Bebidas Nutrição

Leite de arroz, seus benefícios e como fazer

Será que esse tal leite de arroz é bom? Vou sentir muita diferença em relação ao leite de vaca?

Bom, quanto a questão de gosto, não tem jeito, só provando para adquirir uma noção.

Mas saiba que muita gente vem aderindo às alternativas do leite mais encontrado nos supermercados, ainda que por diferentes motivos, e o leite de arroz tem sido um dos mais populares.

Isso significa que, sim, é possível viver com outro gênero de bebida com lactose do que o mais usual exibido nos comerciais (junto a uma vaquinha fofinha e outros bichos de pelúcia). As outras opções são tão boas quanto e, melhor, mais saudáveis.

Mas quais seriam os benefícios do leite de arroz que conseguem estimular mudança tão significativa no café da manhã de uma pessoa? E quais são os casos em que a troca do tipo de leite se faz obrigatoriamente necessária?

Confira a seguir.

O que faz o leite de arroz ser pop?

Um dos atrativos do leite de arroz que faz com que seja indicado por nutricionistas e incluso espontaneamente no cardápio da galera fitness é que sua composição tem menos calorias e gorduras em comparação ao leite tradicional (abaixo será colocado uma tabela nutricional dos 2 tipos).

Ou seja, se você tem dificuldade com a balança, seu corpo parece absorver tudo que não presta e descartar uma fração irrisória de cada pedacinho insignificante de qualquer substância digerível só de sacanagem, o leite de arroz pode lhe proporcionar uma excelente ajuda.

A substância também é procurada por razões ideológicas.

Os que não comem carne ou qualquer derivação de origem animal por entenderem que a prática configura um crime contra os animais, ao ambiente e uma imprudência em relação a saúde dos consumidores por ingerirem tal qualidade de comida, portanto, leia-se, vegetarianos e veganos, acabam encontrando como solução para substituir o leite de vaca o leite de arroz, de soja, de aveia, entre outros – aliás, fazer leite de aveia é mais fácil do que você imagina!

Outro público que desperta interesse pelo leite de arroz é o que sofre de alergia ou tem intolerância ao extraído da vaca ou da soja.

Para evitar arriscado empobrecimento nutricional pela inviabilidade de consumir a bebida mais facilmente encontrada no mercado, recorre-se ao leite de arroz  que para muitos se revela opção surpreendente e efetiva.

Em tempos de aperto financeiro…

Há um motivo que atinge um público bem mais abrangente, seja o seu tio indiferente ao desconforto da balança, sua sogra que parece que, se ficasse sem recursos, jantaria o cão da família sem pestanejar, seu primo que dá impressão de provocar mais alergia nos outros do que sofrer de alguma, o maridão que já temperou a salada com detergente pensando se tratar do vinagre e teve que ser informado do engano por você enquanto mastigava uma porção com total indiferença.

O bolso. A grana. O “tutu”.

Leite de arroz é mais barato porque pode ser feito em casa sem demandar grande tempo ou ingredientes mirabolantes.

Na hora de colocar no papel e perceber que a diferença em termos de gosto não é tão acintosa (pode ser até melhor, porque fica a critério do consumidor definir o que prefere acentuar na hora do preparo), mas é significativa em termos de números, uma galera não pensa 2 vezes para promover a troca e se beneficiar com a economia no fim do mês.

Mas atenção: não vá procurar o leite de arroz no supermercado pensando em cortar despesa e se livrar do trabalhinho de fazer o leite (deixe de preguiça, verá a seguir como não é nenhum bicho de 7 cabeças), porque vai se… danar.

No mercado é caro pra chuchu: 1 litro pode sair por 20 malditos Temers.

Acresce que o leite de arroz de processo industrializado perde algumas de suas qualidades que beneficiam a saúde pois, geralmente, são adicionados a ele elementos químicos que estragam a brincadeira.

Sério, é bem mais econômico e saudável você mesmo pegar os ingredientes e fazer o leite de arroz no modo caseiro.

Mas como faz esse “trem”, afinal?

Informações nutricionais

Mas antes… não podemos esquecer da promessa acima de exibir um comparativo nutricional entre o leite de arroz e o de vaca.

Confira a tabela abaixo:

Leite de Vaca (100 gramas)
Açúcar 5 gramas
Cálcio 125 miligramas
Calorias 42
Carboidratos 5 gramas
Colesterol 5 miligramas
Ferro 0 miligramas
Fibra Alimentar 0 gramas
Gorduras Totais 1 gramas
Gorduras Saturadas 0,6 gramas
Gorduras Poliinsaturadas 0 gramas
Gorduras Monoinsaturadas 0,3 gramas
Magnésio 11 miligramas
Potássio 150 miligramas
Proteínas 3,4 gramas
Sódio 44 miligramas
Vitamina A 1,175 microgramas
Vitamina B6 0 miligramas
Vitamina B12 0,5 microgramas
Vitamina C 0 miligramas
Vitamina D 0,025 microgramas

Agora repare nos valores das gorduras, vitaminas e o colesterol do leite de arroz:

Leite de Arroz (100 gramas)
Açúcar 5 gramas
Cálcio 118 miligramas
Calorias 47
Carboidratos 9 gramas
Colesterol 0 miligramas
Ferro 0,2 miligramas
Fibra Alimentar 0,3 gramas
Gorduras Totais 1 gramas
Gorduras Saturadas 0 gramas
Gorduras Poliinsaturadas 0,3 gramas
Gorduras Monoinsaturadas 0,6 gramas
Gorduras Trans 0 gramas
Magnésio 11 miligramas
Potássio 27 miligramas
Proteínas 0,3 gramas
Sódio 39 miligramas
Vitamina A 5,2 microgramas
Vitamina B6 0 miligramas
Vitamina B12 0,6 microgramas
Vitamina C 0 miligramas
Vitamina D 10,5 microgramas

Como fazer leite de arroz?

A quantidade de alguns ingredientes do leite de arroz pode variar dependendo de sua intenção, se quer volume que abasteça por 1 semana, 1 dia, alguns dias etc.

Siga as instruções a seguir como um teste inicial e depois ajuste-as conforme o seu gosto e comodidade:

  • Despeje em 1 panela 1 xícara de arroz natural ou integral;
  • Duas ou 3 xícaras de água;
  • Coloque no fogo, cozinhe por 15 minutos, com panela vedada, ou até os grãos ficarem amolecidos;
  • Ponha o conteúdo no liquidificador, sem coar.

Nessa parte, terá algumas opções para adicionar sabor:

  • Uma colher de chá de extrato de baunilha;
  • Canela;
  • Cardamomo;
  • Castanha;
  • Duas colheres de mel;
  • Duas colheres de óleo de girassol.

Independente da opção (que pode ser mais de uma, personalize conforme suas preferências), inclua 1 colher de chá de sal.

  1. Triture no liquidificador até ficar líquido;
  2. Coe;
  3. Guarde na geladeira e consuma-o em até 6 dias.

Considerações finais

O leite de arroz é uma alternativa ao leite de vaca, procurada por pessoas que pretendem perder peso, pelo fato da substância ter menos gorduras e colesterol, por vegetarianos e veganos, por pessoas alérgicas ou intolerantes ao gênero lácteo tradicional e por aqueles que buscam uma solução mais econômica, sem ocasionar empobrecimento de proteínas.

Esse conteúdo foi útil para você? Então curta, compartilhe, veja mais de nossa seção de nutrição. Seu apoio faz a diferença!

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */