ocorrem sintomas desagradáveis como hipersensibilidade a luz, enjoos, tonturas entre outros que você vai conhecer no decorrer do texto.

Quais são os fatores que desencadeiam a enxaqueca com aura?

Muito se fala sobre o que desencadeia as crises de enxaqueca com aura, mas existem 3 fatores principais que contribuem para que elas comecem. Acompanhe:

  • O primeiro fator que contribui para que essa dor comece está em ficar longos períodos em jejum;
  • O segundo fator está ligado ao consumo exagerado de bebidas alcoólicas, incluindo os vinhos, mesmo que eles tenham alguns benefícios para a saúde;
  • O terceiro fator está ligado com o consumo excessivo de cafeína.

É importante dizer que a cafeína não está presente só no café, mas sim em chocolates, refrigerantes, então fique atento ao que for consumir.

Se você consumir uma dose de 200 mg de cafeína é certeza que você tenha uma crise de enxaqueca com aura.

4 cafés ou 4 latas de coca cola atingem esses 200 mg. Se você não vive sem o café, opte por cafés descafeinados, ou por cafés feitos com coador, pois a concentração de cafeína é menor.

Conheça alguns sintomas da enxaqueca com aura

As pessoas que sofrem com as dores causadas pela enxaqueca com aura relatam alguns sintomas muito desagradáveis e doloridos.

Essas dores são tão intensas que acabam incapacitando as pessoas de exercerem suas atividades normalmente.

Veja a seguir os principais sintomas e se você sofre dessa doença:

  • Fortes dores de cabeça, muitas vezes de um lado só;
  • Náuseas e vômitos;
  • Tonturas;
  • Visão embaçada;
  • Visão de pontos luminosos;
  • Visão de pontos escuros;
  • Hipersensibilidade à luz e odores;
  • Coriza e dores na região nasal;
  • Irritabilidade excessiva;
  • Depressão;
  • Transtornos de humor;
  • Distúrbios da ansiedade.

Como tratar a enxaqueca com aura?

O tratamento da enxaqueca com aura consiste basicamente na ingestão de medicamentos que agem diretamente nos focos de dor. Os medicamentos indicados nesses casos são os analgésicos.

Além da administração desses medicamentos, se faz necessário também evitar os fatores que desencadeiam as crises que citamos acima.

Quem determina o melhor tratamento para o paciente é o médico, é muito importante que a pessoa que sofre com os sintomas da enxaqueca com aura não se automedique, pois as consequências podem ser desastrosas.

A medicina ainda vem estudando as melhores alternativas medicamentosas, algumas pesquisas recentes mostraram que a toxina botulínica é bastante eficaz para esses tipos de desconfortos, apresentando resultados bastante animadores.

Alimentos que ajudam a prevenir enxaqueca com aura

Mesmo que existam ainda alguns mitos a respeito da alimentação, muitos especialistas afirmam que ela pode sim ajudar a prevenir as crises de enxaqueca. A escolha dos alimentos e suas propriedades faz toda a diferença.

Conheça alguns alimentos que ajudam a prevenir as crises de enxaqueca com aura. Veja a seguir:

1 – Peixes de água fria

Os peixes de água fria contém uma maior concentração de ômega 3 e ácidos graxos que auxiliam no combate as inflamações. Os peixes de água fria são, salmão, sardinha, entre outros.

2 – Couve e verduras de folhas escuras

As verduras de folhas escuras contribuem no processo de cicatrização e fixação do cálcio nos ossos, pois contém substâncias importantes antioxidantes e anti-inflamatórias.

3 – Bananas

As bananas quando consumidas bem maduras, ajudam na síntese da serotonina, graças as quantidades enormes de triptofano presente nas frutas.

4 – Ovos

Os ovos possuem uma grande quantidade de vitaminas do complexo B (B1, B2, B3, B5, B9 e B12). Além de desenvolver a musculatura, os ovos ajudam na prevenção das dores, se tornando um importante aliado ao combate das dores provocadas pela enxaqueca.

Último Vídeo do Nosso Canal


LISTA VIP!
Nossas Dicas no seu Email
Seja a primeira a saber das nossas últimas dicas. Coloque seu email abaixo e receba nossos posts:
Cadastrar!
Apenas 1 email por semana. Conteúdo Exclusivo!
close-link
/* ]]> */