Cabelos

Mechas invisíveis: conheça essa tendência e veja como aderir

As tendências em beleza capilar também apresentam inovações quando se trata da coloração. As mechas invisíveis (também chamadas de transparentes) estão em clara ascensão no mundo da moda.

Como é uma técnica considerada de baixa agressividade, ela preserva a vivacidade dos fios, podendo ser utilizada por mulheres de todos os estilos e tipos de cabelos.

Os salões de beleza, que vivenciaram o boom das mechas texanas e californianas, agora recebem cada vez mais solicitações de clientes que desejam, por meio das mechas invisíveis, obterem efeitos ainda mais iluminados para comporem o visual.

Vale lembrar que as mechas invisíveis ficam lindas em todos os tons de cabelos, desde os ruivos até os mais claros. Se você deseja saber mais sobre o assunto, apresentamos, ao longo deste post, as principais informações a respeito dessa nova tendência. Boa leitura!

Mechas invisíveis: a opção ideal para todos os tipos de cabelo

As mechas invisíveis são discretas e suaves. Sendo assim, caso você não goste de promover mudanças radicais em seu visual, elas são a opção ideal. Tratam-se, em suma, de mechas bastante finas, com não mais do que 2 tons (por vezes, apenas 1) abaixo da sua cor natural de cabelo.

Dessa forma, elas se mesclam com o tom de fundo e geram um efeito bastante iluminado e, o que é melhor, bem mais natural do que o obtido com outras técnicas. O segredo para o sucesso está na escolha adequada dos tons.

Utilização da colorimetria

Mulheres loiras podem, de acordo com os métodos da colorimetria, utilizar tons mais platinados ou perolados, enquanto as morenas, por sua vez, podem escolher tons caramelo ou avermelhados.

Para compor um lindo visual com as suas mechas invisíveis, a qualidade do corte de cabelo adotado exerce grande influência para realçar (ou não) o contraste. Por esse motivo, combinar diferentes camadas com uma franja (de preferência, lateral) pode deixar o look mais despojado, potencializando os efeitos dessa técnica.

Quais técnicas devem ser usadas para as mechas invisíveis

Embora o efeito seja muito similar, há distintas técnicas que podem ser usadas para chegar ao efeito que você tanto deseja. Se persistirem dúvidas acerca da técnica ideal para você, consulte a opinião do seu cabeleireiro ou hair stylist. Para ajudar você na escolha, confira, a seguir, uma breve lista com os principais métodos:

Diagonal

Na técnica diagonal, as mechas são separadas em diagonal, seguindo uma linha de cima para baixo da sua cabeça. O resultado consiste no surgimento de belíssimos pontos assimétricos e luminosos.

Ziguezague

A técnica ziguezague representa outra maneira de fazer as mechas invisíveis. Os seus cabelos serão divididos a partir da raiz, fazendo com as mechas se misturem aos fios de cabelo naturais.

Em camadas

A técnica em camadas costuma ser usada para descolorir, em locais estratégicos, cabelos de diferentes espessuras.

Marmorização

A marmorização é uma técnica comumente indicada para quem tem cabelos mais escuros, pois ela é capaz de minimizar o contraste entre a cor natural e as mechas.

Como cuidar das suas mechas invisíveis?

A despeito da sutileza inerente às mechas invisíveis, elas – bem como as demais técnicas que descolorem os fios – requerem certos cuidados. Após a aplicação deste procedimento, você deve ficar atenta com a correta hidratação dos cabelos, uma vez que a descoloração tende a deixá-los mais quebradiços e secos.

Shampoos de coloração arroxeada podem contribuir para manter a cor original das suas mechas invisíveis, sobretudo, se elas forem mais acinzentadas e platinadas.

O efeito estético gerado pelas mechas invisíveis

As mechas invisíveis, conforme mencionado, iluminam todo o cabelo e eliminam os contrastes, isto é, ao visualizar os fios, não será possível determinam onde eles começam e terminam.

Como há diversas técnicas para conseguir esse efeito, tudo dependerá de sua preferência. Para uma mistura homogênea entre fios naturais e claros, o profissional escolhido poderá empregar a técnica “ziguezague”. Se, porém, você deseja um caimento natural, o método mais indicado é o “diagonal”.

A técnica “em camadas” serve para deixar poucas mechas no topo da cabeça e mais na parte de baixo e de dentro. Se você tem cabelos escuros, considere a técnica de “marmorização”. Assim, o profissional começará com um tom claro para, em um segundo momento, fazer as mechas invisíveis.

A adesão à tendência das mechas invisíveis pode ser feita por todas as mulheres, seja qual for a cor de seus cabelos, desde que se lembre de deixar as mechas em, no máximo, 2 tons mais claros:

  • Morenas: tons de castanho claro, caramelo e mel;
  • Ruivas: dourado-acobreado;
  • Loiras: um efeito estético mais sofisticado pode ser alcançado a partir da mistura de até 3 diferentes nuances.

Quais produtos são indicados?

Cabelos coloridos ou tingidos – como no caso das mechas invisíveis – ficam mais sensíveis e, como vimos, requerem cuidados extras. Por esse motivo, é altamente recomendável utilizar produtos especificamente desenvolvidos para cabelos tratados quimicamente, como Shampoo “Regenerate Nutrition” da Dove.

Este produto limpa e elimina quaisquer resíduos que possam prejudicar a saúde capilar, preparando os fios para receber a hidratação intensa propiciada pelo condicionador da marca.

Para modelar e desembaraçar os fios, você pode experimentar o “Restauração Instantânea”, da Seda. Este creme para pentear funciona como um excelente complemento aos seus cuidados diários, aumentando a proteção do fio contra os danos externos.

Além de contar com uma tecnologia (Nutri Queratina) que não existe em outros produtos, a fórmula do “Restauração Instantânea” tem microcápsulas que agem nos cabelos (mesmo depois de secos), de modo que o seu uso contínuo reduz as pontas duplas e controla o frizz.

Como o efeito “invisível” é obtido?

A coloração das mechas invisíveis é diferente, entre outras coisas, porque busca construir a naturalidade da cor, evitando marcar as mechas que, assim, não ficam muito diferentes do tom natural dos cabelos, mas com uma gradação de cor que apenas é encontrado nos cabelos das crianças.

Para atingir as nuances das mechas invisíveis, que podem ir do preto até o loiro, os polímeros são isolados entre as colorações – trata-se de uma tecnologia similar à utilizada nos laboratórios para a separação entre glóbulos brancos e vermelhos.

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.