Nutrição

Molho de pimenta para feijoada: 6 receitas de dar água na boca

Fazer o seu próprio molho de pimenta para feijoada representa mais do que apenas preparar um acompanhamento para esse prato tão tradicional: significa integrar uma cultura rica e, a seu modo, contribuir para a perpetuação dos elementos próprios à nossa identidade nacional.

A alma brasileira aprendeu, ao longo de cinco séculos de simbiose irrestrita entre etnias variadas que para dar o tom necessário de uma vida bem vivida é crucial aprender a arte de conferir cores e perfumes especiais a tudo o que existe em nossa terra.

Pensando nisso, apresentamos, a seguir, 6 excelentes receitas para você fazer o seu molho de pimenta para feijoada e surpreender seus amigos e entes queridos com muito sabor. Boa leitura!

1. Molho de pimenta com caldo de feijão

Para fazer o molho de pimenta para feijoada, empregando o seu próprio caldo (um dos métodos mais tradicionais, diga-se de passagem) você precisará de:

  • 2 tomates bem picados e sem sementes;
  • Caldo suficiente para “chegar ao ponto”, isto é, cerca de 4 conchas;
  • 2 cebolas pequenas e bem picadas;
  • 2 colheres de sopa de azeite;
  • 6 colheres de chá de molho de pimenta pronto (desses vermelhinhos que você encontra em qualquer supermercado);
  • Meia pimenta malagueta;
  • 1 maço de cebolinhas cortadas em fatias bem finas;
  • 4 colheres de sopa de vinagre.

O preparo não poderia ser mais simples: basta misturar tudo e servir com a sua feijoada!

2. Molho de pimenta dedo-de-moça

Se você aprecia uma das pimentas mais conhecidas em nosso país, se encantará com essa receita. Os ingredientes são:

  • 2 xícaras do caldo da sua feijoada;
  • Cebolinha a gosto;
  • 1 cebola;
  • 3 pimentas dedo-de-moça.

Pique a cebolinha, a cebola e as pimentas. Em seguida, misture tudo com o caldo. Lembre-se de adicionar a cebolinha apenas no momento de servir e, também, de não utilizar pimenta dedo-de-moça moída, desidratada, em conserva ou líquida. As pimentas frescas fazem toda a diferença, sobretudo, para quem gosta de um sabor picante na feijoada.

3. Molho de pimenta com feijão preto

Diferentemente da receita de molho de pimenta com o caldo da feijoada, nesta preparação você utilizará, também, grãos de feijão. Os ingredientes são:

  • 4 copos de feijão preto;
  • 12 pimentas bode; amassadas e sem sementes;
  • 4 copos de caldo de feijão;
  • Cheiro-verde a gosto;
  • 500 g de bacon cortado em pequenos cubos;
  • 6 dentes de alho amassados;
  • 2 cebolas bem picadas;

Frite o bacon em um pouco de óleo (ou azeite). Depois de fritar, insira o alho e deixe-o dourar, coloque a cebola e quando ela estiver bem refogada coloque o feijão e o caldo, deixando ferver por alguns minutos.

Acrescente as pimentas, acerte o sal e apague o fogo. Antes de servir, coloque cheiro-verde.

Caso deseje um molho mais ou menos ardido, basta aumentar ou diminuir a quantidade de pimentas bode. Além de ser um formidável acompanhamento para a feijoada, este molho de pimenta pode ser colocado diretamente sobre o arroz e, assim, acompanhar outros pratos à base de feijão ou carne vermelha.

4. Molho “doce”

Essa receita de molho de pimenta doce é uma das mais versáteis, entre as opções que apresentamos neste artigo. Além de ser um ótimo molho de pimenta para feijoada, você poderá armazená-lo na geladeira e utilizar em uma infinidade de preparações. Você precisará de:

  • 6 dentes de alho;
  • 2 xícaras de açúcar;
  • 12 pimentas vermelhas;
  • 2 xícaras de vinagre branco (500ml).

Corte as pimentas em pequenos pedaços. Para esta receita você não precisará remover as sementes (a não ser que, embora você goste do sabor da pimenta, não aprecia o gosto picante).

Coloque o açúcar em uma panela com a pimenta picadinha e o vinagre branco. Mexa essa mistura em fogo baixo até dissolver completamente o açúcar (espere até que apareça uma espécie de líquido transparente). Quando começar a se formas bolhas no fundo da sua panela, você deve parar de mexer e deixar cozinhas por 20 minutos.

Passado esse tempo, inclua o algo, misture tudo novamente e deixe cozinhas por outros 20 minutos. Utilize imediatamente em seu prato e guarde o restante em um recipiente esterilizado.

5. Molho de pimenta “clássico”

Embora a receita clássica seja, de modo geral, vista como um verdadeiro coringa, podendo ser empregado para abrilhantar quase todos os tipos de pratos, adaptamos sua estruturação para fazer dele o molho de pimenta para feijoada ideal para quem deseja dar um toque de classe à sua preparação. Os ingredientes são:

  • 300 g de pimentas dedo-de-moça;
  • 160 g de tomate pelado;
  • 6 dentes de alho;
  • 2 colheres de chá de sal;
  • 1 cebola roxa grande;
  • 1 colher de chá de orégano;
  • 120 ml de vinagre branco;
  • Meia colher de chá de noz-moscada;
  • 30 ml de vinho branco ou uísque;
  • Um pouco de açúcar (coloque uma pitada de cada vez e vá provando para garantir que não adocique demasiadamente o seu molho de pimenta para feijoada);
  • 120 ml de azeite de oliva;

Para fazer essa receita, é recomendável utilizar luvas, a fim de impedir que as suas mãos se queimem. Você deve lavar e secar bem as pimentas dedo-de-moça, retirando o seu cabo (pelo menos, aquela parte verde), cortando-as pela metade e, com o auxílio de uma faca, raspando as sementes.

Coloque as pimentas dedo-de-moça em uma panela com água quente e, depois que tiver começado a ferver, aguarde cerca de 5 minutos antes de escorrer e secar as pimentas (use papel-toalha).

Insira as pimentas e os demais ingredientes em um liquidificador e deixe bater até que você obtenha uma mistura de consistência homogênea. Utilize imediatamente o molho em sua feijoada e guarde o restante, em recipientes esterilizados, na sua geladeira.

Uma boa dica é deixar este molho de pimenta para feijoada descansando por três dias: ele ficará ainda melhor e muito mais saboroso.

6. Molho termogênico para feijoada diet

Se você está fazendo dieta ou passando por um processo de readequação alimentar e, nesse contexto, optou por consumir uma feijoada diet, não faz sentido utilizar um molho extremamente calórico, não é mesmo?

Utilizar um molho de pimenta para feijoada pode ser, por mais incrível que pareça à primeira vista, um poderoso aliado para quem faz regime, deseja acelerar o metabolismo ou, simplesmente, queimar gorduras.

Isso porque a pimenta é um alimento termogênico, ou seja, ela pode incrementar o gasto calórico do seu organismo durante o processo metabólico e o digestivo. Para fazer essa deliciosa receita, você precisará dos seguintes ingredientes:

  • Pimenta malagueta (lembre-se de retirar os talos);
  • Vinagre;
  • Cebola.

Para esta receita, não incluímos as quantidades, uma vez que essa decisão dependerá do porcionamento indicado em cada caso específico.

A preparação é muito simples: tudo o que você terá de fazer é bater todos os ingredientes no liquidificador e, depois, colocar em potes esterilizados. Pronto: você terá, com este molho de pimenta para feijoada diet, uma deliciosa opção termogênica para variar as suas refeições.

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.