Emagrecimento Nutrição Receitas

Leite de alpiste: benefícios, como fazer, como guardar

Novidade entre os alimentos naturais, a semente do alpiste surge como uma grande alternativa para pessoas que têm alergia ao leite de vaca e, claro, para os naturalistas que não comem produto animal. Aí surge o leite de alpiste, um produto totalmente natural e que você pode fazer em casa, sem nenhum segredo.

Originário da região do Mar Mediterrâneo e hoje disperso em quase todas as partes do planeta, o alpiste de que estamos falando é o mesmo que serve de alimentação a pássaros. De sua semente, pode ser extraído um produto líquido branco, já apelidado de leite de alpiste e apontado como benéfico à recuperação de diversos órgãos dos seres humanos.

Na sua composição, 18% é proteína

Por ser coisa ainda recente, entretanto, ainda há médicos e nutricionistas que torcem o nariz para os benefícios cantados a favor desse alimento. Nem todos confiam que ele provoca tanto bem à saúde e há, inclusive, quem desconfia que o leite de alpiste pode, mesmo, até provocar algumas doenças. Não há, entretanto, pesquisa que prove nenhuma das teses, nem a favor ou contra.

A favor do leite de alpiste, entretanto, está a comprovação, já testada, de que aproximadamente 18% de sua composição é proteína pura. Por isso, alguns nutricionistas defendem que um litro de leite de alpiste, feito a partir de 5 colheres de sopa da semente, equivale a um quilo e meio de carne de boi.

Suas enzimas facilitam a digestão

Alguns dos poucos estudos já conhecidos revelam algo interessante: os aminoácidos desta semente têm ação que facilita a assimilação da sua proteína pelo organismo humano, alimentando principalmente a musculatura. Esta semente seria, portanto, benéfica a quem pratica exercícios e, principalmente, musculação. Atuaria como um estimulante natural ao desenvolvimento físico.

Também é rico em nutrientes e, além das proteínas, rico em vitaminas do complexo B e do complexo E. Suas enzinas, outro nutriente que possui em abundância, facilitam e estimulam a digestão. Elas concentram-se nos rins, auxiliando na desinflamação de órgãos como o fígado e pâncreas.



Muitos benefícios ao corpo humano

Entre suas ações positivas, está também a redução no nível de glicose no sangue, agindo como auxiliar no combate e controle do diabetes. Os médicos, porém, alertam que o leite de alpiste não cura o diabetes, apenas atua como auxiliar no seu controle. Através da lipase, uma de suas enzimas mais abundantes, atua no controle das gorduras nas artérias, com o que também ajuda no combate à obesidade e celulites.

Estes nutricionistas que defendem o leite de alpiste, através de seus micronutrientes (minerais e vitaminas) e seus macronutrientes (carboidratos, gorduras vegetais e, principalmente, proteínas), afirmam que ele provoca os seguintes benefícios ao organismo humano:

  • Auxilia na eliminação da gordura e o excesso de líquido no corpo
  • Reduz o nível do colesterol e auxilia no combate à hipertensão
  • Ao controlar o açúcar no sangue, é auxiliar no combate ao diabetes
  • Atua na limpeza de fígado e rins e regeneração do pâncreas
  • Importante no combate a infecções urinárias
  • Sem glúten ou lactose, pode substituir o leite animal
  • Atua contra úlceras no estômago e auxiliar no combate à gastrite
  • Para quem pratica exercícios físicos, auxilia no aumento da massa muscular

Antioxidante, combate o envelhecimento

Outro ponto importante que ganha destaque entre os defensores do leite de alpiste é seu poder anti-inflamatório natural. Ele é capaz de aumentar as defesas do organismo e o sistema imunológico e atuar fortemente no equilíbrio geral das funções orgânicas.

Sua ação antioxidante é eficaz no combate ao envelhecimento precoce e aliado de destaque na prevenção de doenças do coração, ao atuar na prevenção do colesterol, diabetes e aumento da gordura corporal. As melhorias na tonicidade muscular também são apontadas como importantes na melhoria geral do organismo humano.

Com dieta adequada, ajuda a emagrecer

Embora traga todos estes benefícios ao organismo de homens e mulheres, os nutricionistas argumentam que o leite de alpiste pode atuar no auxílio à perda de peso e ao emagrecimento em geral, mas apenas como coadjuvante. Como combate a gordura nos vasos sanguíneos e no corpo em geral, ele ajuda no emagrecimento, mas, sozinho não é capaz de operar milagres.

Quem deseja o emagrecimento, deve seguir paralelamente uma dieta importante, com a redução de nutrientes que provocam gorduras, ao lado de práticas mais saudáveis, como exercícios físicos regulares e alimentação controlada. Como tem ação diurética, ajuda no controle do inchaço do corpo.

Como fazer o leite de alpiste em casa

Por ser um alimento natural, rico em nutrientes e sem contraindicações, os nutricionistas afirmam que seu consumo deve ser incentivado. Fazer em casa o leite de alpiste não tem nenhum segredo. Pode ser um pouco trabalhoso, mas, vale a pena para quem tem essa preocupação com o próprio organismo – substituir o leite de vaca e ainda acrescentar saúde ao seu corpo.

Para fazer em casa esse líquido precioso, é preciso utilizar 5 colheres de sopa de semente de alpiste em um litro de água. Siga os seguintes procedimentos:

  1. Higienize bem as sementes, com a retirada de cascas soltas ou pequenas sujeirinhas
  2. Coloque as sementes em um vasilhame de vidro com um pouco de água para hidratar (não aquele litro que vai virar o leite) e deixe descansar por oito a doze horas
  3. Depois disso, lave novamente o alpiste
  4. Coe esta água num objeto de tecido chamado panela furada, que você encontra em lojas de produtos naturais
  5. Aí sim coloque as sementes em um litro de água filtrada ou fervida e bata no liquidificar por três a quatro minutos. Está pronto o seu leite de alpiste, que deve ser consumido no mesmo dia. Pode acompanhar as refeições ou ser bebido cerca de meia hora antes das principais refeições

Incrementado com frutas e canela

Existem outros vegetais que também podem ser transformados em leite vegetal, com grandes vantagens sobre o leite animal. Entre estes, está os leites de coco, de castanha, de aveia e de arroz. Existe, também, o leite de soja, que não recebe aprovação unânime.

Para transformar o leite de alpiste em sua principal refeição, ou acompanhando a refeição principal do seu dia, é possível incrementá-lo com frutas de seu agrado. Neste caso, ele pode ser batido com frutas. Também é possível acrescentar-lhe canela em pó, a gosto, e sua refeição estará completa. Feito isso, bom apetite.

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.

/* ]]> */