Saúde

Fase Lútea: saiba o que é e como funciona esta parte do ciclo menstrual

A fase lútea ou luteínica é faz parte do ciclo menstrual da mulher. Mas, dificilmente você ouviu falar desse termo, porque infelizmente conhecemos muito pouco sobre nosso corpo.

A menstruação muitas vezes é apenas uma fase desagradável que tentamos evitar até ouvir falar. Mesmo que possa parecer desconfortável, conhecer mais sobre essas fases nos ajuda muito a lidar com elas e viver melhor.

Se você quer engravidar e está procurando mais informações sobre fertilidade, confira também estes artigos:

O que é fase lútea, afinal?

Existem três fases no ciclo menstrual:

  1. fase estrogênica: também conhecida como fase folicular é o início do ciclo menstrual marcado pela vinda da menstruação;
  2. fase da ovulação: é a fase em que o corpo da mulher libera o óvulo para ser fecundado;
  3. fase lútea: é o período em que o corpo lúteo é formado para dar suporte ao embrião, caso haja a fecundação.

Quanto tempo dura a fase luteínica?

A fase lútea dura de 12 a 16 dias. A quantidade de dias de duração dessa fase, assim como todas as fases do ciclo menstrual, podem variar de uma mulher para outra. O tempo dessas partes do ciclo podem variar também na mesma mulher, quando os ciclos são irregulares.

No final da fase lútea o corpo lúteo se desfaz quando a mulher não engravida dando origem a um novo ciclo menstrual. Ou mantém-se durante mais tempo na gravidez.

Provavelmente você deve estar se perguntando: mas o que é esse corpo lúteo? É justamente isso que você vai conferir agora.



E o corpo lúteo, o que é?

Se você já engravidou ou está grávida, provavelmente já deve ter lido este nome diferente no seu primeiro exame de ultrassonografia. O corpo lúteo é essencial para o sucesso da gestação nos primeiros meses. Essa estrutura produtora de hormônios irá manter o embrião abastecido com grandes quantidades de progesterona e um pouco de estrogênio.

Apenas no final do primeiro trimestre de gestação que o corpo lúteo se desfaz e é substituído pela placenta, que será responsável por levar todas as substâncias que o bebê precisa.

Como ficam os hormônios na fase lútea?

Na dança eterna dos hormônios do nosso corpo, a fase lútea possui uma variação grande dessas substâncias tão poderosas para nosso corpo.

No início desta fase os níveis de estrogênio ainda estão maiores. O útero já repôs todas as camadas do endométrio que foram liberadas pela última menstruação e o óvulo que foi liberado se acomodará para aguardar a fecundação. O corpo lúteo se forma para ser usado, caso haja um embrião e já começa a produzir progesterona.

É nesse final da fase lútea que os níveis de progesterona começam a aumentar. Você pode sentir a sua pele mais sensível e oleosa durante estes dias, então é uma boa época para caprichar nas limpezas de pele.  Vai começar a sentir-se mais inchada e com dores nos seios. É um bom momento para cuidar da alimentação e evitar excessos de cafeína, açúcar e alimentos gordurosos. Os exercícios são uma boa pedida. E beber muita água também!

Quando o corpo lúteo finalmente se deteriora, os níveis de progesterona diminuem novamente. O corpo lúteo é liberado junto com o endométrio e o óvulo não fecundado, recomeçando o ciclo.

Para entender mais sobre a dança dos hormônios:

Sobre o autor

Mariana Mendes

/* ]]> */