Emagrecimento Nutrição

Como usar o óleo de coco para cozinhar? Confira dicas

Você já deve ter ouvido falar por aí sobre o quanto o óleo de cozinha comum pode fazer mal à saúde, não é mesmo? Isso porque ele é rico em gorduras polinsaturadas que, quando expostas ao oxigênio – como no ato de colocar o óleo na panela, por exemplo – oxidam-se e transformam-se em radicais livres, responsáveis por matar cada uma das células do nosso corpo.

O resultado disso é de vários problemas de saúde, como aumento no colesterol ruim (LDL) e, portanto, mais doenças cardiovasculares, entre outros malefícios. Não é à toa que várias pessoas, com o intuito de melhorar a alimentação e levar uma vida mais saudável, estão aderindo a outros tipos de óleo para preparar as suas refeições.

O mais conhecido neste sentido é o óleo de coco, muito famoso atualmente por seus inúmeros benefícios à saúde, que, diga-se de passagem, não são poucos. Ele ajuda a emagrecer e, ainda, previne uma série de doenças graças às suas ações antibacteriana, antiviral, antiprotozoária, antioxidante e anti-inflamatória – entre outras tantas – no nosso corpo.

Além disso, a principal vantagem em usar o óleo de coco para preparar alimento é o fato de ele ser capaz de suportar altas temperaturas sem oxidar, ao contrário do óleo de cozinha comum e outros óleos vegetais, o que o torna ainda mais benéfico à saúde.

E não para por aí… Incluir este tipo de óleo ainda deixa a dieta mais saborosa, com aquele gostinho de coco! Não é uma maravilha? Então, que tal começar a usar o óleo de coco agora mesmo na cozinha? Se você ainda não sabe como fazer isso, continue lendo esse artigo até o final e confira as nossas dicas.

Benefícios

como-usar-oleo-de-coco-na-cozinha

Como falamos acima, usar o óleo de coco no preparo dos alimentos da sua dieta pode trazer vários benefícios para a saúde. Veja a seguir os principais deles:

  • Diminui o colesterol ruim (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL);
  • Previne doenças cardiovasculares;
  • Evita o acúmulo de gordura no organismo, ajudando no emagrecimento;
  • Transforma a gordura corporal em energia, melhorando a disposição à prática de atividades físicas;
  • Atua com ações antivirais, antibacterianas, anti-inflamatórias e antifúngicas no organismo, prevenindo uma série de doenças;
  • Potencializa a queima de calorias pelo corpo;
  • Prolonga a sensação de saciedade no estômago, diminuindo a fome e, portanto, ajudando a emagrecer.
  • Melhora a digestão;
  • Controla os níveis de açúcar no sangue;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Trata e previne o hipotireoidismo;
  • Previne o envelhecimento precoce;
  • Previne a osteoporose.

Como utilizá-lo na cozinha?

como-cozinhar-com-oleo-de-coco

O óleo de coco pode ser utilizado para preparar as mais diversas receitas, sejam elas quentes ou frias. A dica é substituí-lo sempre quando for usar o óleo de cozinha comum ou outro tipo de óleo.

Em algumas receitas, ele não deixa muito gosto de coco, que é a dúvida da maioria das pessoas. Em outras, é o seu gostinho que deixa o alimento ainda mais delicioso.  Veja algumas dicas para usá-lo:

Para refogar alimentos

Você pode usar o óleo de coco para refogar outros temperos, como o alho e a cebola, no preparo das refeições, como carnes e frangos, por exemplo. É só substituí-lo pelo óleo de cozinha comum.

Para grelhar alimentos

Outra dica é utilizar o óleo de coco para grelhar carnes em geral, como hambúrgueres, frangos e peixes, ou outro alimento que precise ir à grelha para ser consumido.

Para substituir a manteiga/margarina

Há pessoas que gostam de substituir a manteiga/margarina das receitas ou torradas e pães pelo óleo de coco. Você pode usá-lo na mesma quantidade que a manteiga ou 25% a menos do que a quantidade de manteiga necessária para passar no pão, torrada ou no preparo de outras receitas.

Para regar saladas

O óleo de coco é considerado mais benéfico para a saúde do que o óleo de azeite extra virgem e o óleo de soja. Por isso, também é uma boa opção substituir estes dois itens na hora de regar saladas e legumes crus. Além de mais saudável, ainda fica mais saboroso!

Para preparar receitas

A versatilidade do óleo de coco na cozinha é enorme. Portanto, você pode misturá-lo outros alimentos, como aveia cozida, farinha de trigo, panquecas, entre outros, para obter os seus efeitos benéficos, sem tirar o sabor normal das receitas.

Dosagem diária recomendada

Coconut oil

O consumo recomendado do óleo de coco é de, no máximo, três colheres (sopa) por dia. O seu excesso pode causar alguns sintomas indesejados.

Efeitos colaterais

Apesar de muito benéfico à saúde, se consumido em excesso, o óleo de coco pode trazer efeitos colaterais, como diarréias, devido ao seu efeito laxativo, e aumento de peso corporal, uma vez que cada colher de óleo de coco contém cerca de 120 calorias, o que pode ser prejudicial para quem está em busca do emagrecimento.

Contraindicações

O óleo de coco não é recomendando em casos de pessoas com esteatose hepática (gordura no fígado) e pessoas que sofrem com um processo digestivo lento.

Onde comprar?

O óleo de coco pode ser comprado em lojas ou mercados de produtos naturais. Você pode encontrá-lo nas versões virgem, extra virgem ou refinado. A mais indicada para se utilizar na cozinha é a extra virgem, uma vez que apresenta maior resistência ao calor e possuir mais propriedades benéficas à saúde.

Preço

O óleo de coco é considerado um produto relativamente caro, devido aos seus benefícios à saúde. Um pote de 200 gramas custa, em média, R$ 30. Já o de 500 gramas custa, aproximadamente, R$ 50.

No entanto, é um produto que vale a pena comprar, mesmo não sendo tão barato. Isso porque, além de muito benéfico à saúde, ele rende bastante, bem mais que o óleo de cozinha comum, tendo uma durabilidade maior que este último.

LISTA VIP!
Nossas Dicas no seu Email
Seja a primeira a saber das nossas últimas dicas. Coloque seu email abaixo e receba nossos posts:
Cadastrar!
close-link
/* ]]> */